Bom dia, Internauta! Seja bem-vindo(a) ao Site Itaquiraí Em Foco!
Documento sem título

,09/12/217 às 08:38

Brasil já pode exportar ovos in natura e processados para a África do Sul País também está negocia

Brasil já pode exportar ovos in natura e processados para a África do Sul

País também está negociando com autoridades sul-africanas um certificado para enviar material genético avícola


,02/12/2017 às 08:42

Brasil fatura 47% a mais com exportações de carne bovina em novembro Embarques de frangos também c

Brasil fatura 47% a mais com exportações de carne bovina em novembro

Embarques de frangos também cresceram no mês, em relação a novembro do ano passado; vendas de suínos recuaram no período
Canal Rural - Leia mais no link http://www.canalrural.com.br/noticias/pecuaria/brasil-fatura-mais-com-exportacoes-carne-bovina-novembro-70133 ou compartilhe este conteúdo através das ferramentas oferecidas na página. Os textos, fotos, vídeos e demais conteúdos do Canal Rural estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral, e não podem ser reproduzidos sem autorização prévia. Caso queira replicar algum conteúdo do Canal Rural, por favor, utilize o link original ou entre em contato

CANAL RURAL


,25/11/2017 às 08:23

Produtores de leite fazem manifestação por preço mínimo e contra importação do Uruguai Entre as re

Produtores de leite fazem manifestação por preço mínimo e contra importação do Uruguai

Entre as reivindicações da categoria também estão o estabelecimento de preço mínimo e a antecipação de pagamentos


,18/11/2017 às 08:55

Defesa Sanitária lança aplicativo para setor animal em dezembro

Voltada a veterinários e criadores, ferramenta servirá para envio de notificações às autoridades sanitárias sobre suspeitas de ocorrências de doenças ou focos

Defesa Sanitária lança aplicativo para setor animal em dezembro

Voltada a veterinários e criadores, ferramenta servirá para envio de notificações às autoridades sanitárias sobre suspeitas de ocorrências de doenças ou focos
Defesa Sanitária lança aplicativo para setor animal em dezembro

Voltada a veterinários e criadores, ferramenta servirá para envio de notificações às autoridades sanitárias sobre suspeitas de ocorrências de doenças ou focos

CANAL RURAL


,30/09/2017 às 08:23

Estado abateu 160,1 mil bovinos de janeiro a agosto

Mato Grosso do Sul destinou, de janeiro a agosto deste ano, 160.120 mil animais para serem abatidos em estados.

Os dados são do último boletim da pecuária elaborado pela Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul (Famasul).

De acordo com ele, desse total, 46,5% das operações ocorreram somente entre os meses de julho e agosto, em decorrência do decreto do governo estadual que reduziu de 12% para 7% a alíquota do Imposto sobre Circulação de Mercadoria e Serviços (ICMS) do boi em pé.

Somente nos dois últimos meses, foram comercializadas 74.477 mil cabeças. Os números são ainda maiores quando levado em consideração balanço parcial deste mês.

De acordo com dados da Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar (Semagro), de julho até a primeira quinzena de setembro, foram comercializados 86,986 mil animais para outros estados.

O número corresponde a um aumento de 364,6% em comparação com o mesmo período do ano passado, quando as comercializações fecharam em 18,719 mil bovinos, somando a esse total todo o volume do mês de setembro.

Somente na primeira quinzena deste mês, foram destinadas para outros estados 12,509 mil cabeças. O volume corresponde a um aumento de 813,8% em comparação com todo o mês de setembro de 2016, por exemplo, quando o estado havia exportado 1,537 mil animais.

“Essa medida trouxe uma maior competitividade para os animais produzidos em MS e liquidez para os produtores”, avaliou a Famasul.

Fonte: CORREIO DO ESTADO


,10/06/2017 às 08:45

Construção ilegal de dreno gera multa de R$ 10 mil a fazendeiro do MS

No local, havia uma valeta de 243 metros de comprimento, por 1,5 metros de largura e 1 metro de profundidade, para dreno das águas pluviais, com destino a uma várzea.

O fazendeiro foi multado em R$ 10 mil e responderá também por crime ambiental cuja pena varia de três a seis meses de prisão.

As atividades foram paralisadas. O autor foi notificado a realizar um Plano de Recuperação de Áreas Degradadas e Alteradas (PRADA), junto ao órgão ambiental.
Com informações PMA

NOTICIAS DA PECUARIA


,20/05/2017 às 08:25

Brasil exportará gado vivo para o Kuwait

De acordo com informações divulgadas no início da semana pela Kuwait News Agency (Kuna), o Kuwait irá abrir seu mercado para exportações brasileiras de animais vivos.

O anúncio ocorreu depois de reunião do Ministro da Agricultura, Blairo Maggi com o ministro de Estado das Municipalidades e presidente da Autoridade Pública para Agricultura, Mohammad Al-Jabri, e com o ministro da Indústria e Comércio do país, Khaled Nasser Abdullah Al Roudan, no final da tarde de segunda-feira.

A demanda por bovinos no Kuwait varia de 6 mil a 10 mil cabeças por ano. O país importa muito mais ovinos, cerca de 1 milhão de cabeças anualmente, somente da Austrália.

Os kuaitianos pretendem ainda enviar uma missão técnica ao Brasil para visitar fazendas e laboratórios com o objetivo de reabrir o mercado para a carne bovina brasileira, cujas importações foram suspensas em 2012.
Com informações assessoria de imprensa


,06/05/2017 às 08:35

Pecuaristas do Pantanal podem vacinar animais contra febre aftosa em maio ou novembro

Teve início na última segunda-feira (1º) a campanha de vacinação contra a febre aftosa. A primeira etapa segue até o dia 31 de maio.

Porém pecuaristas da região do Pantanal (MS) podem optar por vacinar os animais nesse período ou na campanha do mês de novembro.

Essa flexibilidade deve-se às peculiaridades da região e dificuldades de acesso à vacinação.

Segundo informações do portal de notícias do Governo de MS, os pecuaristas do Pantanal tem ainda um prazo maior para realizar a vacinação nas duas campanhas. Para essa primeira etapa a vacinação teve início no dia 1º de maio e vai até 15 de junho.

Com informações Notícias GOV MS


,06/05/2017 às 08:35

Pecuaristas do Pantanal podem vacinar animais contra febre aftosa em maio ou novembro

Teve início na última segunda-feira (1º) a campanha de vacinação contra a febre aftosa. A primeira etapa segue até o dia 31 de maio.

Porém pecuaristas da região do Pantanal (MS) podem optar por vacinar os animais nesse período ou na campanha do mês de novembro.

Essa flexibilidade deve-se às peculiaridades da região e dificuldades de acesso à vacinação.

Segundo informações do portal de notícias do Governo de MS, os pecuaristas do Pantanal tem ainda um prazo maior para realizar a vacinação nas duas campanhas. Para essa primeira etapa a vacinação teve início no dia 1º de maio e vai até 15 de junho.

Com informações Notícias GOV MS


,06/05/2017 às 08:35

Pecuaristas do Pantanal podem vacinar animais contra febre aftosa em maio ou novembro

Teve início na última segunda-feira (1º) a campanha de vacinação contra a febre aftosa. A primeira etapa segue até o dia 31 de maio.

Porém pecuaristas da região do Pantanal (MS) podem optar por vacinar os animais nesse período ou na campanha do mês de novembro.

Essa flexibilidade deve-se às peculiaridades da região e dificuldades de acesso à vacinação.

Segundo informações do portal de notícias do Governo de MS, os pecuaristas do Pantanal tem ainda um prazo maior para realizar a vacinação nas duas campanhas. Para essa primeira etapa a vacinação teve início no dia 1º de maio e vai até 15 de junho.

Com informações Notícias GOV MS


,08/04/217 às 08:23

Setor de carne bovina vê recuperação nos embarques entre abril e maio

SÃO PAULO (Reuters) - As exportações de carne bovina do Brasil deverão voltar a patamares próximos da normalidade entre abril e maio, após terem sido afetadas em março pelos embargos temporários impostos por importadores em reação à operação Carne Fraca da Polícia Federal, afirmou nesta sexta-feira a Associação Brasileira de Frigoríficos (Abrafrigo).

Essa recuperação deverá ocorrer na medida em que os principais países importadores retiraram as principais barreiras após esclarecimentos do governo federal, que apontaram para problemas pontuais no setor de carnes.

Em março, por consequência do impacto da operação, o Brasil exportou 124.880 toneladas de carne in natura e processada, queda de 8 por cento ante o mesmo mês do ano passado, enquanto a receita somou 489 milhões de dólares, recuo de 3 por cento na mesma comparação.

No acumulado do primeiro trimestre, o Brasil exportou 331.788 toneladas, obtendo receita de 1,3 bilhão de dólares, com retrações de 7 por cento e 3 por cento ante o mesmo período de 2016, respectivamente.

Apesar dos problemas em março, exportadores de carnes mantêm projeções de embarques em 2017.

(Por Roberto Samora)

Tags: Boi
Fonte: Reuters


,14/09/2016 às 08:34

Preço da arroba do boi gordo registra aumento no início da semana

Dados divulgados pela Scot Consultoria revela que o aumento aconteceu nos seguintes locais:

- Norte de Minas Gerais: R$ 141 para pagamento à vista e R$ 143 para pagamento a prazo;

- Goiânia (GO): R$ 136 para pagamento à vista e R$ 138 para pagamento a prazo;

- Oeste da Bahia: R$ 147 para pagamento à vista e R$ 149 para pagamento a prazo.

- Oeste de Santa Catarina: R$ 149 para pagamento à vista e R$ 151 para pagamento a prazo.

- Oeste do Maranhão: R$ 125 para pagamento à vista e R$ 127 para pagamento a prazo.

- Redenção (PA): R$ 128 para pagamento à vista e R$ 130 para pagamento a prazo.

- Sudeste de Rondônia: R$ 127 para pagamento à vista e R$ 129 para pagamento a prazo.

- Acre: R$ 117 para pagamento à vista e R$ 120 para pagamento a prazo.

- Espírito Santo: R$ 142 para pagamento à vista e R$ 144 para pagamento a prazo.

O maior preço foi registrado nas cidade de Araçatuba e Barretos, interior de São Paulo e também no Noroeste do Paraná. R$ 150 para pagamento à vista e R$ 152 para pagamento a prazo.

Mais informações sobre cotação estão disponíveis em:

https://www.scotconsultoria.com.br/cotacoes/boi-gordo/?ref=smn


,10/09/2016 às 08:36

Cepea alerta para baixa negociação de boi gordo

Entre o período de 30 de agosto e 6 de setembro, o Indicador ESALQ/BM&FBovespa do boi gordo cedeu 0,28%, fechando a R$ 148,15 na última terça-feira, 6.

Pesquisadores do Cepea revelaram que a oferta de animais para abate não é expressiva, o que limita quedas mais intensas.

Mais informações podem ser obtidas no site:

http://cepea.esalq.usp.br/imprensa/?page=340&id=7522


Com informações Cepea


,26/08/2016 às 08:15

Estado precisa recuperar dois milhões de pastagens degradadas

O Mato Grosso do Sul conta com 16 milhões de hectares de pastagens das quais, cerca de 50% estão degradadas, fator que compromete a produtividade e, consequentemente o potencial econômico da pecuária. Com o objetivo de estimular a recuperação dessas áreas por meio da integração lavou-pecuária-floresta, pecuária-floresta e pecuária-lavoura que, a Sepaf (Secretaria de Produção e Agricultura Familiar) e parceiros lançaram em março deste ano o Programa Terra Boa, com a meta de recuperar em cinco anos, ao menos dois milhões hectares de pastagens degradadas.

Na manhã de ontem, produtores rurais, profissionais de Ciências Agrárias e representantes de entidades envolvidas com o programa participaram do I Seminário do Programa Terra Boa, onde o programa de recuperação de pastagens foi detalhado quanto sua atuação e resultados previstos.

De acordo com o coordenador do programa, Rafael Alves, utilizando a metodologia correta, de acordo com a região e produção é possível elevar a produtividade acima dos 560%. "O impacto é muito grande, pois, em uma área degradada, a média de produtividade é de 0,7 a 0,8 cabeça por hectare. Após a recuperação, esse número sobe para 3 a 4 cabeças por hectare, mudando a produção de 3 arrobas por hectare ao ano para 15 a 20 arrobas ao ano por hectare", revela Alves.

Coordenador do programa, Rafael Alves destaca pontos positivos da iniciativa (FOTO - Fernando Antunes)
Não há áreas ou regiões determinadas com maior ou menor degradação no Estado, que foi dividido em dez polos regionais para a implementação do programa, com apoio dos sindicatos rurais e mobilizadores, onde de acordo com o potencial produtivo e de acordo com avaliação técnica, a propriedade recebe orientação sobre qual integração é a mais adequada para a recuperação da pastagem. "O sistema de integração é uma das opções que temos para desenvolver a recuperação que depende da localização e potencial produtivo, não dependendo apenas da pecuária, agricultura ou floresta", avalia o superintendente de Planejamento da Sepaf, Antônio de Souza Oliveira.

O programa Terra Boa conta com incentivo viabilizado pelo Estado, que, através de recursos do FCO (Fundo Constitucional de Financiamento do Centro-Oeste) e linhas de crédito na área do fomento do BNDES na área da agricultura de baixo carbono, financia o processo de recuperação. Segundo o superintendente do Banco do Brasil em MS, Evaldo Emiliano Souza, as taxas variam de acordo com o projeto adquirido. "As taxas podem variar entre 6% e 10% ao ano, tudo conforme o projeto necessário para a área ou interesse do produtor".

O titular da Sepaf, Fernando Lamas, destaca que um dos maiores desafios do setor é a integração entre agricultores e pecuaristas e que esta integração seria de grande ganho para todos os setores da sociedade. "As linhas de atuação são diferentes, mas o trabalho conjunto,´como da integração entre a pecuária, a agricultura e as florestas trariam grande redução na emissão de gases de efeito estufa, beneficiando o meio ambiente, traria desenvolvimento para a pecuária e ainda impulsionaria o setor de grãos, ou seja, ganhos econômicos, ambientais e sociais e este é um dos grandes objetivos deste programa", avalia Lamas.

Além do seminário, o Terra Boa conta com conjunto de iniciativas que constituem o programa. A partir de setembro, os técnicos da Sepaf, indutora do processo, começam a percorrer o interior do Estado, em continuidade às ações de mobilização, quando os 10 polos regionais receberão instruções sobre como inscrever seus projetos e propriedades rurais. Além de Campo Grande, as reuniões serão realizadas nos municípios de Coxim, São Gabriel, Chapadão do Sul, Três Lagoas, Jardim, Naviraí, Dourados, Ponta Porã e Nova Andradina.

O evento desta manhã contou com a participação do Banco do Brasil, Semade (Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico), Crea-MS (Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia), Sistema Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul), Sefaz (Secretaria de Estado de Fazenda, Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária), Sistema OCB, Assomasul (Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul) e Astec/MS (Associação das Assistências Técnicas Privadas de Mato Grosso do Sul).

O Seminário Terra Boa faz parte do conjunto de iniciativas que constituem o programa. A partir de setembro, os técnicos da Sepaf, indutora do processo, começam a percorrer o interior do Estado, dando continuidade às ações de mobilização. Ao todo, 10 polos regionais receberão instruções sobre como inscrever seus projetos e propriedades rurais. Além de Campo Grande, as reuniões serão realizadas nos municípios de: Coxim, São Gabriel, Chapadão do Sul, Três Lagoas, Jardim, Naviraí, Dourados, Ponta Porã e Nova Andradina.


,16/08/2026 às 08:22

Brasil exporta mais de 413 mil toneladas de carne suína

De janeiro a julho deste ano foram exportadas 413,3 mil toneladas (considerando todos os produtos de carne suína, entre in natura, embutidos e processados), volume 42,2% maior se comparado com o mesmo período de 2015.

Em faturamento o valor atingido foi de US$ 755,3 milhões.

Dentre os destinos de exportação, a Rússia segue na liderança com 17,1 mil toneladas embarcadas e 136 mil toneladas embarcadas entre janeiro e julho deste ano.

A China importou no mês passado 13,1 mil toneladas. No ano, o mercado chinês segue como terceiro maior destino, com 54,6 mil toneladas embarcadas entre janeiro e julho

Hong Kong ficou na terceira posição. Os embarques atingiram 11,5 mil toneladas em julho e com 98,2 mil toneladas embarcadas nos sete primeiros meses do ano.

“Há uma reconfiguração na participação dos mercados sobre o saldo geral. Antes responsável por quase metade de tudo que exportávamos, a Rússia, mesmo elevando suas compras, importa o equivalente a um terço do total do ano. Em sentido contrário, China e Hong Kong incrementaram suas importações, assim como outros mercados da Ásia e América do Sul como Chile, Argentina, Uruguai e Singapura. O setor hoje é menos dependente das vendas para o Leste Europeu”, explica Ricardo Santin, vice-presidente de mercados da ABPA.
Com informações ABPA

NOTICIAS DA PECUARIA


,11/08/2016 às 08:12

JBS aumenta bonificação para pecuaristas de MS

A JBS lançou um novo protocolo de tipificação de carcaça no qual o pecuarista será melhor remunerado pela qualidade de seus produtos e, em contrapartida, penalizará quem entregar produto inferior, considerado indesejável.

Segundo reportagem publicada na Revista DBO, o valor da bonificação que antes poderia chegar a R$ 5, poderá atingir até R$ 11 por arroba.

Confira trecho da matéria:

"A premiação da JBS pela carne de qualidade desejável (verde) é escalonada e pode chegar a R$ 6 a arroba, dependendo do tipo de animal, idade e escore de acabamento. Animais nível amarelo permanecem rendendo ao pecuarista o preço de balcão. Já animais vermelho (indesejáveis) terão penalidade de R$ 5 a arroba".

Leia a reportagem na íntegra na edição de julho da Revista DBO.
Com informações DBO

NOTICIAS DA PECUARIA


,06/08/2016 às 08:08

Semana fecha com queda no preço do boi gordo

Essa semana não foi muito favorável aos negócios. Houve queda de 1,6% no preço da arroba do boi gordo.

Colaboradores do Cepea revelam também que a oferta de animais para abate não tem sido muito expressiva, o que limita quedas mais intensas.

"O volume de carne bovina in natura exportada também diminuiu em julho. No mês, foram embarcadas 82,2 mil toneladas, queda de 15,6% frente a junho/16 e o menor volume desde março de 2015".

Mais informações: http://cepea.esalq.usp.br/imprensa/?page=340&id=7452
Com informações Cepea

NOTICIAS DA PECUARIA


,04/08/2016 às 07:58

Frigoríficos brasileiros vão exportar carne bovina in natura para os EUA

Foi anunciado na última segunda-feira (01) a abertura de mercado dos Estados Unidos à carne bovina in natura brasileira.

A cerimônia aconteceu em Brasília (DF) e contou com a presença do Presidente interino, Michel Temer; ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Blairo Maggi, a embaixadora dos Estados Unidos, Liliana Ayalde, entre outras autoridades e pessoas ligadas ao setor.

Com o acordo o Brasil poderá vender o produto para os norte-americanos, assim como os EUA poderá comercializar para o mercado brasileiro.

Segundo a Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carne (ABIEC) frigoríficos de 14 Estados (Bahia, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraná, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro, Rondônia, Santa Catarina, São Paulo, Sergipe e Tocantins) e do Distrito Federal estarão habilitados a exportar carne in natura.

A expectativa é de que os embarques comecem em 90 dias.
Com informações Abiec

NOTICIAS DA PECUARIA


,02/08/2016 às 07:36

Preço da arroba do boi gordo registra queda no mês de julho

Confira:

Foram registradas queda em:

- Barretos (SP): R$ 154 para pagamento à vista e R$ 156 para pagamento a prazo;

- Araçatuba (SP): R$ 154 para pagamento à vista e R$ 156 para pagamento a prazo;

- Dourados (MS): R$ 139 para pagamento à vista e R$ 141 para pagamento a prazo;

- Oeste da Bahia: R$ 147 para pagamento à vista e R$ 149 para pagamento a prazo;

- Sudoeste do Mato Grosso (MT): R$ 139 para pagamento à vista e R$ 141 para pagamento a prazo;

- Oeste de Santa Catarina: R$ 148,5 para pagamento à vista e R$ 150,5 para pagamento a prazo.

Não foi registrado aumento do valor em nenhum estado brasileiro.

De acordo com Juliana Serra, analista da Scot Consultoria, "o enfraquecimento da demanda por carne bovina no mercado atacadista tem feito com que os frigoríficos tentem pagar menos pela matéria-prima, colaborando para o viés baixista. No entanto, a oferta de boiadas continua restrita, fator que deve limitar quedas mais acentuadas".

Mais informações sobre cotações podem ser obtidas no site:

https://www.scotconsultoria.com.br/cotacoes/boi-gordo/?ref=smn
Com informações Scot Consultoria

NOTICIAS DA PECUARIA


,20/07/2016 às 08:28

Senado Federal aprova projeto de lei de combate ao abigeato

Foi aprovado pelo Senado Federal na última quarta-feira (11) pena mais rigorosa para quem realizar o furto e receptação de animais. A proposta do Projeto de Lei da Câmara (PLC 128/2015) é de autoria do deputado federal Afonso Hamm.

A proposta segue agora para sanção presidencial.

A proposta agrava a pena para quem cometer o furto de animais, mesmo depois de abatidos. Também pune o comércio de carne de procedência ilícita e estabelece pena de dois a cinco anos de reclusão para quem subtrai esses animais, ainda que abatidos ou divididos em partes.

Ainda enquadra como crime a comercialização; o armazenamento; a exposição à venda ou mesmo a entrega de carne ou outros alimentos sem origem controlada.

Afonso Hamm, comemora a decisão que resultará em mais tranquilidade ao produtor, ao consumidor e segurança no campo, além da pena maior para aqueles que cometem o crime de abigeato.

“Este tipo de crime tem gerado muitos prejuízos aos produtores, à genética, assim como, na comercialização da carne sem procedência lícita e que representa um risco à saúde pública”.
Com informações assessoria de imprensa


,14/07/2016 às

Hong Kong lidera exportação de carne bovina brasileira

A Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carne (Abiec) divulgou na última terça-feira (12) dados sobre a exportação de carne bovina brasileira.

O primeiro semestre de 2016 (janeiro a junho) registrou o embarque de 736 mil toneladas e faturamento de US$ 2,8 bilhões.

Hong Kong mantém a liderança como maior comprador do produto brasileiro. Durante o período foram embarcados 178 mil toneladas para a região. Um faturamento de mais de US$ 614 milhões.

Na sequência estão a China com mais de 87 mil toneladas embarcadas e faturamento de mais de US$ 365 milhões e em terceira posição está a União Europeia com mais de 58 mil toneladas embarcadas e mais de US$ 351 milhões de faturamento.

A carne in natura seguiu como a categoria de produtos mais exportada. No acumulado do primeiro semestre, foram mais de 573 mil toneladas, com faturamento de US$ 2,2 bilhões.
Com informações Abiec

NOTICIAS DA PECUARIA


,11/07/2016 às

Programa Senai Carne Vermelha participará da Beef Week MS

Durante a Beef Week está confirmado um minicurso sobre cortes de carne vermelha que integra o Programa Senai Carne Vermelha.

“Esse Programa tem como foco a valorização do produto por meio de cursos de qualificação profissional básica, de aperfeiçoamento profissional e palestras de sensibilização do consumidor final”, diz o gerente de tecnologia e inovação do Senai, Leandro Gustavo Shneider Neves.

O Beef Week MS será realizado no Centro de Convenções Rubens Gil de Camillo e consistirá na apresentação de pratos culinários envolvendo a carne bovina como atração principal. Dentro da semana da carne, nos dias 20 e 21, será promovido ainda o Circuito Intercorte, que reunirá profissionais da cadeia produtiva da carne em palestras e em uma feira tecnológica.

Com informações assessoria de imprensa


,11/07/2016 às

Programa Senai Carne Vermelha participará da Beef Week MS

Durante a Beef Week está confirmado um minicurso sobre cortes de carne vermelha que integra o Programa Senai Carne Vermelha.

“Esse Programa tem como foco a valorização do produto por meio de cursos de qualificação profissional básica, de aperfeiçoamento profissional e palestras de sensibilização do consumidor final”, diz o gerente de tecnologia e inovação do Senai, Leandro Gustavo Shneider Neves.

O Beef Week MS será realizado no Centro de Convenções Rubens Gil de Camillo e consistirá na apresentação de pratos culinários envolvendo a carne bovina como atração principal. Dentro da semana da carne, nos dias 20 e 21, será promovido ainda o Circuito Intercorte, que reunirá profissionais da cadeia produtiva da carne em palestras e em uma feira tecnológica.

Com informações assessoria de imprensa


,04/07/2016 às

Preço da carne bovina em alta no fim de junho

Segundo análise,o valor da arroba motivou o aumento dos preços dos cortes da carne bovina no fim de junho no mercado atacadista de São Paulo.

"Esse cenário pode estar atrelado ao menor poder de compra dos consumidores brasileiros, que preferem adquirir cortes mais baratos, como o dianteiro, em detrimento dos mais nobres, como o traseiro", diz dados do Cepea.

O Indicador ESALQ/BM&FBovespa (mercado paulista) fechou a R$ 155,79 na última quarta-feira, 29, queda de 1,58% frente ao dia 22. No acumulado de junho (até o dia 29), a variação é positiva, em 0,69%.

Mais informações: www.cepea.esalq.usp.br

Com informações Cepea


,01/07/2016 às

ExpoGenética 2016 terá Fórum Latino-Americano do Agronegócio Sustentável

O evento, considerado a principal exposição de animais avaliados no Brasil, traz em sua programação diversas atividades e também o Fórum Latino-Americano do Agronegócio Sustentável.

De acordo com informações da ABCZ, O Fórum tem como objetivo criar um espaço aberto à sociedade latino-americana, com a finalidade de discutir ações que contribuam para a preservação do meio ambiente, para a minimização da produção de rejeitos e de gases que afetam a atmosfera, para promover o conhecimento e incentivar o debate entre agricultores, pecuaristas, representantes governamentais, pesquisadores e estudantes.

A abertura do Fórum será no dia 23 de agosto, às 19h, no Centro de Eventos Rômulo Kardec de Camargos, e nos dias 24 e 25 as atividades serão desenvolvidas das 8h às 18h no mesmo local.

Confira a programação:

23 de agosto

18h00: Entrega de Materiais
19h00: Solenidade de Abertura
19h30: Políticas de fomento às boas práticas ambientais de produção na América - Fernando A. de S. Costa (MAPA- BRASIL)

24 de agosto

PAINEL PECUÁRIA

08h00: Impacto da mão de obra qualificada na sustentabilidade da pecuária - Drª. Stella Huertas (Univesidad de la Republica – URUGUAI)

09h00: Eficiência alimentar como parâmetro de seleção de ovinos - Dr. Mário Chizzotti (Universidade Federal de Viçosa – BRASIL)

10h00: Coffee break e visita aos estandes

10h30: Estratégias nutricionais (bovinos) para baixa emissão de metano no Uruguai - José Ignácio Velazco (Instituto Nacional de Investigaciones Agropecuarias, INIA – URUGUAI)

10h30: Estratégias nutricionais (bovinos) para baixa emissão de metano no Paraguai - Dr. Diego Ocampos (Facultad de Ciencias Agrarias - PARAGUAI)

11h30: Almoço

13h30: Manejo e tratamento de dejetos animais - Dr.ª Renata Soares Serafim (FAZU – BRASIL)

14h30: Caso de sucesso: Pecuária sustentável na Bolívia - Lorgio Paz Gutiérrez (Estancias Gutiérrez – BOLÍVIA)

15h30: Coffee break e visita aos estandes

16h00: Mesa Redonda

18h00: Reunião fechada com representantes da FAZU, palestrantes e convidados.

25 de agosto

PAINEL AGRICULTURA

08h00: Sustentabilidade dos sistemas produtivos nos trópicos - Dr. Juan Fernando Marrero (Universidad Central de Venezuela)

09h00: Uso eficiente da água de irrigação – monitoramento e manejo - Dr. Freddy Soto (Universidad de Costa Rica)

10h00: Coffee break e visita aos estandes

10h30: ILPF como base de seqüestro de carbono na produção agropecuária - Dr. Luiz Adriano Maia Cordeiro (EMBRAPA Cerrados/Sudeste)

11h30: Almoço

13h30 – 14h30 - Viabilidade do uso de resíduos agrícolas, agroindustriais e urbanos como fertilizantes - Dr.ª Adriana Marlene Moreno Pires (EMBRAPA Meio Ambiente)

14h30: Manejo integrado de pragas - Dr. Diego Felisbino Fraga (FAZU – BRASIL)

15h30: Coffe break e viista aos estandes

16h00: Mesa redonda

18h00: Reunião fechada com representantes da FAZU, palestrantes e convidados.

Inscrições para o evento podem ser feitas no site abaixo:

http://fazu.br/02/files/Forum/formulario.php

Participe!


,28/06/2016 às

Famasul promove Circuito Pecuário em julho em Campo Grande

A Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul (Famasul) realiza no dia 20 de julho a próxima edição do Circuito Pecuário - Sistema Famsul.

O evento, que será realizado durante a InterCorte 2016, no Centro de Convenções Albano Franco, tem como objetivo compartilhar junto aos produtores informações atualizadas sobre o setor para auxiliá-los em suas decisões de compra e venda.

A edição em Campo Grande terá como tema: Criando oportunidades, construindo soluções.

Mauricio Saito, presidente da Famasul, revela que associar os dois eventos oportuniza unir todos os elos da cadeia produtiva. "Esta edição do Intercorte 2016, promovido em parceria com várias instituições, tem como diferencial retratar a produção pecuária, do campo à indústria, do pasto à mesa do consumidor. Será mais uma ocasião para consolidar o Circuito Pecuário que tem sido um sucesso de público por onde passa e isso é a prova de que o produtor vem apresentado um perfil cada vez mais empreendedor".

O Circuito Pecuário Famasul é promovido pelo Sistema Famasul - Federação da Agricultura e Pecuária de MS, pelo Senar/MS – Serviço Nacional de Aprendizagem Rural e pelo Sindicato Rural do município, além do apoio de várias instituições públicas e privadas.


Informações assessoria de imprensa Famasul


,24/06/2016 às 08:13

Lucro na pecuária de corte será tema de palestra em MT

O evento é uma promoção do Nelore Jandaia, Sindicato Rural do município, Alvorada e Continental e acontece paralelamente à edição 2016 da Expoleste.

Veja a programação:

Horário: 09h00
Palestra: Como seleciona o Nelore Jandaia e sua semelhança ao rebanho de corte, com Dr. Divino Humberto Guimarães (ABCZ)

Horário: 09h40
Palestra: Como é administrada a nutrição no Nelore Jandaia e sua semelhança com a pecuária extensiva, com Dr. Lainer (Nutripura)

Horário: 10h40
Palestra: Correlação da precocidade sexual com o rebanho de corte do Nelore Jandaia, com Dr. Pietro Baruselli (Pesquisador e Professor da USP) e Dr. Claudiney Martins

Horário: 13h20
Palestra: Evolução do rebanho Nelore Jandaia e sua semelhança com a pecuária brasileira, com Raysildo Lôbo (ANCP)

Horário: 14h00
Palestra: Como produzir o boi de corte que dá mais lucro, com Dr. William Koury Filho

Horário: 15h00
Palestra: O valor de um touro melhorador e quanto ele agrega em lucro no rebanho de corte, com Antônio Rosa (Embrapa).

Horário: 15h40
Debate

Participe!

O evento será realizado no recinto de leilões do Parque de Exposições Barra do Garça - MT.

NOTICIAS DA PECUARIA


,20/06/2016 às 08:20

Preço da arroba se mantém estável, diz Cepea

Segundo análise, a semana não foi muito favorável já que o ritmo de negociações do boi gordo segue muito lento.

"A oferta de animais pronto para o abate está limitada e a demanda, relativamente enfraquecida", dizem dados.

Com isso, as efetivações têm ocorrido basicamente para atender necessidades mais urgentes de comparadores e de vendedores.

Informações sobre o mercado podem ser obtidas no site: cepea.esalq.usp.br
Informações Cepea

NOTICIAS DA PECUARIA


,13/06/2016 às 08:42

Fazendas em MS eram utilizadas para escoação de drogas

Foi deflagrada na manhã desta quinta-feira (9) a Operação Nevada da Polícia Federal nos estados de Mato Grosso do Sul, Mato Grosso e São Paulo.

O objetivo é desarticular uma organização criminosa de tráfico de cocaína e lavagem de dinheiro.

Segundo informações da assessoria de imprensa da Polícia Federal, as investigações começaram em 2014, quando a PF identificou a atividade de uma organização criminosa que coordenava a entrada de carregamentos de cocaína, vindos da Bolívia, por meio por meio da zona rural de Porto Murtinho/MS.

A droga era armazenada em fazendas localizadas na região e escoadas por meio de caminhões e caminhonetes para destinatários em São Paulo.

Cerca de 170 policiais federais cumprem 20 mandados de prisão preventiva, 7 mandados de condução coercitiva, 31 mandados de busca e apreensão, além de 47 mandados de sequestro de veículos nos municípios de Campo Grande, Bonito e Bodoquena/MS, Rondonópolis/MT, São Paulo, Guarulhos, Suzano, São Bernardo do Campo Grande e Guarujá/SP. Todos expedidos pela 3ª Vara Federal de Campo Grande/MS.

Mais informações: http://bit.ly/1WGp2U5

NOTICIAS DA PECUARIA


,09/06/2016 às 08:20

Cavalo doente e ferido é abandonado por dono

O proprietário do animal foi localizado e autuado por crime de maus-tratos. Porém na tarde da última terça-feira (7) a Polícia Civil constatou que o animal ainda estava bastante ferido, devido ao arraste pela máquina.

Segundo a assessoria de imprensa da PM, o dono do cavalo alegou que arrastou o animal para tratá-lo.

Ele recebeu multa no valor de R$ 1 mil e responderá por crime ambiental de maus-tratos a animais, que prevê pena de até um ano de prisão.
Com informações PM MS


,06/06/2016 às 08:00

Agronegócio brasileiro registra aumento de embarques

O primeiro quadrimestre deste ano foi positivo para o agronegócio. Segundo o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), da Esalq/USP, as exportações aumentaram quase 44% se comparado com o mesmo período do ano interior.

Já o faturamento em dólar das exportações do agronegócio brasileiro cresceu aproximadamente 10% e, em Real, aumentou 28%, segundo o Cepea.

Esse desempenho foi obtido mesmo com os preços em dólar de todos os produtos tendo diminuído. Em Real, também houve queda para quase todos os itens acompanhados – as exceções foram algodão em pluma e frutas –, mesmo com o câmbio real do agronegócio calculado pelo Cepea tendo se desvalorizado 6% na média do quadrimestre. No agregado do setor, a atratividade das exportações brasileiras (preços em reais) diminuiu quase 10% no comparativo dos quadrimestres.

De acordo com o Cepea, o milho foi o produto que teve o maior aumento de volume embarcado, de 138%, no comparativo do primeiro quadrimestre/16 com o de 2015.

No mesmo sentido, as vendas de etanol quase dobraram (98%), as de carne suína cresceram 70%, as de soja em grão, 59,5%, os embarques de algodão em pluma se elevaram em 42%, de suco de laranja em 36%, de açúcar e de farelo de soja, em 20% e, para carne bovina, o aumento foi de 19%.

Na sequência, aparecem madeira (17,6%), carne de aves (15,5%) e celulose (6,3%).

O volume exportado de frutas se manteve praticamente estável, com decréscimo de aproximadamente 1%. Já o café e o óleo de soja apresentaram quedas, respectivamente, de 6,33% e de 16,38%.
Informações Cepea

NOTICIAS DA PECAURIA


,03/06/2016 às 08:10

Cotação do boi gordo nesta quinta-feira (02)

Segundo análise da Scot Consultoria, o preço do boi gordo registrou aumento em cinco praças nesta quinta-feira, 02 de junho, e queda em quatro regiões brasileiras.

As regiões que tiveram alta fora:

- Belo Horizonte (MG): R$ 139 para pagamento à vista e R$ 141 para pagamento à prazo;
- Dourados (MS): R$ 140 para pagamento à vista e R$ 142 para pagamento à prazo;
- Goiânia (GO): R$ 139 para pagamento à vista e R$ 141 para pagamento à prazo;
- Região Sul de Goiás: R$ 140 para pagamento à vista e R$ 142 para pagamento à prazo;
- Cuiabá (MT): R$ 134 para pagamento à vista e R$ 136 para pagamento à prazo.

Já as preças que registraram queda foram:

- Oeste do Maranhão: R$ 137 para pagamento à vista e R$ 139 para pagamento à prazo;
- Norte de Mato Grosso: R$ 128 para pagamento à vista e R$ 130 para pagamento à prazo;
- Sudoeste de Mato Grosso: R$ 132 para pagamento à vista e R$ 136 para pagamento à prazo;
- Sudeste de Rondônia: R$ 127 para pagamento á vista e R$ 129 para pagamento à prazo.

Nos outros estados brasileiros o preço se manteve.

Informações sobre cotação encontram-se disponíveis no site:

https://www.scotconsultoria.com.br/cotacoes/boi-gordo/?ref=smnom informações Scot Consultoria
Informações Scot Consultoria

NOTICIAS DA PECUARIA


,31/05/2016 às 08:05

Fazenda São Judas realiza Dia de Campo em Anastácio (MS)

Acontece no dia 11 de junho, a partir das 08h30, o 10º Dia de Campo São Judas Tadeu, na propriedade de Cláudio Zottesso, em Anastácio (MS).

O evento, direcionado a produtores e demais pessoas ligadas ao setor, tem como objetivo compartilhar informações técnicas e práticas sobre o melhoramento genético para a raça Nelore.

Serão realizadas três palestras ministradas pela Professora Dra. Fabiana Sterza, da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS Aquidauana); pela zootecnista Adriana Lima Nogueira, consultora da Associação Nacional de Criadores e Pesquisadores (ANCP) e pelo Diretor Técnico da ANCP, Argeu Silveira.

De acordo com Cláudio Zotesso, na pauta das palestras estão "as experiências em andamento na parceria com a UEMS local, a importância e resultado prático da utilização de animais/reprodutores melhoradores e algumas novidades que a ANCP está incrementando para os criadores participantes do Programa Nelore Brasil que trarão muitos benefícios para quem utilizar da genética produzida", diz.

Além das palestras o público poderá apresentar também casos de sucessos realizados em suas propriedades rurais e terão a oportunidade de conhecer alguns animais melhoradores da Fazenda São Judas.

O evento é gratuito. Participe!

Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (67) 8428-0087.

NOTICIAS DA PECUARIA


,28/05/2016 às 07:57

Brasília Fest Leite acontece no dia 1º de junho

As atividades ocorrerão no auditório Nereu Ramos no Anexo II da Câmara dos Deputados (Congresso Nacional, Brasília/DF)) em parceria com a Frente Parlamentar da Bovinocultura de Leite

Conforme o presidente do G100, Pedro Augusto Guimarães, o evento vai contar com quatro palestras que irão abordar temas importantes para a cadeia produtiva e consumidores.

“Queremos mobilizar o setor, a opinião pública, parlamentares e toda a sociedade para mostrar que o leite é um produto importante na alimentação, na nutrição humana no Mundo e no Brasil. É um produto vivo e, portanto, sensível a todos os tratamentos que passa ao longo de sua cadeia de produção até chegar a mesa do consumidor”, destaca.

Confira a programação

14h00 - Abertura e composição da mesa
14h25 - Palestra do representante da FAO no Brasil, Alan Bojanic. "Leite e Produtos Lácteos na nutrição humana, no Mundo".
14h50 - Palestra do diretor executivo da Associação Brasileira das Indústrias de Leite Longa Vida (ABLV), Nilson Muniz. "A Conjuntura do Leite no Mundo e no Brasil".
15h15 - Palestra do Chefe da Embrapa Gado de Leite, Paulo do Carmo Martins. Sistema de Inteligência do Monitoramento Temporal e Espacial da Qualidade do Leite (SIMQL).
15h45 - Frente Parlamentar da Bovinocultura do Leite. Andamento dos projetos de leite de interesse do setor lácteo em tramitação no Congresso Nacional
16h00- Degustação de produtos lácteos
17h00 – Encerramento

Mais informações www.g100.org.br0000
Com informações assessoria de imprensa


,25/05/2016 às 08:31

Fazendeira é multada em R$ 5,6 mil por exploração de aroeira

Os policiais vistoriaram a fazenda, acompanhados do capataz, e encontraram árvores derrubadas da espécie aroeira, que estavam sendo exploradas e utilizadas para cerca. Também havia madeira da espécie angico. Foram apreendidos palanques e mourões para cerca de aroeira e angico.

O produto florestal era explorado sem autorização ambiental (DOF – Documento de Origem Florestal) e, consequentemente sem origem. A espécie florestal aroeira é imune de corte. A madeira foi apreendida.

Além da multa a fazendeira responderá por crime ambiental, cuja pena é de um a dois anos de reclusão.
Com informações PMA MS

NOTICIAS DA PECUARIA


,24/05/2016 às 08:13

Quadrilha especializada em furto de gado é presa no interior de SP

De acordo com reportagem do portal JCNET, após quatro meses de investigações a polícia identificou seis pessoas responsáveis pelos crimes, sendo que quatro foram presos e dois estão foragidos.

O Delegado Luciano de Barros Faro, assistente da Delegacia Seccional de Bauru, revelou que dois autores do crime tratavam-se de caseiros da fazenda vizinha ao sítio local do furto. Eles levantavam informações sobre as fazendas e repassava para os outros integrantes da quadrilha.

O Delegado informou que o grupo agia ainda nas regiões de Bauru e Lins.

NOTICIAS DA PECUARIA


,18/05/2016 às 08:35

Fazendeiro é multado em R$ 13 milhões por construção irregular de drenos e desmatamento

Durante dias os policiais, com auxílio de órgãos ambientais do Estado bem como a presença de especialistas, realizaram levantamentos de degradações de áreas de várzeas que compõem as nascentes do rio da Prata em diversas propriedades rurais do município.

Na fazenda São Francisco os policiais mediram em GPS, 26 km lineares de drenos, perfazendo uma área de 993 hectares, drenos estes, que foram construídos para secagem do solo das várzeas para o plantio agrícola. Além dos drenos, foram desmatados 684 hectares da vegetação de várzea (constituída por savana herbácea e arbustiva), sendo realizada gradeação para a limpeza e o plantio agrícola.


Na mesma propriedade foram encontrada diversas degradações ambientais, inclusive, em áreas de olhos d’água e nascentes, que são protegidas por lei como áreas de preservação permanente (APP). "Vegetação arbórea também foi removida em áreas de nascentes. A retirada da vegetação e as valetas afetaram propriedades vizinhas, causando processos erosivos e a sedimentação carreada pelos drenos, afetou o rio da Prata, que recebeu a água sedimentada escoada do local. O rio que possui suas águas naturais límpidas estava com alta turbidez nos dias das vistorias", revelou a assessoria de imprensa da PMA.

Todas as ações realizadas dentro da fazenda foram feitas sem autorização ambiental. As mesmas foram interditadas.

O proprietário da fazenda, de 57 anos, residente em São Paulo (SP), foi autuado administrativamente e multado em R$ 13 milhões e também responderá por crimes ambientais, podendo pegar pena de prisão de um a três anos por crime ambiental de destruir área de preservação permanente e mais um a seis meses por construir atividade poluidora sem autorização do órgão ambiental.

O autuado foi notificado a apresentar plano de recuperação da área degradada (PRADE), junto ao órgão ambiental. Os autos também serão encaminhados ao Ministério Público para possível abertura de ação civil pública de reparação dos danos ambientais.
Informações PMA MS


,16/05/2016 às 08:09

59 equinos são diagnosticados com mormo no Rio Grande do Sul

A doença foi confirmada em 40 cidades, totalizando 59 equinos com diagnóstico positivo no teste de maleína reconhecido como diagnóstico conclusivo e definitivo para esta enfermidade pela Organização Internacional de Saúde Animal (OIE).

Veja a lista abaixo:

- Rolante: 02 focos com 02 equinos positivos.
- Uruguaiana: 01 foco e 01 equino positivo
- Alegrete: 01 foco e 01 equino positivo
- Santo Antônio das Missões: 01 foco e 05 equinos positivos
- São Jorge: 01 foco e 01 equino positivo
- Cruz Alta: 01 foco e 09 equinos positivos
- Boa Vista do Cadeado: 01 foco e 01 equino positivo
- Nova Ramada: 01 foco e 01 equino positivo
- Pelotas: 02 focos e 02 equinos positivos
- Camaquã: 01 foco e 01 equino positivo
- Três de Maio: 01 foco e 01 equino positivo
- Porto Alegre: 01 foco e 01 equino positivo
- Rio Pardo: 01 foco e 01 equino positivo
- Machadinho: 01 foco e 01 equino positivo
- Tupanci do Sul: 01 foco e 04 equinos positivos
- Esmeralda: 01 foco e 01 equino positivo
- Cruzeiro do Sul: 01 foco e 01 equino positivo
- Passa Sete: 01 foco e 03 equinos positivos
- Quaraí: 01 foco e 01 equino positivo
- São Borja: 01 foco e 01 equino positivo
- São Luis Gonzaga: 01 foco e 01 equino positivo
- Gramado: 01 foco e 01 equino positivo
- Cachoeira do Sul: 02 focos e 02 equinos positivos
- Santa Maria: 01 foco e 01 equino positivo
- São Gabriel: 01 foco e 02 equinos positivos
- Palmeira das Missões: 02 focos e 02 equinos positivos
- Itaqui: 02 focos e 02 equinos positivos
- Santo Antônio da Patrulha: 01 foco e 01 equino positivo
- Bom Jesus: 01 foco e 03 equinos positivos
- Ipê: 01 foco e 01 equino positivo
- Caxias do Sul: 01 foco e 01 equino positivo
- Bagé: 01 foco e 01 equino positivo
- Entre Ijuís: 01 foco e 01 equino positivo
- Camargo: 01 foco e 01 equino positivo
- Três Passos: 01 foco e 01 equino positivo
- Pinheiro Machado: 01 foco e 01 equino positivo
- Terra de Areia: 01 foco e 01 equino positivo

Mais informações: http://bit.ly/1TaF3ko


,10/05/2016 às 08:32

Cotação do boi gordo; Campo Grande (MS) registra aumento no preço

As informações são da Scot Consultoria.

Já as regiões que registraram queda foram: Sul da Bahia, R$ 137 para pagamento à vista e de R$ 139 para pagamento a prazo, e também no Oeste do Maranhão, com valores de R$ 138 para pagamento à vista e de R$ 140 para pagamento a prazo.

Nos outros estados brasileiros o preço se manteve.

Paga-se melhor pela arroba do boi gordo no estado de Alagoas: R$ 163 à vista e R$ 165 a prazo.

Informações sobre cotação encontram-se disponíveis no site:

https://www.scotconsultoria.com.br/cotacoes/boi-gordo/?ref=smn


,06/05/2016 às 08:19

Cadastro Ambiental Rural é prorrogado para dezembro de 2017

erminaria nesta quinta-feira (5) o prazo para os produtores rurais realizarem suas inscrições no CAR - Cadastro Ambiental Rural.

O prazo foi estendido para 31 de dezembro de 2017 após aprovação de medida provisória pela Câmara dos Deputados.

O texto, aprovado na forma do parecer do deputado Marx Beltrão (PMDB-AL), será analisado ainda pelo Senado.

Na mesma data de aprovação do prazo, a Câmara dos Deputados sediou reunião da Frente Parlamentar Ambientalista, na qual o diretor de Políticas Públicas da SOS Mata Atlântica, Mário Mantovani, falou sobre a adesão de cerca de 80% dos produtores ao CAR, e ressaltou a importância em auxiliar os pequenos produtores a fazerem o mesmo.

"É necessário mais apoio [aos pequenos produtores], tem que trazer esse pessoal para a legalidade, para que eles também tenham os benefícios do Código Florestal", disse.

Sobre o CAR

O Cadastro Ambiental Rural (CAR) é um registro eletrônico obrigatório para todos os imóveis rurais, com o objetivo de formar uma base de dados para o controle, monitoramento e combate ao desmatamento das florestas e demais formas de vegetação nativa no Brasil.

Nele, todos os proprietários e posseiros de imóveis rurais, incluindo assentamentos, devem declarar informações como limites das propriedades e situação das áreas de preservação permanente (APPs), de reserva legal, nascentes e cursos d'água.

Com o cadastro, os produtores terão direito a alguns benefícios, como a suspensão de sanções relativas a infrações administrativas por supressão irregular de vegetação realizada até 22 de julho de 2008. Além disso, a inscrição é pré-requisito para a liberação de recursos nas instituições financeiras que operam recursos para o setor.
Com informações Agência Câmara de Notícias

MSN


,04/05/2016 às 08:35

Brasil exportará carne suína para Porto Rico

Porto Rico aceitou o modelo de Certificado Sanitário Internacional (CSI) proposto pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) e passará a exportar carne suína.

O anúncio foi divulgado na última segunda-feira (2).

Francisco Turra, presidente-executivo da ABPA, revela que "a venda de produtos equivalentes a seis contêineres já foi efetivada para o mercado porto-riquenho. O país segue a mesma legislação sanitária aplicada pelos Estados Unidos, que já abriu suas portas para a carne suína brasileira. É mais um mercado para o setor brasileiro, que tem buscado abrir o leque de países para os quais exporta, diminuindo a dependência de grandes compradores”.

A expectativa é de que a abertura do mercado de Porto Rico deverá representar um novo fator positivo para o ritmo dos embarques.
Informações assessoria de imprensa ABPA


,03/05/2016 às 07:50

MS lança campanha contra a febre aftosa na terça-feira

Este ano terá como slogan "Vacinação garante bons lucros".

O objetivo é imunizar cerca de 20,8 milhões de cabeças de gado em todo o estado.

Calendário

A vacinação teve início no dia 1º de abril, na região da fronteira do Estado, onde segue até o dia 15 de maio.

Já na região do Planalto a vacina começa nesta segunda-feira, 2 de maio, e segue até o dia 1º de junho.

Já na região do Pantanal a campanha de vacinação contra a febre aftosa começa também nesta segunda-feira e termina no dia 16 de junho.

As doses das vacinas só podem ser adquiridas pelo produtor durante o período estipulado no calendário, assim como o registro da imunização também tem prazo junto à Iagro.

A agência mantém veterinários em todos os municípios e disponibiliza também aos produtores o disque-aftosa – 0800 679120 – para esclarecer dúvidas e oferecer

NOTICIAS DA PECUARIA


,02/05/2016 às 08:00

Segundo análise, houve uma ligeira queda no preço da arroba motivado pela aumento de ofertas devido

Segundo análise, houve uma ligeira queda no preço da arroba motivado pela aumento de ofertas devido à estiagem.

"Após ter beirado os R$ 160,00 no início de abril, o Indicador ESALQ/BM&FBovespa do boi gordo (mercado paulista) está, agora, ao redor de R$ 155,00", diz o Cepea.

Pesquisadores do Cepea revelam também que os valores negociados, no entanto, ainda são considerados altos pela ponta compradora, enquanto vendedores esperam preços maiores, cenário que resulta em baixa liquidez.

NOTICIAS DA PECUARIA


,27/04/2016 às 08:32

Mapa anuncia nova forma de identificação de bovinos

Após aprovação do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), pecuaristas deverão registrar seus animais da seguinte maneira: o animal pode usar conjuntamente a marca a ferro, o brinco numa orelha e o botão na outra orelha.

A marca a ferro deverá ser feita em uma das pernas traseiras, na região abaixo de uma linha imaginária que liga as articulações das patas dianteira e traseira.

Anteriormente, a Instrução Normativa nº 17, de 2006, já previa a marca a fogo junto com um brinco auricular como uma das formas de identificação, assim como o brinco auricular numa orelha e um botão na outra orelha.

O SISBOV é utilizado para a identificação individual de bovinos e bubalinos em propriedades que têm interesse em vender animais para o abate.
Com informações Mapa

NOTICIAS DA PECUARIA


,26/04/2016 às 08:10

Furto de gado causa prejuízo de R$ 50 mil à pecuarista

Na última semana um pecuarista revelou que 12 animais, sendo sete vacas e cinco bezerros, foram levados de sua propriedade causando um prejuízo de aproximadamente R$ 50 mil.

Weverton Baptista da Silva conta que os suspeitos arrombaram a porteira, invadiram a fazenda e fugiram levando os animais.

Para evitar a ação dos ladrões o pecuarista Miguel Alves da Fonseca construiu o curral em outro local, na tentativa de dificultar a ação dos bandidos. Mas o investimento foi em vão. Em março quatro animais de sua propriedade foram roubados.

Porém o roubo não se limita apenas aos animais. Muitos produtores têm os próprios veículos furtados assim como também objetos da fazenda.

Para tentar sanar a situação o presidente do Sindicato Rural de Franca, Galileu Macedo, irá solicitar um maior patrulhamento na zona rural de Cristais Paulista.
Com informações Globo Rural

NOTICIAS DA PECUARIA


,22/04/2016 às 08:42

Naviraí- Fazendeiro multado em R$ 3 mil por criar gado em área de preservação

Proprietário de Fazenda, de 37 anos, foi multado em R$ 3 mil por danificar uma Área de Preservação Permanente (APP) do córrego do Touro, em Naviraí.

Segundo as informações da Polícia Militar Ambiental, durante vistoria no local, realizada na tarde de quarta-feira (20), os policiais viram quando várias cabeças de gado estavam na área da nascente do córrego, o que causa degradação em decorrência do pisoteio.

O gado foi apreendido e o homem foi autuado em flagrante.

Ainda segundo a PMA, o Ministério Público Estadual, a prefeitura e uma ONG do município já vinham trabalhando para recuperar aquela área, o que agrava a situação.

Além da multa, o fazendeiro vai responder por crime ambiental e, se for condenado, poderá pegar até três anos de prisão.

CORREIO DO ESTADO


,19/04/2016 às 08:08

Agronegócio em queda em São Paulo; revela pesquisa do Cepea

A queda acumulada ao longo do ano foi de 1,7%. Segundo o Cepea, "pesaram sobre o desempenho do setor os resultados negativos para as atividades industriais (indústrias de insumos e de processamento) e de serviços, que se sobrepuseram ao crescimento do segmento primário (“dentro da porteira”)".

As variações dos segmentos, no comparativo de janeiro a dezembro de 2015 com 2014, foram de -6,9% para insumos, +0,7% para o primário, -1,7% para a indústria de processamento e, refletindo os resultados dos segmentos a montante, -1,6% para os serviços agropecuários.

Já no setor agrícola, os insumos tiveram queda de 9,9%. No mesmo ramo, a indústria e os serviços recuaram 1,6% e 1,4%, respectivamente, enquanto as atividades primárias (rendimento das lavouras) cresceram 1,1%.

No setor pecuário, todos os segmentos apresentaram baixa. As taxas negativas mais expressivas foram para a indústria de processamento e para os serviços. Ao ser avaliada a evolução do volume produzido, apenas o segmento primário da agricultura não teve recuo em 2015.
Com informações Cepea


NOTICIAS DA PECUARIA


,13/04/2016 às 08:38

Gerente de fazenda furta mais de 1,3 mil cabeças de gado

No início desta semana um gerente de uma fazenda localizada no município de Camapuã (MS) foi preso após ação conjunta de policiais do município e do Grupo Armado de Resgate e Repressão a Assaltos e Sequestros (Garras).

Segundo matéria publicada no jornal Correio do Estado, Visomar Pereira de Oliveira, 52 anos, é suspeito de cometer furto milionário de gado na fazenda São Judas Tadeu.

Visomar atuava como gerente da propriedade rural e, sem que ninguém notasse, conseguiu furtar 1.317 cabeças de gado gerando um prejuízo de R$ 3 milhões ao dono da fazenda.

Ele comercializava os animais aos poucos, não utilizava notas fiscais ou usava terceiros para negociar a venda.
Os compradores, que também podem ser presos por receptação, seriam da região do Distrito de Pontinha do Coxo.
Com informações Correio do Estado

NOTICIAS DA PECUARIA


,11/04/2016 às 10:10

Cotação do boi gordo; PA e Sudoeste de MT registram aumento no preço

No Sudoeste do Mato Grosso o preço registrado pela Scot Consultoria foi de R$ 135 para pagamento á vista e de R$ 137 para pagamento a prazo.

Em Paragominas (PA) o preço da arroba saltou para R$ 137 para pagamento à vista e de R$ 139 para pagamento a prazo.

Nos outros estados brasileiros o preço se manteve enquanto no Sul da Bahia o preço teve queda.

Paga-se melhor pela arroba do boi gordo no estado de Alagoas: R$ 169 à vista e R$ 170 a prazo.

Informações sobre cotação encontram-se disponíveis no site:

https://www.scotconsultoria.com.br/cotacoes/boi-gordo/?ref=smn

NOTICIAS DA PECUARIA


,07/04/2016 às 08:38

Megaleite oferece 50% de desconto nas inscrições de Girolando

Quem realizar a inscrição até o dia 30 de abril terá 50% de desconto no valor.

Entre os dias 1º a 25 de maio terá direito a desconto de 25%. A partir de 26 de maio, o valor será integral.

O prazo final para as inscrições encerra-se no dia 5 de junho. Os descontos são referentes às inscrições para julgamento.

Criadores devem acessar o site www.girolando.com.br

Sobre a Megaleite

Considerada a principal feira do setor leiteiro, o evento chega neste ano à sua 13ª edição. Será realizado entre os dias 21 a 26 de junho no Parque da Gameleira, em Belo Horizonte (MG).

Concentrará as disputas nacionais, interestaduais, estaduais e mostras das principais raças leiteiras do país: Girolando, Gir Leiteiro, Holandês, Indubrasil, Pardo-Suíço, Jersey, Guzerá e Sindi.

A Associação Brasileira dos Criadores de Girolando realizará durante a Megaleite a 27ª Exposição Nacional de Girolando. Além das disputas de julgamento e torneio leiteiro, a programação contará com leilões, palestras e fórum de debates.
Com informações assessoria de imprensa


NOTICIAS DA PECUARIA


,04/04/2016 às 07:00

Fiscais agropecuários alertam para consumo de carne clandestina

Comemora-se no dia 7 de abril o Dia Mundial da Saúde. Como forma de alerta, fiscais agropecuários alertam os consumidores a ficarem atentos aos alimentos que consomem, principalmente carne vermelha, sendo de suma importância conhecer sua procedência.

Além de intoxicações alimentares, ingerir o alimento não fiscalizado pode ser a porta de entrada para doenças transmitidas dos animais aos homens, as chamadas zoonoses.

O fiscal federal agropecuário Adriano Guahyba afirma que o ideal é comprar a carne embalada e refrigerada, além de verificar se os rótulos do produto apresentam o selo do Serviço de Inspeção Federal (SIF), dos municípios (SIM) ou Estados (SIE).

Guahyba ressalta também que, caso não se comprove a origem e o registro da carne, ou outros produtos de origem animal, o consumidor deve denunciar ao Ministério da Agricultura, para que seja feita a verificação da origem e qualidade do produto oferecido.

Mais informações podem ser obtidas no site abaixo:

http://www.anffasindical.org.br/
Com informações assessoria de imprensa


,01/04/2016 às 08:23

Preço do suíno vivo em elevação, afirma Cepea

O Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (ESALQ/USP) divulgou nesta quinta-feira (31) informações sobre o preço do suíno vivo.

Criadores podem comemorar já que as notícias são boas. Segundo o Cepea, os preços médios do suíno vivo em março superam os de meses anteriores na maioria das regiões.

"Os preços do animal vivo subiram, influenciados pela posição mais firme de produtores independentes e também pelo bom ritmo das exportações no correr deste mês"

Em Santa Catarina, o suíno vivo teve média de R$ 3,10/kg em março, alta de 5,8% frente a fevereiro.



Informações Cepea

NOTICIAS DA PECUARIA


,30/03/2016 às 08:25

Curso sobre carcaças bovinas será uma das atrações da BeefExpo

Na programação do evento consta o workshop “A Carcaça do Boi 7-7-7 - Veja na prática o boi que você está produzindo”, promovido em parceria com a Phibro Saúde Animal.

A capacitação tem como objetivo mostrar aos pecuaristas como terminar um animal à pasto com boa nutrição, conseguir uma carcaça de qualidade, que renda cortes mais valorizados pela indústria e pelo varejo, e desmistificar sobre dificuldades financeiras e operacionais para abater um boi que tenha um padrão superior.

Cada jornada do workshop vai contar com duas etapas, sempre comandadas pelo Diretor da Agência Paulista de Tecnologias Agropecuárias (APTA).

Uma palestra inicial com informações sobre nutrição, boa formação de carcaça e terminação. Na sequência, participantes poderão ver dois exemplos de carcaças, apresentadas na forma de dianteiro, traseiro e ponta de agulha.

Flávio Dutra de Resende, diretor da unidade de Colina da APTA, revelou que, durante o workshop, pretende mostrar como produzir o boi 7-7-7. "Um macho inteiro, com carcaça padronizada, com até dois anos de idade , 21 arrobas, pH adequado, acabamento mediano. Na régua, o que chamamos de ‘quatro milímetros’. Um animal que a pecuária brasileira pode conseguir em pouco tempo, basta que invista na formação de uma boa carcaça. E mostrar o corte final, como a indústria frigorífica pode agregar valor nos diferentes cortes comerciais", diz.

Informações e inscrições podem ser feitas no site: www.beefexpo.com.br
Com informações Site da Carne

NOTICIAS DA PECUARIA


,28/03/2016 às 08:04

Produção de Gado de Corte será tema de pós-graduação

A especialização é voltada para profissionais graduados em veterinária, zootecnia e agronomia, e demais interessados.

Ao todo serão realizados 14 encontros de dois dias por mês, as quintas e sextas-feiras, três encontros de três dias por mês, as quintas, sextas e sábados e um módulo online.

Na programação consta os seguintes assuntos:

• Conjuntura, política e mercado da pecuária de corte no Brasil e no mundo
• Reprodução e manejo reprodutivo em rebanhos de corte
• Sanidade em sistemas de produção de gado de corte
• Nutrição e manejo nutricional em pecuária de corte
• Seleção, melhoramento genético e cruzamentos em gado de corte
• Qualidade da carne
• Instalações, ambiência e conforto animal
• Intensificação e manejo de pastagens
• Gestão estratégica de pessoas e equipes
• Gestão de custos e análise financeira em pecuária de corte
• Seminários de orientação de trabalho de conclusão (Projeto)

Ainda há vagas para o curso.

Mais informações podem ser obtidas no site abaixo:

http://materiais.rehagro.com.br/pos-producao-gado-corte-cuiaba-2016

NOTICIAS DA PECUARIA


,24/03/2016 às 08:06

Expogrande 2016 terá leilão das raças Gir Leiteiro e Girolando

Entre os lotes a serem ofertados estão vacas, novilhas, bezerras e tourinhos.

Segundo os organizadores, estarão à venda filhas de Radar dos Poções, Impressor de Brasília, Fardo FIV Mutum, Vaidoso da Silvânia, Teatro da Silvânia, dentre outros touros consagrados da raça Gir Leiteiro.

No Girolando, vacas, novilhas, bezerras e tourinho descendentes das melhoras famílias do holandês e do Gir Leiteiro, com filhas de Goldwyn, Shottle, Blitz, Bradnick, Sharmrock, Toystory, Legend, Supersire, Barbante, C.A. Guri e outros.

Haverá ainda oferta exclusiva de tourinhos holandeses oriundos de embriões importados do Canadá, filhos de Supersire x Gillette Man-O-Man Drive e Atwood x Crackholm Baxter Hannah.

O remate será realizado no Parque de Exposições Laucídio Coelho e será transmitido pela Remate Web (www.remateweb.com).

Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (067) 9906-8098.

NOTICIAS DA PECUARIA


,22/03/2016 às 08:01

Concurso público em MS oferece vagas para profissionais da área rural

Carla Layane
Segue aberto até o dia 31 de março o período de inscrições para concurso público da Prefeitura de Rio Brilhante, município localizado em Mato Grosso do Sul.

São ofereceidas 247 vagas, entre elas para profissionais que atuam no setor rural.

São elas: 01 vaga para Engenheiro Agrônomo, jornada de trabalho de 40 horas semanais e remuneração de R$ R$ 4.955,52. Para concorrer é necessário ter Curso Superior de Graduação em Engenharia Agronômica, reconhecido pelo MEC e Registro no órgão fiscalizador da Profissão.

- 01 vaga (cadastro reserva) para Médico Veterinário, jornada de 40 horas semanais e remuneração de R$ 4.955,52. Para participar é preciso ter Curso Superior de Graduação em Medicina Veterinária, reconhecido pelo MEC e Registro no órgão fiscalizador da Profissão.

- 01 vaga para Técnico em Agropecuária, jornada de 40 horas semanais e remuneração de R$ 1.431,66. Os candidatos devem ter Ensino Médio, acrescido de curso específico na área com registro.

O valor das inscrições para concorrer à vaga de cargo de Nível Superior é de R$ 120. Já para Nível Médio é de R$ 80.

A prova escrita será realizada no dia 24 de abril em Rio Brilhante. Os locais e horários serão divulgados posteriormente em edital específico.

Confira o edital do concurso no link abaixo:

http://bit.ly/1RuWXNL

NOTICIAS DA PECUARIA


,19/03/2016 às

Preço da carne bovina aumenta 46% em Campo Grande (MS)

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou recentemente pesquisa sobre os números de abates bovinos em Mato Grosso do Sul em 2015.

Houve redução de 13,5% se comparado com o ano de 2014. Passando de 3,93 milhões para 3,39 milhões de abates.

Essa queda é um dos motivos pelo aumento do preço da carne bovina no Estado.

O jornal Correio do Estado publicou nesta sexta-feira (18) reportagem sobre a elevação do preço. "A queda no volume de abates em Mato Grosso do Sul ocorreu em um período em que cortes de carne bovina encareceram até 46,23% em Campo Grande (MS).

O aumento do produto foi quatro vezes acima da inflação acumulada em 2015, que foi de 11,41%.

O produto que mais teve aumento foi o cupim, com 46,23%. Na sequência: costela (36,35%); músculo (29%); patinho (28,02%); agulha (25,27%); contrafilé (25,27%); paleta (21,69%) e o coxão mole (21,53%).
Com informações Correio do Estado

NOTICIAS DA PECUARIA


,17/03/2016 às 08:14

Catar retomará importação de carne bovina brasileira

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) divulgou na última terça-feira (15) o fim do embargo à carne bovina produzida no Brasil pelo Catar, emirado do Oriente Médio.

O embargo aconteceu em 2012 devido ao caso atípico de doença de vaca louca no país.

Em novembro de 2015 Kátia Abreu, ministra do Mapa, esteve no país para participar da avaliação Comitê do Ministério da Saúde Pública do Catar.

Com a retomada das importações a expectativa é um faturamento de US$ 10 milhões ou 1,8 mil toneladas ao ano.


Com informações Mapa

NOTICIAS DA PECUARIA


,15/03/2016 às 08:10

Caminhão frigorífico é apreendido com droga em MS

A Polícia Federal apreendeu no último fim de semana um caminhão frigorífico após encontrar 506 quilos de pasta base de cocaína em seu interior.

A apreensão aconteceu na cidade de Ponta Porã, em Mato Grosso do Sul.

Segundo a Polícia Federal a droga está avaliada em R$ 7,5 milhões.

A apreensão foi possível após o caminhão passar por um aparelho de scanner no qual foi detectado um fundo falso no caminhão.

Segundo reportagem do jornal Correio do Estado, "depois de retirada toda a carga de carne, foi encontrado sob o assoalho do baú de refrigeração o fundo falso recheado com tabletes de pasta base envolto em plástico preto e que pesaram mais de meia tonelada".

O motorista do caminhão, residente em São Paulo, foi preso em flagrante. Ele revelou que saiu da cidade de Concepción, no Paraguai, e que a droga seria entregue em São Paulo. Ele receberia R$ 30 mil pelo transporte.

Com informações Correio do Estado


,14/03/2016 às 08:15

Tecnoagro acontece nesta semana no interior de MS

O tema deste ano será " Rumo a altas produtividades".

De acordo com a Fundação Chapadão, organizadora do evento, o público terá a oportunidade de participar de palestras técnicas, conhecer novidades para as culturas de soja, milho, feijão, bovinos, entre outras, além de ver o desempenho de máquinas e implementos agrícolas.

Além da Fundação Chapadão, o Tecnoagro é uma parceria entre Sistema Famasul - Federação da Agricultura e Pecuária de MS, da Aprosoja/MS - Associação dos Produtores Rurais de MS, entre outras instituições públicas e privadas.

Serviço

Tecnoagro 2016
Data: 16 e 17 de março
Horário: 08h00 às 18h00
Local: Centro de Pesquisa da Fundação Chapadão - Rodovia BR 060, km 11.

A programação completa do evento encontra-se disponível no site abaixo:

http://www.tecnoagro2016.com.br/p/programacao-extra-oficial-tecnoagro.html

NOTICIAS DA PECUARIA


,12/03/2016 às 07:38

Simpósio do Leite será realizado em junho

O evento tem como objetivo compartilhar informações sobre o mercado dp leite para produtores ruraris, técnicos, estudantes e demais profissionais do setor.

O primeiro dia do evento será destinado à 5ª Mostra de Trabalhos Científicos e à 7ª edição do Fórum Nacional.

Já no dia 9 de junho acontecerá as palestras do Simpósio. Este ano os temas abordados são:

- Impacto do tratamento precoce de edema de úbere;
- Atualidades na hipocalcemia de vacas leiteiras;
- Criação de terneiras: Como criar a futura vaca em lactação;
- Doenças de cascos em bovinos leiteiros;
- A visão neozelandesa de melhoramento de bovinos leiteiros aplicada ao Brasil.

O Simpósio será realizado no da Parque da Accie, às margens das BRs 153 e 480.

As inscrições já estão abertas e podem ser realizadas no site: http://www.simposiodoleite.com.br/

NOTICIAS DA PECUARIA


,11/03/2016 às 08:20

Genética Aditiva promove evento sobre a raça Crioula

O evento acontecerá na Fazenda Remanso, localizada no município de Rio Brilhante (MS).

A raça tem despertado interesse dos criadores devido à sua funcionalidade já que os animais podem ser utilizados tanto no esporte, colmo no lazer e serviço.

Confira a programação do Dia de Campo:

08h30: Recepção

09h30: Palestra "Manejo Equino", com Dado Azevedo (Criador, treinador de cavalos, assessor de diversas cabanhas, jurado lista 1 da ABCCC, membro da diretoria da ABCCC na comissão de provas funcionais).

10h30: Palestra "Nutrição de Equinos", com Jaime de Carvalho Neto (Médico Veterinário e Gerente Regional da Socil)

11h00: Apresentação dos animais e tiro de laço

12h30: Almoço

Participe!

Informações e inscrições podem ser feitas pelos telefones (67) 3321-5166 e (67) 9201-5894.

NOTICIAS DA PECUARIA


,10/03/2016 às 08:10

Informações sobre o CAR serão levadas para municípios de MS

Uma iniciativa entre o Serviço de Aprendizagem Rural (Senar/MS) e o Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul (Imasul) levam aos produtores rurais de cinco municípios informações sobre a importância em realizar com urgência o Cadastro Ambiental Rural - CAR.

O prazo para o preenchimento do CAR/MS termina no dia 05 de maio

Nesta quarta-feira (9) a equipe estará na cidade de Dourados. Já nos dias 16 e 17 deste mês, em Chapadão do Sul e no dia 17 de março em Jateí.

Em Chapadão do Sul, além da palestra, os produtores rurais terão acesso ao CAR Móvel - unidade imóvel desenvolvida pelo Imasul que pretende informar, orientar e prestar serviço de licenciamento itinerante proporcionando qualidade de atendimento, economia de tempo e esforço visando a correta aplicação das legislações ambientais.

O preenchimento do CAR/MS é obrigatório e o responsável pelas informações para a inscrição no CAR é o declarante, ou seja, o proprietário ou o posseiro, porém há a necessidade de um responsável técnico. Por ser autodeclaratório, os produtores rurais têm responsabilidades nas informações cadastradas.
Com informações Famasul


NOTICIAS DA PECUARIA


,09/03/2016 às 08:36

JBS suspende abates em cinco frigoríficos

A JBS irá suspender os abates, por aproximadamente 20 dias, em cinco frigoríficos, sendo dois no Mato Grosso, um em Mato Grosso do Sul, um no Pará e um em Goiás.

O motivo da suspensão das atividades deve-se ao ajustamento de estoques para adequar à oferta do boi gordo.

Segundo informações do jornal Valor, a decisão da JBS foi tomada durante um período no qual registra-se baixo consumo de carne bovina no país, devido ao preço elevado.

NOTICIAS DA PECUARIA


,08/03/2016 às 08:25

Cavalo Crioulo é vendido por R$ 115 mil

Foram ofertados 57 lotes de cavalos da raça Crioula e o faturamento obtido com a venda foi de R$ 1,88 milhão, segundo informações da Trajano Silva Remates, leiloeira do remate.

A média do evento também foi alta, fechando em R$ 33,13 mil por lote.

O grande destaque da noite foi a venda da égua Picaça Dalila II do Purunã, vendida a R$ 115 mil. Na semana anterior, na Expocrioulo de Verão, em Guarapuava (PR), foi a quarta Melhor Fêmea e Campeã Égua Menor.

O proprietário da São Rafael, Mariano Lemanski, anunciou que parte da verba será destinada para iniciativas sociais. "O país e o mundo vivem um momento muito delicado. E acredito que o papel do cavalo nesse sentido é de agregador e transformador social. Por isso, estamos doando 10% do valor das vendas à vista desta noite para projetos sociais apoiados pela São Rafael. Temos o dever de puxar essa fila", informa.
Com informações AgroEffective

NOTICIAS DA PECUARIA


,07/03/2016 às 06:41

Circuito Intercorte reúne mais de mil pessoas em Cuiabá

Durante dois dias pecuaristas e demais interessados conheceram as novas tecnologias e fomentaram discussões sobre a cadeia produtiva da carne.

Carla Tuccilio, da Verum eventos, empresa que, ao lado da Acrimat - Associação dos Criadores de MT, realiza a etapa de Cuiabá do Circuito InterCorte, revelou que mais uma vez o objetivo foi atingido.

"Esta edição do Circuito InterCorte Cuiabá termina com um saldo muito positivo. Palestrantes, expositores e os patrocinadores que participaram deste evento tiveram a certeza de que este é um produto consolidado e eficiente, capaz de chegar, realmente, em todas as pontas da cadeia produtiva da carne", comentou.

A próxima etapa do evento será realizada na cidade de São Paulo, nos dias 16 e 17 de junho.

Mais informações: http://intercorte.com.br/
Com informações assessoria de imprensa

NOTICIAS DA PECUARIA


,04/03/2016 às 08:08

Cavalos Crioulos são tema de reportagem no Agrobrasil TV

A equipe de reportagem visitou a Fazenda Canaã, localizada em Terenos (MS), pertencente à empresa Genética Aditiva, onde conversou com o produtor rural Geraldo Paiva que falou sobre a introdução da raça no país, bem como nas regiões Centro-Oeste e Sul.

Características da raça também são citadas na matéria. Geraldo fala sobre a facilidade em se reconhecer um animal da raça crioula. "Os animais possuem tamanho mediano, cabeça triangular, orelha pequena, garupa inclinada e muita crina".

Segundo dados da Associação Brasileira dos Criadores de Cavalos Crioulos (ABCCC) Mato Grosso do Sul é o 4º Estado com maior número de animais.

Esse crescimento deve-se pelo interesse dos criadores em adquirir animais funcionais, resistentes e que podem ser utilizados tanto no esporte, como no lazer e serviço.


NOTICIAS DA PECUARIA


,03/03/2016 às 07:03

Cabanha São Rafael promove leilão de cavalos crioulos no sábado

Acontece no próximo sábado, 5 de março, a partir das 21 horas o Leilão São Rafael, cabanha localizada em Balsa Nova (PR).

O remate, que ofertará 57 lotes, é considerado o maior evento privado de comercialização de cavalos Crioulos da América Latina e está a cargo da Trajano Silva Remates.

A expectativa positiva se reflete especialmente pela filosofia da São Rafael, que não mede esforços para o aprimoramento da criação na raça Crioula. O investimento é na seleção de animais de ponta que valorizem a evolução do cavalo Crioulo.

"Temos recebido vários contatos de clientes ressaltando o fato de o nosso catálogo 2016 estar no melhor momento em termos de pedigrees. É um reconhecimento do mercado para um trabalho que estamos desenvolvendo com muito empenho", observa o administrador da cabanha, Luis Mario Azambuja.

A expectativa também é confirmada pelo leiloeiro e diretor da Trajano Silva Remates, Marcelo Silva. "Indiscutivelmente é o leilão que baliza o ano todo e é um dos mais importantes. Teremos uma qualidade nos primeiros lotes de éguas que realmente impressionam", analisa.

Paralelo ao leilão, acontecerá também 16ª Credenciadora de Inéditos da Cabanha São Rafael, prova que faz parte do calendário oficial do Freio de Ouro e é uma das etapas mais disputadas entre os animais estreantes. A premiação é de dois automóveis zero quilômetro.

O catálogo do leilão encontra-se disponível no site abaixo:

Informações e pré-leilão: http://trajano.siteseguro.ws/lote/listar_lote/206/1
Com informações AgroEffective

NOTICIAS DA PECUARIA


,02/03/2016 às 08:40

TECNOSHOW COMIGO apresenta inovações para produtor rural

A 15ª edição da feira TECNOSHOW COMIGO, realizada pela Cooperativa Agroindustrial dos Produtores Rurais do Sudoeste Goiano, será palco para a difusão de novas tecnologias para o meio rural.

“Além de apresentar as tecnologias e inovações, a proposta é levar informação e conhecimento ao produtor rural e demais visitantes sobre as principais tendências na área do agronegócio, ou seja, os temas que, atualmente, têm mais impactado a rotina no campo”, explica Carlos César Evangelista Menezes, gerente de geração e difusão de tecnologias do CTC.

Além de promover novas tecnologias, a feira abre espaço para divulgação de resultados de pesquisas, exposição de produtos, serviços e animais e palestras voltadas para o agronegócio.

Na edição passada a feira recebeu 104 mil pessoas, que visitaram os 540 expositores e movimentaram mais de R$ 1,1 bilhão em negócios.

Com informações da Voltz Comunicação

NOTICIAS DA PECUARIA


,29/02/2016 às 08:18

Cotação do frango vivo em elevação

Os avicultores iniciam a semana com a boa notícia no aumento do preço pago pelo quilo da ave.

De acordo com Juliana Pila, analista da Scot Consultoria, o preço do quilo ficou cotado em R$ 2,80, registrando a valorização de 1,8%. O dado foi analisado nas granjas paulistas.

"Com essa melhora nas cotações, a relação de troca para o avicultor melhorou. Em relação ao início do mês, o produtor compra 7,9% mais milho com um quilo de frango", revela Juliana.

A expectativa é de que os preços continuem melhorando com a entrada do novo mês.

Mais informações sobre cotações podem ser vistas no site da Scot Consultoria.

NOTICIAS DA PECUARIA


,27/02/2016 às 08:03

Centro de Equoterapia no MS receberá melhorias


O Sindicato Rural do município em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar/MS), irá construir um espaço que possibilitará a realização das atividades com mais conforto e proteção contra as mudanças climáticas.

Atualmente cerca de 20 alunos que estudam na Associação de Pais e Amigos Excepcionais - APAE - em Rio Brilhante (MS) participam todas às quintas-feiras das aulas de equoterapia com o intuito de auxiliar no seu desenvolvimento.

Seis profissionais atuam no atendimento, são eles: dois fisioterapeutas, um equitador, uma psicóloga e dois voluntários.

Com a ampliação do local o atendimento poderá ser estendido para crianças, jovens e adultos praticantes do método terapêutico.

Sobre o Projeto

O Equorio está em funcionamento desde 2011. O projeto foi possível em razão da parceria entre a instituição, a prefeitura municipal e o sindicato rural de Rio Brilhante, que oferece espaço físico, baias para os animais e o equitador.

NOTICIAS DA PECUARIA


,26/02/2016 às 08:35

Pecuária de corte; veja fatores para se obter sucesso na produção



1- Alimentação de qualidade

Bons pastos e boa suplementação constituem a base do manejo nutricional do rebanho. Neste sentido, uma das maiores preocupações dos criadores de gado de corte é balancear os nutrientes necessários ao organismo animal para que alcancem sua máxima produtividade. Não distantes das preocupações dos pecuaristas estão:

- A preocupação em controlar doenças;
- Melhorar a qualidade da carcaça a partir dos cruzamentos industriais de raças europeias;
- Dispensar atenção especial à reprodução do rebanho.

2- Uso de tecnologias

Percebe-se que atualmente as propriedades vêm inovando seu padrão de produção de carne, introduzindo conceitos e novas tecnologias, com o intuito de fortificarem a produção e tornar visível seu negócio.

3- Fazer o correto controle da alimentação

Gerenciar bem este manejo significa não apenas alimentar bem o gado, mas aumentar a rentabilidade do empreendimento. Melhorar a gestão da alimentação é uma forma de tornar a pecuária de corte uma atividade altamente competitiva.

Para que essas medidas ocorram com eficiência, proporcionando uma melhora contínua do produto brasileiro, é necessário um esforço contínuo de todos os segmentos que têm influência direta no desempenho do desfrute do rebanho, ou seja, no volume de gado abatido e a quantidade total de animais no rebanho.

4- Zelar pelo índice de natalidade

Folz apud Corrêa et. al (2009) afirma que “a natalidade de um rebanho é o índice obtido pela divisão da quantidade de bezerros produzidos por ano pelo total de fêmeas adultas deste rebanho”. Na prática, isso condiz com o valor de avaliação da eficiência reprodutiva do rebanho e, em última instância, da capacidade de produção de um empreendimento. Além disso, pressupõe-se que o objetivo de todo o sistema de cria deve ser alcançar um índice de natalidade acima de 80%, em média, tolerando 75% em anos desfavoráveis. Tudo isso considerando a influência de fatores que fogem ao controle da propriedade, tais como ocorrência de secas, queimadas, ataque de pragas, entre outros.

5- Diminuir o índice de mortalidade

Quanto ao índice de mortalidade, seu cálculo é feito dividindo-se o número de animais mortos, não aproveitados, pelo número total de animais do rebanho, podendo ser admitido um índice de mortalidade de bezerros abaixo de 5% ao ano.

6- Visar o abate precoce

A idade de abate depende primordialmente da eficiência nas fases de recria e engorda dos animais, influenciadas pela oferta de alimentos, pelo manejo, pelo controle sanitário do rebanho e pela qualidade genética dos animais.

Por tudo isso, é necessário que o gerenciamento seja enfático e muito bem estabelecido, com capacidade para administrar essas e outras inovações, além de possuir todo o conhecimento necessário em manejo de gado e formação de pastagens. Disso dependerá o sucesso do empreendimento e da produtividade do gado, apresentando bons resultados em todos os aspectos da pecuária de corte.

Mais informações: www.cpt.com.br

NOTICIAS DA PECUARIA


,24/02/2016 às 07:27

Raça Senepol terá ampla programação na Expogrande 2016

Durante a feira acontecerá a Semana Sou Senepol no qual serão realizados Dia de Campo, palestras e leilão.

O Dia de Campo acontecerá no dia 10 de abril, na Fazenda San Francisco, em Miranda (MS), onde será apresentado seu criatório e sistema de produção.

O público participará também de palestra sobre a importância da seleção genética no melhoramento do rebanho bovino brasileiro com Gilberto Menezes da Embrapa e sobre bem estar animal.

No dia 11 de abril será a vez do 5º Leilão Elite Senepol SAN & Convidados. Serão ofertados doadoras utilizadas pela SAN, de genética de alto padrão e variabilidade, produtividade comprovada, além de novilhas cabeceiras da sua safra 2014. O leilão será dia 11 de Abril de 2016 no Tatersal Hélio Coelho às 20h.

Informações: (67) 9980-9044 ou pelo e-mail senepol@fazendasanfrancisco.tur.br .

NOTICIAS DA PECUARIA


, às


,23/02/2016 às 07:47

Minas Gerais lança programa de pecuária na próxima quarta


Segundo o EMATER-MG, o programa tem como objetivo modernizar a cadeia produtiva da pecuária mineira, por meio da prestação de assistência técnica voltada para a aplicação das boas práticas de produção, gestão da atividade e melhoria da qualidade dos produtos derivados da bovinocultura.

Irá promover também o melhoramento genético do rebanho bovino comercial de corte e leite, com a realização de feiras e leilões para viabilizar aos pecuaristas a compra de touros e fêmeas melhoradores.

O evento é aberto ao público.

A cerimônia de lançamento será realizada a partir das 14 horas no auditório JK, na Cidade Administrativa, em Belo Horizonte (MG).

Com informações Emater MG

NOTICIAS DA PECUARIA


,22/02/2016 às 08:06

Pecuária bovina do Estado deve perder R$ 545 milhões neste ano

Apesar de sinalizar recuperação, a pecuária bovina de Mato Grosso do Sul ainda deve sentir, neste ano, os impactos da retração do rebanho e da perda de mercado. O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) estima queda superior a meio bilhão de reais no montante a ser movimentado pela atividade em 2016. O valor bruto da produção (VBP) da pecuária bovina sul-mato-grossense, segundo projeta o Mapa, será de R$ 8,018 bilhões neste ano, recuo de 6,36% na comparação com a cifra de 2015, de R$ 8,563 bilhões. Em números absolutos, o decréscimo é de R$ 545,25 milhões.
Depois de quedas contínuas, o rebanho bovino de Mato Grosso do Sul apresentou leve variação de 0,54% no ano passado, fechando em 20,65 milhões de cabeças, de acordo com a Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal (Iagro/MS). Em relação a 2010 (22,135 milhões), a redução é de 6,7%. O Estado chegou a ter um rebanho perto de 25 milhões de bovinos – em 2003, eram 24,983 milhões de animais, pelos números do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).
A queda do rebanho bovino de Mato Grosso do Sul nos últimos anos ocorreu em um cenário de expansão de áreas de outras atividades, como soja e floresta. A área de plantio da oleaginosa cresceu 34% da safra 2009/10 (1,712 milhão de hectares) para a safra 2014/15 (2,3 milhões de hectares), conforme a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). Já a área de eucalipto mais que dobrou de 2009 a 2014 (de 352.550 para 764.350 hectares na comparação entre as safras de inverno de 2009/10 e de 2013/14), segundo dados do Sistema de Informação Geográfica do Agronegócio (Siga), do Sistema Famasul.
A trajetória de encolhimento do rebanho bovino foi quebrada no ano passado, mas seus efeitos ainda permanecem. O titular da Superintendência Federal de Agricultura no Estado (SFA/MS), Celso de Souza Martins, estima que a recuperação ainda demore de um a dois anos. “Não temos registrado, atualmente, movimentação de queda [do rebanho bovino], mas há uma diminuição da exportação da carne e do [volume de] abate”, afirmou o superintendente. “Há alguns anos, houve redução do rebanho com aumento dos abates de matrizes, mas isso vem caindo e começa a se estabilizar”, acrescentou.

CORREIO DO ESTADO


,18/02/2016 às 07:26

Caso de raiva bovina é registrado no interior de São Paulo

Quando infectado, o animal costuma se afastar do resto do rebanho, sente dificuldades para andar e baba com frequência. A raiva não tem cura e pode matar a criação em poucos dias.

Segundo informações da Vigilância Sanitária de Conchas outros animais podem estar infectados em fazendas de Botucatu (SP) e Piracicaba (SP).

Fazendas vizinhas onde houve o registro da doença também serão monitoradas. “A partir de agora, todas as fazendas vizinhas serão visitadas dentro de um raio de 10 quilômetros e o monitoramento será feito para saber se há outros casos suspeitos de raiva”, disse Guilherme Shin, médico veterinário da Coordenadoria de Defesa Agropecuária (CDA).

NOTICIAS DA PECUARIA


,16/02/2016 às 08:45

Mato Grosso cria instituto especializado em carne

Foi publicada na edição da última sexta-feira (12) do Diário Oficial de Mato Grosso, a Lei nº 10.370/2016, que criou o Instituto Mato-grossense da Carne (IMAC). Com a criação do instituto, MT será o primeiro estado brasileiro a ter uma entidade que irá promover a carne bovina e contar com um selo que vai atestar a qualidade do produto.

Entre as atribuições do IMAC estão o desenvolvimento de pesquisas e tecnologias para padronização de carcaças e melhorias na qualidade da carne, além de garantir um controle rigoroso na pesagem das carcaças e rastreabilidade da carne.

Além disso, o IMAC será um Serviço Social Autônomo, de interesse coletivo e de utilidade pública e será vinculado, por cooperação, à Secretaria de Desenvolvimento Econômico (Sedec). Terá entre suas fontes de receita recursos provenientes de convênios, acordos e contratos celebrados com entidades, organizações e empresas, públicas ou privadas, contribuições de pessoas jurídicas de direito público e privado, entre outros. O IMAC terá como órgãos de direção o Conselho Deliberativo, composto por cinco membros; a Diretoria Executiva, composta por um presidente e no mínimo dois diretores e o Conselho Fiscal, composto por três membros.

O instituto contará também com um Sistema Eletrônico de Informação das Indústrias de Carne (SEIIC), que permitirá melhor controle sobre a produção, tanto pelos frigoríficos quanto pelos produtores, e beneficiará o consumidor, que terá garantida a segurança alimentar do produto adquirido.


Com informações do Governo de Mato Grosso

NOTICIAS DA PECUARIA


,15/02/2016 às 07:23

Mercado da carne com osso aquecido por conta do Carnaval

A Scot Consultoria divulgou um levantamento que aponta que o aumento da demanda no mercado atacadista da carne durante o feriado do Carnaval gerou altas. No período foi observada valorização de 3,1% no preço do boi casado de animais castrados.

Essa alta pode ser explicada pela menor disponibilidade de carne no atacado, ao mesmo tempo em que os varejistas intensificaram as compras. Já o boi gordo seguiu com as cotações firmes, com a Scot tendo registrado valorizações em quinze, das trinta e uma praças pesquisadas.

A necessidade de manter as programações gerou este cenário. Em São Paulo, as escalas de abate estão heterogêneas, com média ao redor de quatro dias.

NOTICIAS DA PECUARIA


,12/02/2016 às 07:17

MS é o 3º estado com melhor cobertura vacinal contra febre aftosa

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) divulgou na última sexta-feira (5) um relatório com os resultados da 2ª etapa de vacinação contra a febre aftosa em todo o Brasil. O levantamento aponta que Mato Grosso do Sul foi o terceiro estado com melhor cobertura vacinal contra a doença, com 99,53% do rebanho imunizado.

MS só ficou atrás dos estados de Mato Grosso, com 99,59% dos bovinos e bubalinos imunizados e de Goiás com 99,77% do rebanho imunizado. Estes estados inclusive ficaram à frente da média nacional de cobertura vacinal, que ficou em 98,17% para os animais vacinados no segundo semestre de 2015.

O relatório do Mapa ainda aponta que apenas três estados brasileiros tiveram índice de vacinação abaixo de 90%, são eles: Rio de Janeiro, com cobertura de 84,90%, Paraíba com 87,51% e Amapá com 87,58%.

Com um rebanho total estimado de 212 milhões de bovinos e bubalinos, a segunda etapa da campanha de 2015 não atingiu a meta de vacinar 150 milhões de cabeças, uma vez que em alguns Estados deveriam ser imunizados apenas animais até 24 meses de idade. Segundo dados do Departamento de Saúde Animal (DSA) do Mapa, o número de animais imunizados ficou em 147,2 milhões.

A segunda etapa da campanha nacional contra a aftosa foi realizada em 26 unidades da federação. Por ser livre da doença sem vacinação, Santa Catarina não imuniza seu rebanho.

Com informações do Iagro

NOTICIAS DA PECUARIA


,11/02/2016 às 07:02

Exportações brasileiras do agronegócio aumentaram 8,7% em janeiro


As exportações do agronegócio cresceram 8,7% em janeiro de 2016 quando comparadas ao mesmo mês de 2015. Embora o volume tenha aumentado, o valor obtido no comércio exterior apresentou retração.

Segundo levantamento divulgado pela Secretária de Relações Internacionais do Agronegócio (SRI) do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), o valor é 11,7% inferior aos US$ 5,64 bilhões alcançados no mesmo mês de 2015.

O motivo para o decréscimo no valor, segundo a secretária de Relações Internacionais, Tatiana Palermo, foi a redução nos preços médios para exportação dos produtos do agronegócio.

Além das exportações, as importações também caíram. Em janeiro deste ano as importações chegaram a US$ 913,09 milhões, enquanto no mesmo período de 2015 os números batiam 1,24 bilhão.

Os principais setores que contribuíram para as exportações foram carnes (18,6% do total embarcado), produtos florestais (16,2%), cereais, farinhas e preparações (16%), complexo soja (12,5%) e complexo sucroalcooleiro (9,8%).

O mês de janeiro deste ano também registrou crescimento das carnes de frango (14,8%), bovina (10%) e suína (65,3%).

Com informações do MAPA

NOTICIAS DA PECUARIA


,08/02/2016 às 07:43

17 plantas frigoríficas do Brasil são habilitadas pela China para exportação

A Administração-Geral de Supervisão de Qualidade, Inspeção e Quarentena (AQSIQ) da China autorizou na última quinta-feira (4), 17 novas plantas frigoríficas brasileiras a exportar para o país asiático, sendo cinco de carne bovina, oito de aves e quatro de suína.

Com essa nova habilitação por parte do país asiático, o setor estima que cada estabelecimento exporte cerca de US$ 20 milhões por ano, totalizando assim um aumento de US$ 340 milhões nos embarques do produto para o mercado chinês.

Essas novas habilitações são resultado da missão oficial do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento do Brasil àquele país, em novembro do ano passado, ocasião em que a autorização de sete plantas frigoríficas brasileiras foi anunciada.

Com a habilitação dessas 17 plantas, o Brasil passa a ter 65 frigoríficos autorizados a exportar carne para a China. Desses, 38 são de aves, 16 de bovinos e 11 de suínos.

Confira os estados em que estão as 17 novas plantas frigoríficas habilitadas:

Aves: Paraná (3), Rio Grande do Sul (2), Minas Gerais (2) e São Paulo (1).
Suínos: Rio Grande do Sul (2), Santa Catarina (2).
Bovinos: São Paulo (3), Minas Gerais (2)
Com informações do Mapa

NOTICIAS DA PECUARIA


,02/02/2016 às 10:24

Mato Grosso do Sul registra primeiro caso de mormo equino em 2016


O primeiro caso de mormo equino em Mato Grosso do Sul em 2016 foi registrado em uma fazenda no município de Aquidauana. A informação é da Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal do Estado (Iagro).

Ainda de acordo com a entidade, o cavalo passou por dois exames, um de sangue, e um de reação, em que uma proteína da bactéria causadora da doença é aplicada na pálpebra, e os dois testes deram positivo para a doença. No entanto, uma liminar na Justiça obtida pelo proprietário fez com que o animal ainda não fosse sacrificado (procedimento comum após a detecção da doença).

Por conta disso, a Iagro não conseguir entrar na fazenda para realizar os procedimentos de controle do mormo, nem mesmo para examinar os outros animais da propriedade rural. Assim, a propriedade e o tráfego de seus animais foram interditados pela entidade.

NOTICIAS DA PECUARIA


,29/01/2016 às 07:50

ExpoZebu 2016 abre inscrições para animais


A 82ª edição da ExpoZebu já está com as inscrições abertas para animais. Cada expositor pode inscrever até 15 animais de cada raça, dentro de cada categoria de registro. Poderão ser relacionados na ficha de inscrição até no máximo outros 10 animais de reserva para possíveis substituições.

Neste ano, haverá a possibilidade de inscrição de animais para o Julgamento a Campo, uma nova modalidade de avaliação visual praticada na ExpoZebu.

Os animais participantes da exposição deverão ser identificados e mensurados entre os dias 25 e 28 de abril, no período das 7h30 às 18h. Para os animais de outros municípios distantes mais do que 700 km do local, os portões do parque estarão abertos a partir do dia 18 de abril.

A ExpoZebu é promovida pela Associação Brasileira dos Criadores de Zebu (ABCZ).

Com informações do portal DBO


NOTICIAS DA PECUARIA


,27/01/2016 às 08:21

Preços no mercado de reposição seguem firmes

A Scot Consultoria divulgou um comunicado que aponta que os preços do mercado de reposição continuaram firmes na última semana. O maior número de negócios e a melhora gradativa das pastagens por conta das chuvas são os principais fatores que colaboraram para esse cenário.

O mercado do boi gordo também segue firme, sendo que considerando todas as categorias de machos anelorados apresentaram aumentaram 0,3% nos últimos sete dias. Os grandes responsáveis por esse aumento foram as categorias jovens, com o bezerro de ano (7,5 arrobas) e o desmamado (6,0 arrobas) registrando altas de 0,5% e 0,3%, respectivamente na última semana.

No Paraná, por exemplo, a referência para o bezerro desmamado está em R$ 1.340,00 por cabeça, alta de 0,8% na última semana. Com isso, atualmente, são necessárias 8,8 arrobas de boi gordo para comprar uma cabeça desta categoria.

Com informações da Scot Consultoria

NOTICIAS DA PECUARIA


,21/01/2016 às 08:05

Eficiência alimentar em vacas leiteiras será discutida no Inovashow


Ele abordará o tema "Inovações em Nutrição Animal: eficiência alimentar: Otimização da eficiência produtiva em vacas leiteiras por meio da nutrição".

O evento, promovido pelo Grupo Boa Fé - Ma Shou Tao, acontecerá nos dias 16 e 17 de fevereiro, na sede da Fazenda Boa Fé, em Conquista (MG).

Confira entrevista que Francisco Rennó concedeu ao Notícias da Pecuária:

A alimentação animal é fator determinante para produção de gado com qualidade?

Francisco Rennó: A alimentação é importante para a manutenção da saúde dos animais e de que tenham condições de expressarem plenamente o seu desempenho produtivo. Ainda, é a maior fonte de custos em sistemas de produção com animais. Assim, é duplamente prioridade na fazenda.

O que é eficiência alimentar bovina?

FR: Sistemas de produção com animais são complexos. Assim, sempre procura-se obter o máximo de eficiência técnica e econômica com a utilização de variadas estratégias. Uma dessas estratégias é otimizar a extração de nutrientes dos alimentos, por meio de processos digestivos pelos animais, de forma que convertam os nutrientes em leite e carne. Dessa maneira, a aplicação de estratégias nutricionais que auxiliem os animais a aumentarem a produção de leite ou carne por kg de alimento consumido revela-se caminho muito promissor para aumentar a eficiência de todo o sistema de produção.

O que fazer para conseguir aumentar a eficiência alimentar no gado leiteiro?

FR: Pode-se combinar diversas estratégias, especialmente manipulando as condições nutricionais e a genética dos animais.

Existe uma dieta ideal? Qual seria?

FR: Não existe uma única dieta que resolva todos os problemas. Os níveis dietéticos devem ser definidos em cada situação particular de forma a ser obtido a melhor eficiência técnica e econômica dos sistemas de produção.

Quais os benefícios para o produtor?

FR: Pensando-se em manipular as estratégias nutricionais, é a redução com os custos de alimentação e/ou melhoria do desempenho produtivo dos animais.

Quais informações serão compartilhadas com o público do Inova Show?

FR: Notadamente a importância da alimentação correta no sistema de produção de leite e a apresentação de estratégias, notadamente aditivos nutricionais, que podem auxiliar a melhoria da eficiência alimentar de vacas leiteiras.

Informações sobre o evento podem ser obtidas no site: http://inovashow.agr.br/


,18/01/2016 às 07:55

Bataguassu (MS) recebe curso de doma racional

Acontece entre os dias 18 e 22 de janeiro, no assentamento Aldeia em Bataguassu (MS), o curso de doma racional. A qualificação é oferecida pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso do Sul (Senar/MS) em parceria com o sindicato rural do município.

O curso tem como objetivo ensinar aos participantes as técnicas e manejo correto para domar o animal nas propriedades rurais. Confira alguns temas abordados durante a qualificação:

- técnica de cabresteamento;

- técnica racional para o primeiro contato com o cavalo;

- local adequado para doma;

- técnica racional para o primeiro contato com o cavalo;

- técnica de aproximação e aceitação;

- técnica racional para encilhamento e monta;

- desenvolvimento de andaduras do animal;

A qualificação tem carga horária de 40 horas e as inscrições que são gratuitas podem ser feitas no site: www.senarms.org.br.


,15/01/2016 às 07:10

Mercado do boi gordo segue com preços firmes


Após uma primeira semana de poucos negócios, o mercado do boi gordo vem operando com cotações firmes neste início de ano. Isso pode ser explicado pelo ritmo lento dos negócios, chuvas abaixo do esperado no Brasil Central e pelo final do confinamento, fatores estes que reduziram a oferta de boiadas.

Além destes pontos, por conta do mercado estar em alta, alguns pecuaristas tem segurado seus animais no pasto para aguardar preços melhores, o que também acaba contribuindo para a restrição de oferta.

A Scot Consultoria divulgou um levantamento que aponta que das trinta e uma praças pesquisadas pela entidade, sete registraram alta no mercado do boi gordo. Sendo que em Araçatuba, o preço da arroba do boi gordo encerrou a última quarta-feira (13) cotada em R$ 149,50, à vista.

No mercado atacadista de carne bovina com osso, os preços estão estáveis. O boi casado capão ficou cotado em R$10,06/kg.
Com informações da Scot Consultoria

NOTICIAS DA PECUARIA


,14/01/2016 às 06:55

Fazenda em MS coloca touros da raça Gir Leiteiro à venda

A Fazenda Cabeceira do Prata, localizada em Jardim (MS), oferta oito touros da raça Gir Leiteiro.

Os animais, nascidos entre abril a agosto de 2013, são filhos de consagrados exemplares da raça como
C.A. Sansão, Barbante TE Kubera e Vaidoso da Silvania.

Os touros foram criados a pasto sendo manejados de maneira a serem dóceis. Eles são filhos de inseminação artificial ou de fertilização in vitro (FIV).

Informações e valores estão disponíveis no site www.fazendacabeceiradoprata.com.br

NOTICIAS DA PECUARIA


,12/01/2016 às 07:03

Vendas de carne bovina para o exterior rendem mais de US$ 5,5 bi

Dados da Secretaria de Comércio Exterior do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC) apontam que depois de registrar crescimento por vários anos seguidos, as exportações brasileiras de carne bovina encerraram o ano de 2015 em queda, retornando ao mesmo patamar da receita obtida em 2012.

O relatório da secretaria aponta que o Brasil comercializou 1,361 milhão de toneladas do produto no ano passado, registrando receita de US$ 5,79 bilhões. Esses números significam queda de 12% em volume e de 19% na receita em comparação a 2014, quando as vendas superaram 1,540 milhões de toneladas e a receita foi de US$ 7,1 bilhões.

A Associação Brasileira de Frigoríficos (ABRAFRIGO) acredita que para 2016, a receita e o volume das exportações de carne bovina do Brasil devem crescer. No entanto, por conta das condições do mercado internacional, a recuperação deverá vir da reabertura e da conquista de novos mercados.

Entre os principais clientes do Brasil, as maiores quedas no volume de compras foram da Venezuela (-44%), Rússia ( -43%), Hong Kong (-32%). Já os países que apresentaram crescimento expressivo nas suas importações foram o Irã (59%) e o Egito (18%). No total, o país registrou queda nas exportações para 88 países enquanto que outros 63 aumentaram suas compras.
Com informações da Abrafrigo


NOTICIAS DA PECUARIA


,11/01/2016 às 06:03

Estado ganha recursos para instalar 210 aviários


O Mato Grosso do Sul passará a contar em 2016 com mais 210 aviários, em 12 municípios do interior, com capacidade de produção de 7,7 milhões de aves/ano que irão abastecer as indústrias do setor em operação no Estado.

O investimento será de R$ 159.453.023,32, oriundo do Fundo Constitucional do Centro-Oeste (FCO) – cujo conselho é presidido pela Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico (Semade).


“Ao todo, nós aprovamos no ano de 2015 pouco mais de R$ 159,4 milhões em projetos de construção de aviários em 12 municípios do interior do Estado, que serão implantados até o final deste ano”, informa o secretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico, Jaime Elias Verruck.

O fomento ao setor de avicultura em Mato Grosso do Sul é uma das ações estratégicas do governo do Estado para a diversificação da economia e compromisso assumido pelo governador Reinaldo Azambuja. A Semade, nas análises das cartas-proposta feitas ao FCO no ano passado, priorizou projetos que favorecessem o adensamento dessa cadeia produtiva – diretriz que será mantida em 2016 nas apreciações dos pleitos que forem feitos ao Fundo.

“Conseguimos em 2015 a atração de investimentos muito importantes na área de avicultura para Mato Grosso do Sul. O que estamos fazendo é estruturar o setor rural para que tenhamos mais produtores integrados com as indústrias do setor”, comenta Jaime Verruck. Entre as principais indústrias integradoras que vão absorver a produção desses aviários estão a Frango Bello, BRF Brasil Foods, Doux Frangosul (JBS) e Seara Alimentos.

JANELA DE OPORTUNIDADES
De acordo com o secretário Jaime Verruck, o governo do Estado está se empenhando para aproveitar uma nova janela de oportunidades que está se abrindo na avicultura. “Hoje, a questão cambial favorece a exportação e temos uma crescente demanda mundial do mercado de aves, principalmente da China. Não podemos deixar esse momento passar”, afirma.

O titular da Semade acrescenta ainda que a perspectiva é atrair mais investimentos no setor de aves em 2016. “Os empreendimentos que foram viabilizados no ano passado, ainda não são suficientes para a implantação de novas indústrias. Eles apenas preenchem a capacidade ociosa das indústrias existentes no Estado. Com a vinda de novos investimentos, teremos um novo ciclo de expansão. Nossa meta é chegar a 2 mil novos aviários, além desses já aprovados”, finaliza.

Os R$ 159,4 milhões aprovados pelo FCO serão aplicados na instalação, construção e ampliação de 210 aviários nos municípios de: Aparecida do Taboado (8), Dois Irmãos do Buriti (4), Dourados (64), Glória de Dourados (24), Itaquiraí (12), Ivinhema (2), Jateí (18), Juti (2), Novo Horizonte do Sul (2), Rio Brilhante (4), Sidrolândia (64), Vicentina (6).
TAGS:

Fonte: Sulnews


,09/01/2016 às 07:55

MS recebe investimentos e terá mais 210 aviários em 2016


O Fundo Constitucional do Centro-Oeste (FCO) destinou a Mato Grosso do Sul um investimento de R$ 159.453.023,32. Essa verba será utilizada na implantação de mais 210 aviários em 12 municípios do interior do Estado neste ano de 2016.

Esses aviários terão capacidade de produção de 7,7 milhões de aves por ano e terão como principal utilidade abastecer as indústrias do setor em operação em Mato Grosso do Sul. De acordo com o secretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico, Jaime Elias Verruck, o objetivo desses investimentos é estruturar o setor rural para que os produtores do estado estejam mais integrados com as indústrias do setor.

Os R$ 159,4 milhões aprovados pelo FCO serão aplicados na instalação, construção e ampliação de 210 aviários nos municípios de: Aparecida do Taboado (8), Dois Irmãos do Buriti (4), Dourados (64), Glória de Dourados (24), Itaquiraí (12), Ivinhema (2), Jateí (18), Juti (2), Novo Horizonte do Sul (2), Rio Brilhante (4), Sidrolândia (64), Vicentina (6).

Com informações do Correio do Estado

NOTICIAS DA PECUARIA


,07/01/2016 às 08:30

Coreia do Sul abre mercado para carne suína brasileira

Depois de mais de dez anos de negociação, o Brasil finalmente poderá embarcar carne suína in natura para a Coreia do Sul. O embaixador do país asiático no Brasil, Lee Jeong Gwan, informou que a sinalização para o comércio bilateral do produto foi dada pelo Ministério da Agricultura, Alimentos e Assuntos rurais coreano.

No entanto, o governo coreano decidiu autorizar a importação de carne suína produzida apenas em Santa Catarina. Com isso, o potencial de exportação dos estabelecimentos catarinenses para a Coreia do Sul é de US$ 108 milhões, o que representa 33 mil toneladas do produto.

Os procedimentos preliminares para abertura dos embarques foram feitos em atendimento a respostas encaminhadas pelo governo brasileiro e em visitas técnicas a estabelecimentos em Santa Catarina. Os dois países esperam concluir ainda este ano todas as formalidades da negociação para permitir as primeiras exportações.

Requisitos sanitários

As próximas etapas a serem cumpridas entre os dois países são a apresentação de requisitos sanitários exigidos pelas autoridades sul-coreanas, a elaboração do certificado sanitário internacional e a habilitação das plantas exportadores.

Segundo a Secretaria de Relações Internacionais do Agronegócio, a carne suína de Santa Catarina foi escolhida pelas autoridades sanitárias sul-coreanas porque esse é o único estado brasileiro livre de febre aftosa sem vacinação reconhecida pela Organização Mundial de Saúde Animal (OIE).
Com informações do Mapa

NOTICIAS DA PECUARIA


,05/01/2016 às 07:00

Negociações com o boi gordo caem no período de festas de fim de ano

A última semana do ano foi mercado pelo ritmo lento das negociações no mercado do boi gordo em São Paulo. Essa lentidão pode ser explicada pelo fato de que os pecuaristas, de maneira geral, aguardavam a passagem do período de festas de fim de ano para voltar às negociações.

Por conta disso, a oferta acabou por diminuir, mas não o suficiente para gerar mais valorizações no produto, já que boa parte dos frigoríficos já havia completado suas escalas para a primeira semana do ano de 2016.

Em Barretos (SP), por exemplo, o preço do boi gordo ficou cotado a R$ 146,50 por arroba, à vista. No entanto, houve casos de algumas indústrias estarem pagando acima do valor de referência.

Já em algumas regiões de Mato Grosso do Sul e em Rondônia a venda de carne com osso no atacado melhorou. O boi casado de animais castrados em São Paulo está cotado em R$9,90/kg.
Com informações da Scot Consultoria

NOTICIAS DA PECUARIA


,04/01/2016 às 07:10

Criadores do TO têm até o dia 10 para declarar vacina contra brucelose


O prazo para vacinação contra brucelose em bezerras bovinas e bubalinas de 3 a 8 meses no estado do Tocantins se encerra nesta quinta-feira (31), porém, o produtor rural terá até o dia 10 de janeiro para fazer a declaração da vacina junto à Agência de Defesa Agropecuária do Tocantins (Adapec).

O produtor que deixar de vacinar os animais contra a doença pagará multa no valor de R$ 5,32 por animal e/ou R$ 127,69 pela não declaração da vacina. Além disso, o criador também terá sua ficha de movimentação do rebanho bloqueada para a emissão da Guia de Trânsito Animal (GTA) até que regularize a sua situação.

Vale a pena lembrar que a que a vacinação contra a brucelose é obrigatória, e no Tocantins, as bovídeas entre 3 e 8 meses devem ser vacinadas com a vacina Cepa B19. Já o produtor que não declarar esta vacinação no prazo, deverá utilizar a vacina RB 51, que é autorizada para animais acima de oito meses, mediante autorização de compra feita pela Adapec. O procedimento de vacinação dos animais deve ser realizado por médico veterinário ou auxiliar de vacinador cadastrados na Agência, posteriormente, o produtor rural deverá apresentar a nota fiscal e o atestado de vacinação no escritório da Adapec.

No primeiro semestre de 2015 foram vacinadas 415.025 bezerras bovinas, alcançando 93,59% de índice vacinal. Já as bubalinas, das 523 em idade vacinal, 426 foram vacinadas. O Tocantins vem alcançando nos últimos anos índices de cobertura vacinal acima dos atingidos pelos outros estados da federação.
Com informações da Seagro/TO

NOTICIAS DA PECUARIA


,02/01/2016 às 08:33

Curso de manejo nutricional de gado de corte será realizado em MG


A CPT Cursos Presenciais está com inscrições abertas para o curso de manejo nutricional de gado de corte que acontecerá entre os dias 18 e 20 de janeiro em Viçosa (MG). O curso será dividido em aulas teóricas e práticas e tem como público alvo administradores rurais, produtores, responsáveis por cocheiras de gado, técnicos e estudantes ligados à agropecuária.

O curso tem como objetivo apresentar aos participantes conhecimentos teóricos e práticos com técnicas modernas de avaliação de alimentos e manejo da alimentação de gado de corte, abordando como podem influenciar na saúde, reprodução e produção da bovinocultura.

A qualificação será ministrada pela equipe da VALOR Orientações Agropecuárias, que atua na prestação de serviços para empresas rurais em todo o Brasil. A equipe contará com professores com formação em Zootecnia, mestrado e doutorado em Produção Animal, com grande experiência prática na atividade.

No curso de carga horária de 27 horas estão incluídos hospedagem, alimentação (café da manhã, almoço e lanche), apostila impressa, CD interativo, seguro contra acidentes pessoais e certificado

Para conferir a programação completa do curso de manejo nutricional de gado de corte e fazer a sua inscrição basta acessar o link abaixo:

http://www.cptcursospresenciais.com.br/curso/curso-de-manejo-nutricional-de-gado-de-corte-alimentos-e-alimentacao/#tab1

NOTICIAS DA PECUARIA


,30/12/2015 às 07:27

Revendas de agroquímicos são regulamentadas pela Câmara Federal


Os deputados federais da Comissão de Desenvolvimento Urbano (CDU) da Câmara Federal aprovaram por unanimidade no dia 16 de dezembro, o Projeto de Lei 1805/2015, que dispõe sobre a localização dos estabelecimentos revendedores e distribuidores de agroquímicos agrícolas.

A proposta de autoria do deputado Jerônimo Goergen estabelece um marco legal para o setor dos agroquímicos no Brasil. Segundo ele, o objetivo do PL é dar segurança jurídica para quem comercializa esses produtos, além de melhorar a fiscalização.

Para o congressista, com a aprovação do Projeto de Lei, vários estabelecimentos deverão ser obrigatoriamente fechados e por isso o marco regulatório nacional está sendo apresentado, para que a atividade das revendas seja mantida.

O projeto segue agora para a análise da Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural.
Com informações do Agrolink

NOTICIAS DA PECUARIA


,28/12/2015 às 06:32

Cáceres sediará curso de manejo de gado de corte

O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) em Mato Grosso promove nos dias 11 a 15 de janeiro a capacitação "Manejo de Gado de Corte".

O curso será realizado na cidade de Cáceres (MT).

Os participantes terão acesso aos seguintes assuntos: Manejo de crias; Cuidados com a vaca no pré-parto; Cuidados com o recém-nascido; Alimentação; Identificação - descorna e desmame; Controle sanitário; Recria de novilhos e novilhas; Mineralização; Marcação; Desenvolvimento; Reprodução; Seleção para reprodução; Castração de novilhos; Terminação ou engorda; Instalações; Manejo de matrizes adultas; Estação de monta; Cuidados na gestação; Reposição do plantel; Manejo de touros; Vida reprodutiva.

Mais insformações podem ser obtidas pelo telefone (65) 3223-2111 ou através do e-mail: sindcaceres@famato.org.br

NOTICIAS DA PECUARIA


,24/12/2015 às

Setor suinícola fecha o ano em baixa


A oferta de suínos no Brasil em 2015 superou a demanda tanto em nível nacional quanto internacional. Mesmo com a valorização do dólar comparado ao Real, os custos de produção cresceram e acabaram prejudicando o setor no país.

O preço do milho, por exemplo, teve forte alta devido às exportações dinamizadas pelo câmbio, reduzindo a disponibilidade doméstica o que acabou refletindo no mercado suíno.

Por outro lado, neste ano a carne suína melhorou sua competitividade frente à bovina e de frango, diferentemente do ano passado.

No comparativo anual, o preço pago ao produtor do estado de São Paulo caiu 13,6% e, de Minas Gerais, 10% em termos reais – deflacionados pelo IGP-DI de nov/15. No mercado atacadista da Grande São Paulo, também do início de janeiro a 21 de dezembro, a carcaça comum suína teve média real de R$ 5,70/kg, queda de 13,8% em relação ao valor praticado no ano passado (inteiro), de R$ 6,61/kg – valores deflacionando-se pelo IPCA de nov/15. A carcaça especial suína, negociada a R$ 6,01/kg neste ano, recuou 13,9% no comparativo anual.

NOTICIAS DA PECUARIA


,22/12/2015 às 07:37

Vendas de agroquímicos caem 23% no ano de 2015



O Sindicato Nacional da Indústria de Produtos para Defesa Vegetal (Sindiveg) divulgou nesta segunda-feira (21) um balanço anual prévio do setor. O relatório aponta que as vendas de produtos agroquímicos no Brasil registraram um faturamento de US$ 9,5 bilhões, receita que representa queda de 23% na comparação com o mesmo período do ano passado.

Segundo a entidade, o principal fator que contribuiu com a queda no faturamento do setor foi a forte desvalorização do Real frente ao dólar, já que a indústria de agroquímicos trabalha com muitos insumos importados e por conta disso não conseguiu repassar o aumento dos custos aos preços, perdendo assim rentabilidade.

Outro fator importante que pode justificar o mau resultado do setor é a dificuldade enfrentada pelos produtores para obter crédito, por conta do cenário de instabilidade econômica no Brasil. Isso acaba por paralisar novas negociações, que provocam o aumento dos estoques dos produtos.

Para 2016, o Sindiveg acredita que o ano será repleto de desafios e que novamente o mercado de agroquímicos não registrará crescimento.

Com informações do Sindiveg

NOTICIAS DA PECUARIA


,19/12/2015 às 08:47

Mercado de reposição segue estável



Em uma semana marcada por pouca movimentação, o mercado de reposição na média das categorias de machos anelorados seguiu com suas cotações estáveis nos últimos sete dias. A Scot Consultoria acredita que por conta das quedas nas cotações do boi gordo em algumas praças, uma resistência a novas altas no mercado de reposição está acontecendo.

Além deste detalhe, a proximidade com o período de final do ano também tem contribuído para a diminuição das negociações. No entanto, a curta oferta mantém o mercado pressionado, sem que haja espaço para recuos importantes nas cotações.

A baixa oferta das categorias e a melhora da demanda por conta do preço firme do boi tem dado fôlego ao mercado de reposição no Rio Grande do Sul. Além disso, as chuvas também têm ajudado para a boa situação das pastagens.

A expectativa para o curto prazo é de que não ocorram grandes movimentos de preços, com um mercado mais lento na reta final de 2015.


Com informações da Scot Consultoria

NOTICIAS DA PECUARIA


,18/12/2015 às 09:05

Chuvas no Sul fazem casos de ferrugem asiática duplicar no Brasil

O fenômeno climático El Niño tem provocado chuvas acima da média histórica em algumas regiões do Brasil. No Sul do país, por exemplo, as precipitações têm contribuído para que diversos casos de ferrugem asiática sejam registrados. No último mês, os casos em lavouras brasileiras mais do que dobraram.

De acordo com a Reuters, desde o início de junho até o momento já foram registrados 136 casos da praga no Brasil, sendo 63 no Paraná e 43 no Rio Grande do Sul. O Brasil já enfrentou grandes prejuízos no setor produtivo nos momentos em que a ferrugem asiática não foi combatida adequadamente no país.

Vale a pena lembrar que apesar da experiência dos produtores brasileiros em controlar a doença, os custos de produção das fazendas devem aumentar caso a lavoura sofra com a praga, já que as aplicações de defensivos elevam os custos.

Com informações da Reuters

NOTICIAS DA PECUARIA


,18/12/2015 às 09:00

Brasil exportará material genético de bovinos e bubalinos para a Costa Rica



O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e o Serviço Nacional de Saúde Animal (Senasa) do Ministério de Agricultura y Ganaderia da Costa Rica firmaram um acordo entre os países que fará com que o Brasil exporte material genético de bovinos e bubalinos para o país da América Central.

No acordo, além do embarque do material genético de animais do rebanho brasileiros, estão previstos o cumprimento das condições sanitárias exigidas para o trânsito internacional do material genético de búfalos até o país de destino.

Vale a pena lembrar que no início de dezembro, o Brasil firmou acordo parecido com a Bolívia. No entanto, a parceria com o país vizinho foi para a exportação de bovinos vivos, pois em 2014 400 mil bovinos daquele país morreram na enchente dos rios Beni e Mamoré.

O acordo selado entre o Brasil e a Costa Rica, país interessado na genética bovídea brasileira, vai contribuir com a melhoria do rebanho costa-riquenho, considerando que seu rebanho bovino é de 1,2 milhão de cabeças, sendo 42% para produção de carne, 33% para produção de leite e os demais 25% do rebanho com dupla aptidão, além de 4.380 cabeças de bubalinos, segundo Censo Agropecuário da Costa Rica publicado em 2014.

Com informações do Canal do Produtor

NOTICIAS DA PECUARIA


,17/12/2015 às 08:42

Exportação de produtos lácteos cresceu em novembro

O Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC) divulgou um relatório que aponta que no mês de novembro, o Brasil exportou US$ 37,1 milhões em produtos lácteos, alta de 12,7% no faturamento em relação aos embarques de outubro deste ano.

Além do aumento no faturamento, o volume embarcado de produtos lácteos também registrou crescimento, com o embarque de 8,7 mil toneladas frente as 7,5 mil toneladas exportadas no mês de outubro. O produto mais exportado foi o leite em pó, que somou 7,6 mil toneladas e teve US$ 34,5 milhões em faturamento.

Entre os principais compradores dos produtos lácteos brasileiros aparecem: Venezuela, Emirados Árabes e Arábia Saudita. Quando comparado ao mesmo período de 2014, tanto o volume quanto o faturamento registraram altas de 31,5% e 23,9%, respectivamente.

Entre os fatores que podem ter colaborado para o bom resultado do setor, são o início da safra no país e a valorização do dólar frente ao real na comparação com o mesmo período do ano passado.

NOTICIAS DA PECUARIA


,14/12/2015 às 08:33

Sidrolândia (MS) recebe curso de instalação de cerca elétrica


Acontece entre os dias 14 e 16 de dezembro, no ATER em Sidrolândia (MS), o curso de instalação de cerca elétrica. A qualificação é oferecida pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso do Sul (Senar/MS) em parceria com o sindicato rural do município.

O objetivo da qualificação é mostrar aos participantes como construir e instalar uma cerca elétrica dentro dos padrões de qualidade e segurança. Confira alguns dos pontos que serão abordados durante o curso:

- Importância das cercas elétricas;

- tipos de cercas elétricas;

- localização e instalação do eletrificador;

- seleção dos materiais e ferramentas necessárias para construção das cercas elétricas;

- medidas de segurança no trabalho, no meio ambiente, novas exigências profissionais e mercado de trabalho;

E vários outros tópicos necessários para que as instalações das cercas elétricas sejam feitas com segurança e qualidade. O curso tem carga horária de 24 horas e é gratuito.

As inscrições podem ser feitas pelo site: www.senarms.org.br.


,12/12/2015 às 08:20

1º Leilão Virtual Mega Corte Goiás acontece neste sábado



Acontece neste sábado (12), às 14h (horário de Brasília) a 1ª edição do Leilão Virtual Mega Corte Goiás. O remate que irá ofertar 5.000 animais para cria, recria e engorda contará com transmissão ao vivo do Canal Rural e é realizado pela leiloeira Programa Leilões Goiás e pela Leilo Forte.

Os animais ofertados no leilão estão localizados em propriedades rurais do Estado de Goiás. Para mais informações sobre o 1º Leilão Virtual Mega Corte basta ligar nos telefones abaixo:

(62) 9975-0507 – Eduardo André

(62) 9959-1123 – Renato Amaral

(62) 3383-1579 – Leilo Forte

Já para se cadastrar e fazer lances no remate deste sábado basta ligar no telefone:

(43) 3373-7000


NOTICIAS DA PECUARIA


,11/12/2015 às 08:25

Brasil se torna o 2º maior produtor de frangos do mundo



O Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) divulgou um levantamento que aponta que a produção brasileira de carne de frango deverá chegar a 13,136 milhões de toneladas em 2015, alta de 3,5% em relação ao volume registrado pelo setor em 2014, com 12,691 milhões de toneladas.

Por conta destes dados, o Brasil superou a China (que tem produção prevista de 130,9 milhões de toneladas) e assumiu a segunda colocação no ranking dos maiores produtores de carne de frango do mundo.

Acompanhando o bom momento da produção, o consumo per capita deverá apresentar crescimento de 1,05% no Brasil, atingindo 43 quilos per capita no ano. A Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) ainda estima um crescimento de 3 a 5% para o ano de 2016.

Com informações da ABPA

NOTICIAS DA PECUÁRIA


,10/12/2015 às 08:32

Terça-feira (8) de preços estáveis no mercado do frango vivo


A última terça-feira (8) registrou estabilidade nos preços do mercado de frango vivo nas principais praças de comercialização. O cenário registrado ontem acompanhou o que vem sendo observado nas últimas semanas, onde não foram registradas mudanças significativas nos preços.

Assim, as praças de Minas Gerais e São Paulo seguem comercializando o quilo do produto a R$ 3,35 e R$ 3,10, respectivamente, há mais de um mês. Os preços não apresentaram reações significativas na última semana, porque a comercialização está aquém do esperado para o período do mês.

Exportações

Também na última terça-feira (8), o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC) divulgou resultados parciais de embarques de carne de frango in natura. Em quatro dias úteis, o volume de exportações fechou em 72,7 mil toneladas, com média diária de 18,2 mil toneladas. Em receita, os embarques somaram US$ 106,7 milhões.

NOTICIAS DA PECUARIA


,09/12/2015 às 07:23

Rio Brilhante recebe curso de implantação e manejo básico de horta

Acontece entre os dias 9 e 11 de dezembro, no Assentamento Margarida Alves em Rio Brilhante (MS), o curso de implantação e manejo básico de horta. A qualificação é oferecida pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso do Sul (Senar/MS) em parceria com o sindicato rural do município.

No curso os participantes receberão instruções de como implantar e como cuidar da horta, sendo abordados os seguintes pontos:

- considerações sobre colheita e aproveitamento do excedente;

- calagem, adubação e incorporação dos canteiros e covas;

- tecnologias utilizadas no cultivo das hortaliças;

- definição da área para implantação da horta;

E outros pontos fundamentais para fazer a implantação e o manejo básico de horta. A qualificação tem carga horária de 24 horas.

O curso é gratuito e as inscrições podem ser feitas pelo site: www.senarms.org.br.

NOTICIAS DA PECUARIA


,07/12/2015 às 09:07

Leilão Virtual Touros Montana Calidad acontece nesta semana

Acontece nesta quarta-feira (9) a partir das 20h (horário de Brasília), o Leilão Virtual Touros Montana Calidad. O remate que ofertará 14 lotes de touros avaliados da raça Montana será transmitido ao vivo pelo Canal do Boi e conta com o suporte da Genética Aditiva.

Para que os interessados pudessem ter mais informações sobre os lotes que serão ofertados no leilão, a organização do evento produziu uma série de vídeos com todos os animais que estarão sendo vendidos na próxima quarta-feira. O resultado desse trabalho

NOTICIAS DA PECUARIA


,05/12/2015 às 09:20

Japão põe fim ao embargo à carne brasileira

Chegou ao fim nesta sexta-feira (4) o embargo do Japão aos produtos cárneos termoprocessados brasileiros. Com isso, o Brasil recuperou todos os mercados que havia perdido após o embargo decretado em 2012, por conta de um caso atípico de encefalopatia espongiforme bovina (EEB), mais conhecido como “mal da vaca louca”.

A reabertura do mercado japonês foi anunciada durante reunião entre a reabertura foi anunciada durante reunião entre a secretária de Relações Internacionais do Agronegócio do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Tatiana Palermo, e o vice-ministro para Assuntos Internacionais do Ministério da Agricultura, Florestas e Pesca do Japão (Maff), Hiromitsu Matsushima. No encontro, também foram apresentados, ao chefe do Serviço Veterinário Oficial japonês, Toshiro Kawashima, os modelos de Certificado Sanitário Internacional, que deverão amparar as exportações dos produtos brasileiros.

Vale a pena lembrar que antes do embargo japonês à carne brasileira, o Brasil chegou a exportar para o Japão 1,55 mil toneladas de carne bovina termoprocessado e extrato, que rendeu um faturamento de US$ 8,6 milhões. A reunião entre as autoridades também serviu para abrir o mercado brasileiro para a carne bovina japonesa Wagyu, conhecida por ser considerada a carne mais saborosa e mais cara do mundo.

Com informações do Mapa

NOTICIAS DA PECUARIA


,02/12/2015 às 07:41

Leilão Virtual Nelore Irmãos De Marchi acontece nesta 3ª feira

Acontece na noite desta terça-feira (1º de dezembro), a partir das 21h (horário de Brasília), o Leilão Virtual Nelore Irmãos De Marchi. O remate que é realizado pela Programa Leilões irá ofertar 53 lotes de reprodutores e matrizes da raça Nelore e contará com transmissão ao vivo do Canal Rural.

Confira alguns dos reprodutores que serão ofertados no leilão desta terça-feira:

Lote 10 – K13IDM
Filho de Maia FIV da Matinha X Daspu IDM

Lote 12 – Kaeno IDM
Filho de Funcionário de Naviraí X Hale IDM

Lote 15 – Kalone FIV Fazenda Serra
Filho de Guincho TE de Naviraí X Cristal 2 do Colibri

Lote 19 – Dharma É o Amor
Filho de Basco da SM X Marani JS da BJ TE

Lote 23 – Jeru IDM
Filho de Jeru FIV do Brumado X Eli Ourofino

Os animais arrematados neste leilão poderão ser pagos das seguintes formas:

24 parcelas sendo 2+2+20
12 parcelas sendo 2+10 com 8% de desconto
6 parcelas sendo 1+5 com 12% de desconto
Pagamento à vista com 16% de desconto

A organização do remate ainda promete frete free para toda malha viária brasileira e para qualquer quantidade.

Para conferir o catálogo completo do Leilão Virtual Nelore Irmãos De Marchi basta acessar o link abaixo:

http://programaleiloes.com.br/common/uploads/anexos/2127154602L_1.pdf


NOTICIASDAPECUARIA


,01/12/2015 às

Anastácio (MS) recebe curso de aplicação de medicamentos em bovinos



Acontece entre os dias 1º e 3 de dezembro, no Assentamento São Manoel em Anastácio (MS), o curso de aplicação de medicamentos em bovinos. A qualificação é oferecida pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso do Sul (Senar/MS) em parceria com o sindicato rural do município.

Na qualificação serão abordados temas como:

- materiais e equipamentos para aplicação de medicamentos;

- contenção dos animais;

- técnicas para aplicação de medicamentos (vias cutânea, subcutânea, oral, tópica, intramuscular, intradérmica e endovenosa)

- considerações técnicas sobre zoonoses e outras doenças;

- higienização dos materiais e equipamentos;

E vários outros tópicos necessários para que a aplicação de medicamentos de bovinos seja realizada com segurança e com sucesso. O curso tem carga horária de 24 horas e é gratuito.

As inscrições podem ser feitas pelo site: www.senarms.org.br.

NOTICIAS DA PECUARIA


,28/11/2015 às 06:55

Mercado suíno: Apesar de alta na semana, poder de compra cai no ano

O Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea) divulgou um levantamento que aponta que nesta semana as cotações do suíno vivo voltaram a reagir na maioria das praças pesquisadas pela entidade nos últimos dias.

Mesmo com essa reação, o animal vivo ainda está desvalorizado em relação ao mesmo período do ano passado. Por outro lado, as cotações dos principais insumos utilizados na atividade (milho e farelo de soja) registraram alta no comparativo anual, ainda de acordo com o Cepea.

Por conta dessa alta nos preços dos insumos, o poder de compra de suinocultores independentes paulistas e catarinenses frente a esses insumos está menor. Vale lembrar que produtores também enfrentam aumento de itens que participam dos custos fixos, como energia elétrica e mão de obra.

Com informações do Cepea

NOTICIAS DA PECUARIA


,25/11/2015 às 08:27

5ª Etapa do Circuito Expocorte 2015 começa amanhã em Ji-Paraná (RO)

Tem início nesta quarta-feira (25), a 5ª e última etapa do Circuito Expocorte 2015. O evento que acontece no Parque de Exposições Hermínio Victorelli (TO) nos dias 25 e 26 de novembro, irá debater mais uma vez o conceito do boi 7.7.7, parâmetro de produção que preconiza a busca por animais com 7 arrobas na desmama, 7 arrobas na recria, 7 arrobas na engorda e terminação e abate com 21 arrobas aos 24 meses e pode aumentar em até 30% os lucros do pecuarista.

Depois de já ter passado por Cuiabá (MT), Campo Grande (MS), Uberaba (MG) e Araguaína (TO), o Circuito ExpoCorte 2015 se encerrará em Ji-Paraná (RO) com workshops, palestras e discussões sobre como obter o boi 7.7.7 durante os dois dias de evento.

Quem prestigiar o evento poderá conferir novidades tecnológicas apresentadas por empresas de referência na pecuária e que participam da já tradicional feira de negócios que acontece durante os dois dias do Circuito ExpoCorte.

Vale a pena lembrar que a edição de 2015 do Circuito ExpoCorte já passou por Cuiabá (MT), em março, com a participação de 1.100 pessoas; Campo Grande (MS), em julho, com 1.420 participantes; Uberaba (MG), em setembro, com 600 participantes; Araguaína, outubro, com mais de 1240 participantes e agora espera por um grande público em Ji-Paraná (RO).

Para ter conferir a programação completa da etapa de Ji-Paraná do Circuito ExpoCorte basta acessar o site: http://www.circuitoexpocorte.com.br/

Com informações da Attuale Comunicação


,24/11/2015 às 08:55

Mercado de reposição sofre leves reajustes de preços

O mercado de reposição de bovinos sofreu leves reajustes em relação a última semana. De acordo com um levantamento feito pela Scot Consultoria, na média de todas as categorias de machos anelorados pesquisados, os preços tiveram alta de 0,26% nesta semana.

Por conta da oferta curta em todo o Brasil e a alta nos preços da arroba do boi gordo, existe pressão de alta sobre o preço dos animais de reposição. Mesmo assim os compradores resistem aos preços, o que tem limitado as altas e colaborado para diminuir a movimentação do mercado.

No mercado paulista, por exemplo, são necessárias 13,2 e 11,7 arrobas de boi gordo para a compra de uma cabeça de boi magro e garrote, respectivamente. No mesmo período do ano passado, para as mesmas compras, as relações eram 12,2% e 15,5% menores.

A conjuntura não aponta para redução de preços em curto prazo, principalmente para o garrote (9,5@) e boi magro (12@) que possuem maior correlação com o boi gordo e atualmente são as categorias mais procuradas.

NOTICIAS DA PECUARIA


,21/11/2015 às 07:36

Preços dos fertilizantes sofrem ligeira queda

A Associação Nacional para Difusão de Adubos (Anda) divulgou um levantamento que aponta que no mês de outubro, foram entregues 3,38 milhões de toneladas de adubos ao consumidor final no Brasil. Essa movimentação mostra que a atual situação é propícia para que os produtores comprem fertilizantes.

O relatório ainda aponta que em relação a setembro deste ano, o volume caiu 9,9%, já frente a outubro de 2014, foram entregues 8,7% menos adubo este ano. Nos primeiros dez meses de 2015, a Anda aponta que já foram entregues 25,68 milhões de toneladas de fertilizantes no país, queda de 6,4% em relação ao mesmo período do ano passado.

A estimativa para este ano de 2015 é que um volume próximo a 30 milhões de toneladas de fertilizantes sejam comercializadas, 2,21 milhões de toneladas a menos do que o recorde de 33,21 milhões de toneladas vendidas em 2014.

Com informações da Scot Consultoria

NOTICIAS DA PECUARIA


,18/11/2015 às 07:43

Mercado de reposição segue firme em Mato Grosso do Sul

O mercado de reposição de todas as categorias de machos anelorados, em média, está com as cotações 1,0% maiores, quando comparado aos preços médios do mês de outubro em Mato Grosso do Sul. Essa firmeza do mercado e as chuvas que começaram a cair em algumas regiões do estado dão ânimo aos pecuaristas.

No entanto, a queda no poder de compra dos produtores rurais em relação ao mesmo período do ano passado tem colaborado com o ritmo lento das negociações. Além disso, o fato da arroba do boi gordo não se valorizar na mesma proporção dos animais de reposição colabora com o cenário de lentidão nos negócios.

Em doze meses, a categoria que mais se valorizou foi a do garrote de 9,5 arrobas com 14,6%, enquanto o boi gordo teve alta de apenas 2,4% no mesmo período. Hoje são necessárias 11,7 arrobas de boi gordo (16,5@) para a compra de um garrote, 1,25 arroba a mais do que em igual período do ano passado, quando eram necessárias 10,5 arrobas de boi gordo para a aquisição do mesmo animal.

A expectativa é que a demanda melhore em médio prazo, o que, junto a pouca oferta disponível de animais no estado, pode gerar novas valorizações.


Com informações da Scot Consultoria


,16/11/2015 às 07:40

Mercado do frango registra alta nos preços em novembro

Os preços do frango vivo e da carne tem tido seguidas altas no mês de novembro, com os patamares superando os registrados no mesmo período do ano passado. A demanda interna aquecida, o aumento nos custos de produção e o bom desempenho das exportações podem explicar as valorizações no setor avícola.

Por conta do já tradicional aumento das vendas em início de mês (recebimento de salários), do preço elevado da carne bovina e também pela proximidade do final do ano, frigoríficos tem aumentado as compras de animais vivos, com isso a demanda pelo produto segue firme.

Ainda que a expectativa seja de novas altas de preços no curto prazo em praticamente todos os elos da cadeia, recentes chuvas na região Sul do País e a greve dos caminhoneiros mantêm o setor avícola apreensivo quanto a problemas no transporte e na comercialização de insumos, animais vivos e de carnes. O governo federal intensificou as taxações dos grevistas, o que somado à falta de articulação dos protestantes, já tem enfraquecido o movimento.


Com informações do Cepea

NOTICIAS DA PECUARIA


,14/11/2015 às 07:49

Pecuarista é autuado em R$ 12 mil por desmatamento de 40 hectares

Policiais Militares Ambientais de Bonito autuaram um proprietário rural, por desmatamento ilegal. A autuação ocorreu durante fiscalização realizada na nas propriedades rurais às margens da rodovia MS-178, a 40 km da cidade.

O infrator, de 36 anos, derrubou e enleirou vegetação em uma área que os policiais mediram em GPS e aferiram 40 hectares, sem autorização ambiental. A vegetação derrubada era constituída de árvores de grande porte das espécies angico, capitão, lixeira e coqueiros.

As atividades foram interditadas e o proprietário da fazenda, residente no local, foi multado em R$ 12.000,00. Ele responderá por crime ambiental. A pena é de três a seis meses de detenção. O infrator foi notificado a apresentar um Plano de Recuperação de Área Degradada (PRADE), junto ao órgão ambiental.

DOURADOS NEWS


,13/11/2015 às 07:56

Setor de suínos está atento à greve de caminhoneiros

A exemplo do que aconteceu no primeiro semestre desse ano, a paralisação de caminhoneiros volta a preocupar o setor de proteína animal. Por conta da greve, problemas no transporte e na comercialização tanto de insumos quanto animais vivos e de carne podem ocorrer problemas.

Para os pesquisadores do Cepea, essa paralisação é especialmente grave para o mercado suinícola por conta da dificuldade no escoamento da carne neste momento em que está competitiva frente à carne bovina e a de frango.

Além disso, nas próximas semanas, atacadistas devem iniciar a formação de estoques para o final do ano. Do lado produtor, atrasos na entrega dos principais insumos utilizados na alimentação de suínos e aves (milho e farelo de soja) podem prejudicar a engorda dos animais e/ou elevar os custos de produção.

Entre os frigoríficos, o receio é que, com possíveis atrasos no recebimento de suínos para serem abatidos, as vendas venham a se concentrar num mesmo período, elevando estoques e pressionando os valores.

Com informações do Cepea

NOTICIAS DA PECUARIA


,12/11/2015 às 08:46

Governo de MS quer reestruturar Programa de incentivo ao Novilho Precoce

O Governo de Mato Grosso do Sul publicou na edição desta sexta-feira (6) do Diário Oficial do Estado, a decisão de organizar a estruturar um novo programa de apoio à criação de gado para o abate precoce em MS. Este será o objetivo do grupo de trabalho criado pelo governo para propor melhorias no programa de incentivo fiscal Novilho Precoce.

A Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul (Famasul) é uma das entidades que compõe o grupo. De acordo com o presidente da Famasul, Mauricio Saito, a decisão do governo de MS traz otimismo ao setor pecuário, que é um dos principais dentro do agronegócio sul-mato-grossense.

Além disso, Saito ainda afirmou que o programa Novilho Precoce é um exemplo de sucesso, já que cumpriu seus objetivos, com resultados diretos aos produtores, à indústria frigorífica, ao Governo do Estado e aos consumidores, induzindo o aumento da produtividade e proporcionando uma carne de excelente qualidade.

O grupo de trabalho criado pelo governo de MS terá prazo de trinta dias e é composto pela Secretaria de Estado de Produção e Agricultura Familiar (Sepaf), pela Secretaria de Estado de Fazenda (Sepaf), pela Embrapa Gadod e Corte, pela Famasul, pela Associação Sul-Mato-Grossense dos Produtores de Novilho Precoce, entre outras instituições do estado.

Com informações da Famasul

NOTICIAS DA PECUARIA


,11/11/2015 às 08:20

Escalas de abate seguram altas no mercado do boi gordo

A semana do mercado do boi gordo tem sido mercada pelas poucas alterações de preços. Nas praças pecuárias pesquisadas pela Scot Consultoria, as que apresentaram alterações foram a do Sudeste de Mato Grosso, com alta de R$ 1,00 por arroba, assim a referência na região está em R$ 131,00/@, à vista.

Além das praças daquela região, praticamente não houve alteração nas cotações do boi nos últimos sete dias, com alta média de 0,1%. Com isso, as escalas médias de abate, em geral, não estão curtas, o que pode acabar limitando maiores altas em curto prazo. O principal fator de manutenção do mercado firme tem sido a oferta ainda curta de boiadas.

No mercado atacadista de carne bovina com osso, preços estáveis e a demanda continua fraca. O boi casado de bovinos inteiros e castrados está cotado em R$9,44/kg e R$9,55/kg, respectivamente.
Com informações da Scot Consultoria

NOTICIAS DA PECUARIA


,10/11/2015 às 07:53

Bela Vista (MS) recebe curso de adestramento de equinos com rédeas

Acontece entre os dias 10 e 14 de novembro, em Bela Vista (MS), o curso de adestramento de equinos com uso de rédeas. A qualificação é oferecida pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso do Sul (Senar/MS) em parceria com o sindicato rural do município.

Durante o curso os participantes receberão instruções como:

- eixo mobilizador;

- o trabalho de rédeas;

- avaliação da conduta do animal;

- técnicas básicas de manobras;

- Várias técnicas como arqueamento lateral, flexionamento do posterior, entre outras;

Entre outros temas de suma importância para o adestramento dos animais. A qualificação tem carga horária de 40 horas.

O curso é gratuito e as inscrições podem ser feitas pelo site www.senarms.org.br.

NOTICIAS DA PECUARIA


,09/11/2015 às 04:30

MS eleva a qualidade dos animais encaminhados para os frigoríficos

DIEGO SILVA
Os pecuaristas de Mato Grosso do Sul elevaram a qualidade dos animais encaminhados para indústria frigorífica em comparação ao início ano. O percentual de animais com padrão desejável pelos frigoríficos passou de 18% em janeiro deste ano, para 26,47% em setembro.

A avaliação do JBS leva em consideração os abates de suas nove plantas sul-mato-grossenses e foi ressaltada pelo pecuarista de Figueirão, Rubens Catenacci, em entrevista durante o 1º Circuito Pecuário, nesta sexta-feira (6), em Camapuã.

De acordo com dados do JBS, a qualidade superior nos animais foi perceptível a partir de abril e, é justificada pelo aumento da bonificação ao pecuarista, a partir de abril deste ano. “Desenvolvemos uma campanha que buscava aproximação do pecuarista com a indústria, que também aumentou a bonificação dos criadores com rebanho de melhor qualidade, assim, o empenho do produtor rural elevou e passou ser ainda mais reconhecido”, pontua Eduardo Pedroso, do setor de originação da multinacional.

Segundo Catenacci, os números representam o empenho do produtor rural e o desenvolvimento do Nelore. “A valorização é superior quando se entrega na porta da indústria animais oriundos de cruzamento industrial, mas a raça tem mostrado seu potencial, e com o manejo e nutrição adequados, diminuindo seu tempo de abate, os resultados surpreendem o mercado. Passamos a produzir carne digna de exportação com a raça mais comum no País, com valorização bem superior ao praticado no mercado”, enfatiza o proprietário da Fazenda 3R.

O presidente da Federação da Agricultura e Pecuária de MS (Famasul), Mauricio Saito, destacou que o progresso no Estado quanto a produção agropecuária se deve à ciência. “O Estado é privilegiado por ser o único com três unidades da Embrapa, e Fundações de Pesquisa tão relevantes que fazem o produtor rural avançar”, enfatiza.

“Mas podemos avançar ainda mais, de acordo com a Fundação MS, dos nove milhões de hectares que temos em algum estágio de degradação, quatro têm potencial de introduzirmos Integração Lavoura Pecuária e Floresta, aumentando nossas médias de produção e rentabilidade ao produtor rural”, completa Saito.

O criador de Camapuã, proprietário da Verdana Agropecuária, Bruno Grubisich, afirma que as bonificações e valorização da arroba, tem instigado a busca por animais com genética de ponta que influenciam nos resultados da propriedade. “Os criadores da região Norte tem procurado incremento de produtividade, adquirindo touros melhoradores, com avaliações sólidas pedigree e acurácia, aspectos que refletem diretamente na produtividade. Há quatro anos forneço animais em Camapuã e sêmen, e o feedback quanto aos resultados positivos, dentro e fora da porteira”, esclarece.

Ainda que com taxas acima da média nacional, o prefeito de Figueirão, Rogério Rosalin, manteve o desafio aos pecuaristas da região Norte para se tornarem os responsáveis pela melhor carne brasileira. “Já temos Camapuã como a Capital do Bezerro de Qualidade, destaque nacional. Agora temos de expandir esse status e produzirmos a carne cota Hilton, apreciada por todos os continentes”.

O chefe Geral da Embrapa, Cleber Oliveira Soares; o presidente do Sindicato Rural de Camapuã, Saturnino Silvério Pereira; o presidente da Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carne (Abiec), Antônio José Camaderlli, o secretário de Estado da Produção e Agricultura Familiar (SEPF), Fernando Mendes Lamas, e outras autoridades também participaram do 1° Circuito Pecuário, realizado pela Famasul.
TAGS:

Fonte: Sulnews


,07/11/2015 às 08:00

Embarque da carne de frango cai no mês, mas segue recorde no ano

As exportações brasileiras de carne de frango fecharam o mês de outubro em queda por conta do excesso de chuvas na região Sul, que acabou interrompendo os carregamentos no porto de Itajaí (SC). Em relação a setembro, o volume embarcado em outubro, recuou 10,4%, já em relação ao mesmo período do ano passado, a queda foi de 9,5%.

De acordo com a Secretaria de Comércio Exterior (Secex), foram embarcadas 298,4 mil toneladas de carne de frango in natura em outubro. Apesar da queda, no acumulado do ano, as vendas do produto somam 3,18 milhões de toneladas, 4,6% acima do registrado no mesmo intervalo de 2014.

Já para o Cepea, o principal motivo para a queda das exportações em outubro, foi a maior demanda para atender ao típico aumento de consumo de início de mês e para repor os estoques comercializados no feriado prolongado da última segunda-feira (2).

Com informações do Cepea

NOTICIAS DA PECUARIA


,06/11/2015 às 08:22

Mesmo com clima adverso, queda do preço do leite foi menor em outubro

O preço pago ao produtor pelo litro de leite caiu 0,65% no pagamento de outubro, essa queda foi menor do que a prevista pelos especialistas no mercado leiteiro por conta do clima adverso.

De acordo com um levantamento feito pela Scot Consultoria, levando em conta a média nacional, o produtor recebeu R$ 0,963 por litro. Em valores nominais, a queda é de 2,3% este ano, em relação ao mesmo período do ano passado.

A leve retração pode ser explicada pela queda de produção nas principais bacias leiteiras da região Sul do Brasil. Esse menor ritmo na produção pode ser explicado pelos problemas climáticos, por conta do excesso de chuvas, o que prejudicou a produção e o transporte do produto na região.

Já para o pagamento de novembro (referente a produção de outubro), 45% dos laticínios pesquisados acreditam em queda nos preços, enquanto 42% das empresas creem na manutenção dos preços e os 13% restantes acreditam no aumento das cotações do leite.

Para o pagamento de dezembro (produção de novembro) a pressão de baixa ganha força no Brasil Central e região Sudeste. Choveu no final de outubro e a expectativa é de chuvas mais regulares a partir de novembro, o que deve melhorar a qualidade e disponibilidade de capim.
Com informações da Scot Consultoria


NOTICIAS DA PECUARIA


,05/11/2015 às 09:31

Anemia infecciosa equina é tema de palestra em Bonito (MS)

Acontece na noite desta quinta-feira (5), na sede do Sindicato Rural de Bonito (MS), uma palestra gratuita sobre a anemia infecciosa equina (AIE). O evento que é oferecido pela Embrapa Pantanal e pelo Sindicato Rural do município tem como objetivo alertar o produtor sobre a doença e quais os cuidados devem ser tomados para evitá-la.
A palestra será ministrada pela pesquisadora da Embrapa Pantanal, Márcia Furlan, que afirmou que pelo fato de Bonito não estar situada em uma área de alto risco para a doença, qualquer animal diagnosticado como positivo para a AIE deve ser sacrificado.
A anemia infecciosa equina é uma doença viral que atinge somente os equídeos (cavalos, burros, mulas e jumentos). Até o momento, não possui cura: uma vez infectado, o animal permanece doente por toda a vida. A transmissão é feita pelo contato com o sangue contaminado, em situações como o compartilhamento de agulhas entre os animais e o uso de tralhas não higienizadas nas tropas. O vírus, semelhante ao da AIDS, prejudica a imunidade dos equídeos, deixando-os mais fracos e suscetíveis a desenvolver outras doenças.
De acordo com a pesquisadora, a prevenção continua sendo a forma mais eficaz de se combater a AIE. Para que isso aconteça, “é preciso impedir que qualquer equídeo tenha contato com o sangue de outro equídeo”, diz Márcia. Usar agulhas e seringas descartáveis nos animais, higienizar freios e bridões com água e sabão e abolir o uso da espora pontuda ou cortante são ações de manejo sanitário essenciais para evitar a transmissão da doença entre as tropas.
Com informações da Embrapa Pantanal


NOTICIAS DA PECUARIA


,04/11/2015 às 08:10

Setor de carne de frango vive expectativa de melhora nas vendas

Na última semana, a Scot Consultoria analisou que a cotação do frango vivo continuou sendo avaliada em R$ 3,00 por quilo nas granjas de São Paulo na última semana. Com este resultado, a estabilidade nas cotações da proteína no mercado paulista já chega a quinze dias.

Já no atacado, os preços do produto apresentaram alta no mesmo período, com a carcaça sendo comercializada, em média, em R$ 3,85 o quilo, alcançando valorização semanal de 1,3%. No mesmo período do ano passado, os preços, tanto na granja como no atacado, estão em 11,1% e 10,0% maiores, respectivamente.

Com a chegada do mês de novembro, o setor aguarda melhora nas vendas, o que já é tradicional por conta do pagamento de salários a boa parte da população. Já no curto prazo, a expectativa é que o mercado deva retomar a firmeza.

Com informações da Scot Consultoria

NOTICIAS DA PECUARIA


,03/11/2015 às 08:03

2ª etapa de vacinação conta aftosa deve imunizar 147 mi de animais

A segunda etapa de vacinação contra a febre aftosa que teve início em julho deste ano e já foi concluída em algumas regiões do Amazonas, Pará e do Tocantins, segue em execução nos estados do Amapá, Rondônia e Roraima. A maior parte dos estados que faltam devem vacinar seus bovinos e búfalos durante o mês de novembro.

A previsão é que aproximadamente 147 milhões de bovinos e búfalos sejam vacinados nesta segunda fase da vacinação. Sendo que a maioria dos estados vacina todas as faixas etárias dos bovinos e bubalinos, exceto os estados da Bahia, Goiás, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, São Paulo, Tocantins e o Distrito Federal. As exceções ficam por conta do Pantanal, onde todo rebanho é vacinado, e de Santa Catarina, onde a vacinação é proibida por conta do Estado ser reconhecido como livre de febre aftosa sem vacinação.

Vale a pena lembrar que na primeira etapa da campanha nacional de vacinação contra a doença, realizada durante o primeiro semestre deste ano, o índice de animais vacinados foi de 98,04%. No total, foram imunizados cerca de 164,7 milhões de bovinos e bubalinos, de um total previsto de 168 milhões de cabeças.

Com informações do Mapa

NOTICIAS DA PECUARIA


,31/10/2015 às 07:48

Suínos: Semana foi marcada pela acomodação dos preços

Mais uma vez o mercado de suínos apresentou retração na semana. No mercado paulista, por exemplo, o animal terminado está sendo cotado, em média, em R$ 81,00 por arroba, queda de 2,4% nos últimos sete dias. Em comparação ao mesmo período de 2014, a desvalorização é de 19,8%.

O consumo já fraco, acabando se intensificando no final do mês, fato este que já é esperado pelo mercado. No entanto, a crise econômica que toma conta do Brasil também acaba por influenciar negativamente as vendas, o que colabora para o atual cenário.

De acordo com um levantamento da Scot Consultoria, a média de preços de todos os cortes no varejo se manteve praticamente estável, registrando leve alta de 0,2%, o que acaba por confirmar a apatia do mercado.

Como efeito do início do mês na próxima semana, é esperado que ocorra a reposição de estoque do varejo, portanto, o mercado deve firmar no curto prazo.

NOTICIAS DA PECUARIA


,30/10/2015 às 07:56

16 casos de mormo equino são confirmados no Rio Grande do Sul

O Conselho Regional de Medicina Veterinária do Rio Grande do Sul (CRMV-RS) confirmou na última semana mais um caso de mormo no estado, o equino deve ser sacrificado nos próximos dias. Com este caso, já foram registrados 16 cavalos diagnosticados com a doença no estado. Apesar dos focos de mormo, o estado gaúcho já realizou mais de 46 mil exames da doença.

O mormo é uma doença infectocontagiosa que ataca os equídeos (equinos, asininos e muares), mas que também pode atingir, de maneira acidental, o homem (zoonose), carnívoros e pequenos ruminantes.

É uma doença de notificação imediata, incurável e letal, de potencial zoonótico e tem como principal via de infecção a digestiva, podendo ocorrer também pelas vias respiratórias, genital e cutânea.

Confira aonde foram registrados todos os casos de mormo no Rio Grande do Sul:

- Rolante: 2 focos com 2 equinos positivos
- Uruguaiana: 1 foco com 1 equino positivo
- Alegrete: 1 foco com 1 equino positivo
- Santo Antônio das Missões: 1 foco com 5 equinos positivos
- São Jorge (animal de Lagoa Vermelha): 1 foco com 1 equino positivo
- Cruz Alta: 1 foco com 1 equino positivo
- Boa Vista do Cadeado: 1 foco com 1 equino positivo
- Nova Ramada: 1 foco com 1 equino positivo
- Pelotas: 1 foco com 1 equino positivo
- Camaquã: 1 foco com 1 equino positivo
- Três de Maio: 1 foco com 1 equino positivo

Com informações do Agrolink


NOTICIAS DA PECUARIA


,29/10/2015 às 07:55

Como o aquecimento global coloca em risco a agricultura brasileira

A agricultura já é normalmente vulnerável a eventos climáticos – basta ver os impactos das fortes chuvas no Sul ou da seca em São Paulo, por exemplo. Em um cenário de forte aumento da temperatura do planeta, a situação fica extrema. Uma análise feita pela Embrapa mostra, em mapas, o risco que nossas lavouras correm por conta do aquecimento global.

Os mapas foram preparados pelo pesquisador Eduardo Assad, da Embrapa. Eles mostram como que um planeta mais quente afetará três importantes culturas brasileiras: arroz, milho e soja. Os mapas comparam as áreas de risco de perda de lavoura dessas culturas registradas em 1990 com as previsões de perda de lavoura no futuro de um dos cenários do IPCC, o que prevê o aumento de 3,7ºC na média de temperatura em 2085.

O material faz parte de um estudo mais amplo, liderado pelo presidente da Capes, Carlos Nobre, para avaliar os riscos de um aquecimento global extremo no Brasil. O Blog do Planeta já explicou esse estudo. A agricultura é uma parte importante do relatório, já que o Brasil é grande produtor de grãos. Segundo Assad, o país tem tecnologia para adaptar lavouras, e já faz isso com o café ou o feijão. Mas essa adaptação é limitada. "É possível adaptar lavouras para um aquecimento de 2ºC. Passou disso, o risco é muito grande".

REVISTA EPOCA


,28/10/2015 às 07:58

1º Circuito Pecuário Famasul acontece em Camapuã (MS)

Acontece no dia 6 de novembro, a partir das 18h30, na Associação dos Criadores de Camapuã (MS), o 1º Circuito Pecuário Famasul. Com o tema “Criando oportunidades, construindo soluções”, o evento irá contar com duas palestras, onde serão apresentados o Projeto ABC Cerrado do Senar Central e as perspectivas do mercado pecuário.

A palestra sobre as perspectivas do mercado pecuária será ministrada pelo engenheiro agrônomo e diretor presidente da Scot Consultoria, Alcides de Moura Torres. Já a apresentação do projeto ABC Cerrado fica por conta do representante do Senar Central, Mateus Tavares.

Confira a programação completa do 1º Circuito Pecuário Famasul que acontece em Camapuã:

18h30 – Credenciamento

19h00 – Abertura
Abertura oficial do evento será feita pelo presidente da Famasul, Mauricio Koji Saito.

19h30 – Apresentação do Projeto ABC Cerrado
O representante do Senar Central, Mateus Tavares, é quem apresentará o projeto para os participantes do evento.

20h00 – Palestra: Perspectivas do Mercado Pecuário
A palestra será ministrada pelo engenheiro agrônomo e diretor presidente da Scot Consultoria, Alcides de Moura Torres.

21h00 – Encerramento.

MSN


,26/10/2015 às 07:55

Demanda interna enfraquecida derruba preços dos suínos no Brasil

Mesmo com as exportações brasileiras de carne suína crescentes no correr de outubro, os preços do produto seguem em queda o mercado brasileiro. Pesquisadores do Cepea indicam que o principal motivo é a demanda doméstica enfraquecida, diante dos elevados patamares de preços – vale lembrar que as cotações da carne suína subiram com força entre agosto e setembro.

Diante das quedas no atacado, por sua vez, frigoríficos pressionam os valores pagos ao produtor. Quanto às exportações, historicamente, os embarques brasileiros tendem a se elevar nesta época do ano, por conta do tradicional aumento das compras da Rússia. Na parcial de 2015 (de janeiro até setembro), os russos já importaram 176,8 mil toneladas de carne suína (in natura, miudezas, salgadas e congeladas), 47,3 mil toneladas a mais que no mesmo período de 2014.

Particularmente em setembro, os russos compraram 2,3 mil toneladas a mais dessa proteína em relação a agosto. Hong Kong também elevou as importações, com aumento de 2,6 mil toneladas, para um total de 12,7 mil t.

NOTICIAS DA PECUARIA


,23/10/2015 às 08:07

3ª semana de outubro tem melhora nos embarques de carne de frango

A terceira semana de outubro (11 a 17) registrou que os embarques da carne de frango alcançaram média diária de 14.016 toneladas, volume este que representou crescimento de 2,36% em relação as 13.693 toneladas embarcadas por dia no período inicial do mês.

Nos onze primeiros dias de outubro, a exportação de carne de frango in natura registrou um volume pouco superior a 150 mil toneladas, o que faz com que a projeção total de embarques para este mês não ultrapasse a marca das 290 mil toneladas, queda de 12% em relação ao mês de setembro e de 13% em relação ao mesmo período do ano passado.

Eventualmente, parte do fraco desempenho até aqui observado pode estar relacionado à paralisação do porto de Itajaí devido às fortes chuvas que atingem o Sul do País.

Com informações do Avisite

NOTICIAS DA PECUARIA


,22/10/2015 às 08:02

2º Leilão Primavera Genética Aditiva e Convidados acontece neste sábado

Acontece neste sábado (24), a partir das 13h (horário de Brasília) no Terra Nova Eventos em Campo Grande (MS), a 2ª edição do Leilão Primavera Genética Aditiva & Convidados. O remate que será transmitido ao vivo pelo Canal do Boi irá ofertar 100 touros Nelore e 20 novilhas PO prenhes.

O leilão terá como convidados a Fazenda São Judas Tadeu e a Agropecuária J. Machado que irão ofertar alguns dos animais. Além disso, a organização do evento promete frete de graça para aqueles que comprarem no mínimo dois animais e sejam de Mato Grosso do Sul e para carga fechada na malha viária nacional.

Para conferir todos os animais que serão ofertados no 2º Leilão Primavera Genética Aditiva & Convidados basta acessar os links abaixo:

Touros: http://issuu.com/geneticaaditiva/docs/catalogoleilaoprimavera_final

Novilhas: http://issuu.com/geneticaaditiva/docs/novilhasnelore

MSN


,21/10/2015 às 08:15

Touro Backup se aproxima da marca de 1 milhão de doses vendidas

touro Backup, está cada vez mais próximo de atingir o recorde absoluto de 1 milhão de doses de sêmen vendidas. Antes da última semana, já haviam sido comercializadas 850 mil doses do animal, no entanto, uma promoção da CRV Lagoa aumentou ainda mais esses números.

A CRV Lagoa realizou na última semana uma promoção para comemorar os 15 anos do touro Backup, animal considerado um divisor de águas do Nelore moderno. E em duas semanas, foram vendidas 80 mil doses de sêmen do reprodutor, sendo que 15 mil foram comercializadas apenas no dia 14 de outubro.

Com as vendas da última semana, a contagem de doses vendidas do Backup foi a aproximadamente 930 mil doses. A expectativa é que até o final deste ano, a marca de 1 milhão de doses comercializadas seja superada.

Com informações da Revista Globo Rural

NOTICIAS DA PECUARIA


,19/10/2015 às 08:23

Boi gordo: Mercado segue com ofertas de compra acima da referência

Como aconteceu no início da semana, as cotações do boi gordo continuam firmes. Apesar das poucas alterações de preços na última quarta-feira (14), sendo duas positivas e duas negativas para os machos terminados, a disponibilidade de animais ainda segue limitada.

No mercado paulista, existiram oferta de compra acima da referência, atualmente em R$ 147,00 por arroba, à vista, para a região de Araçatuba (SP). Mesmo com este panorama, as escalas em geral, não estão apertadas. Já no Rio Grande do Sul, o boi gordo apresentou alta de 1,1%, sendo cotado a R$ 4,55 por quilo.

Com esse cenário, pode-se afirmar que a oferta de animais de pastagens de inverno, que vinha pressionando negativamente as cotações, está diminuindo, uma vez que as áreas começam a ser usadas para o plantio das lavouras.

Com informações da Scot Consultoria

NOTICIAS DA PECUARIA


,16/10/2015 às 07:56

Cotações do mercado suíno caem na 1º quinzena de outubro

O Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea) divulgou um relatório sobre as cotações do suíno vivo durante a primeira quinzena de outubro. No levantamento, a entidade aponta que apesar do movimento de alta observado nos mesmos períodos anteriores, os preços caíram.

Os pesquisadores do Cepea ainda destacaram que em agosto e setembro, os valores haviam registrado fortes altas, e os recuos de agora representam certa acomodação dos preços. Além disso, essa queda foi acentuada pelas exportações abaixo do esperado em setembro, por conta da greve dos fiscais agropecuários.

No mercado doméstico, diante dos valores reajustados, o consumidor começa a limitar as compras desta carne. Para os próximos dias, a expectativa de agentes consultados pelo Cepea é que a liquidez no mercado de suíno vivo volte a aumentar. Além da normalização dos embarques, frigoríficos devem elevar as compras de animais para abate, visando principalmente à formação de estoques para as festividades de fim de ano.

Com informações do Cepea

NOTICIAS DA PECUARIA


,15/10/2015 às 08:00

Controle da raiva bovina é intensificado em Mato Grosso do Sul

O controle da raiva herbívora ganhou força nos últimos anos em Mato Grosso do Sul, especialmente neste ano de 2015. No estado, a ocorrência da doença é favorecida pela sua posição geográfica, em consequência de fatores como, a topografia e o clima, favoráveis ao desenvolvimento de diversas espécies de morcegos, principalmente do morcego vampiro (hematófogo), o principal transmissor da Raiva aos herbívoros (bovídeos, equídeos, ovinos e caprinos).

A doença causa enormes prejuízos à pecuária e só neste ano foram registrados 9 focos de raiva em Mato Grosso do Sul, com a morte de 57 animais.

A matéria completa sobre o controle da raiva bovina em MS pode ser encontrada no Correio Rural da última segunda-feira (12).

Com informações do Correio Rural

NOTICIAS DA PECUARIA


,14/10/2015 às 08:50

BeefExpo 2015: Inscrições podem ser feitas no dia do evento


A poucos dias do início da BeefExpo 2015, quem ainda não garantiu o ingresso do maior evento latino-americano da Pecuária de Corte que ocorre em 21 e 22 de Outubro em Foz do Iguaçu (PR), ainda dá tempo de participar. A secretaria para novas inscrições, localizada no Recanto Cataratas Thermas Resort & Convention, abre a partir das 14h do dia 20 de Outubro e continua em funcionamento nos demais dias do evento. O valor do ingresso será R$ 700 e deve ser pago com dinheiro ou cartão.

Os participantes terão acesso a palestras de gestão e inovação tecnológica, feira exclusiva de negócios, exposição e julgamento de animais e festa no mesmo ambiente, além da presença dos maiores pecuaristas do Brasil e da América Latina para discutirem juntos a Pecuária do futuro.

A feira exclusiva de negócios contará com a presença das principais empresas do segmento, abordando as inovações em Equipamentos, Genética, Nutrição, Processamento, Reprodução, Instalações e Saúde Animal. Paralelamente à feira, vão ser realizados os painéis simultâneos: Beef Management e o Beef 360º.

O evento vai contar com tradução simultânea para o Espanhol, Inglês e Português, pois são aguardados participantes de mais de 15 países. A feira será realizada no Recanto Cataratas Thermas Resort & Convention, com total estrutura, conforto e facilidades para os participantes.

Também será realizado o julgamento de animais da raça Nelore. A avaliação será realizada por Célio Arantes Heim e terá validação na etapa do Ranking Nacional e Paranaense da Raça Nelore. A entrada dos animais ocorrerá em 17 e 18 de outubro, a pesagem no dia 20 e o julgamento em 21 e 22.

A cidade de Foz do Iguaçu (PR) foi eleita devido à sua localização estratégica, próxima a produtores e das fronteiras com Argentina e Paraguai, além da grande infraestrutura turística oferecida, abrindo as portas para que pessoas de toda a América Latina estejam presentes no melhor evento latino-americano da Pecuária de Corte.

NOTICIAS DA PECUARIA


,09/10/2015 às 08:12

Leilão Terras de Bonito acontece neste sábado (10) em MS

Acontece neste sábado (10), às 19h30 (horário local), no Sindicato Rural de Bonito (MS), o Leilão Terras de Bonito que irá ofertar 30 reprodutores Nelore PO com exame andrológico, 12 fêmeas Nelore PO a campo e lotes especiais de gado de corte.

O remate que é promovido por Ivan Goulart da Mata, da 33 Nelore e por José Augusto Zangerolami, da Guti Nelore e realizado pela Leiloboi, conta com o apoio do Sindicato Rural de Bonito e irá ofertar animais avaliados pelo programa Geneplus da Embrapa.

O Leilão Terras de Bonito ainda conta com a participação de convidados que irão ofertar reprodutores Nelore PO. São eles: Agropecuária Nova Era, Aluizio Lessa Coelho, Denis Augusto da Silva, Fernando Carlos Barboza, Issao Iguma Filho, Julio César Geara Romano, Eurico Elesbão Teixeira Campo e Eduardo Folley Coelho, sendo que o último irá participar do leilão ofertando dois reprodutores da raça Gir Leiteiro.


NOTICIAS DA PECUARIA


,08/10/2015 às 08:25

Mercado do boi gordo mantém preços firmes na entressafra



A entressafra não afetou as cotações do mercado do boi gordo por enquanto. A firmeza nos preços dos produtos pode ser explicada por essa semana apresentar melhora nas vendas de carne, por conta do pagamento de salários e pela resistência das indústrias a pagamentos em valores mais altos, mesmo sendo necessários para alongar as escalas.

De acordo com a Scot Consultoria, no mercado de São Paulo, os negócios por R$ 146,00 por arroba à vista tem crescido, mas ainda não é referência no estado, já que estão cada vez mais comuns ofertas acima da referência no país.

Apesar de a entressafra encurtar ainda mais a oferta, os preços da arroba seguem em alta. Desde o começo de agosto, quando as pastagens secaram, a arroba já apresentou alta de 3,5% na média do país, tirando o mercado do Rio Grande do Sul, por conta da oferta de pastagens de inverno.

No entanto, a limitação para novas altas deve continuar, já que uma pesquisa realizada pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) aponta que 90% dos varejistas entrevistados não farão contratação temporária no final de ano, o que deve diminuir o escoamento da carne nos últimos dias do ano.

Com informações da Scot Consultoria

NOTICIAS DA PECUARIA


,07/10/2015 às 08:03

Vendas de insumos para reprodução estão aquecidas

A venda de insumos para reprodução animal apresentou melhoras significativas no último mês. Esse fato pode ser explicado por conta da entrada da estação de monta, período em que acontece uma maior movimentação nas vendas para este segmento.

Apesar do período de crise em que as incertezas econômicas não favorecem os investimentos em reprodução, o mercado do boi gordo e o de reposição trabalhando em patamares valorizados, em um período de estação de monta, estimulam e aumentam as vendas consideravelmente.

No entanto, por conta de alguns materiais utilizados nos protocoles de reprodução animal serem importados, a forte valorização do dólar frente ao real se torna um fator negativo para as vendas, já que os preços são valorizados. Apesar deste fato, as expectativas do segmento em curto prazo são positivas, com tendência contínua de aumento nas vendas.

Com informações da Scot Consultoria

NOTICIAS DA PECUARIA


,01/10/2015 às 08:13

Brasil tem alta de 13,1% nos embarques de carne bovina em setembro

O Ministério de Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC) divulgou na última semana um levantamento sobre as exportações de carne bovina no mês de setembro. Nele, foi observado que neste período os embarques tiveram crescimento de 13,1% em relação ao mesmo período do ano passado.

O relatório ainda aponta que em relação a carne in natura, o volume médio diária exportado, até a terceira semana do mês, foi de 4,65 mil toneladas, o que representa um aumento de 9,4% em relação ao mês de agosto deste ano.

Por conta desses aumentos das exportações no mês de setembro, os estoques das indústrias ficaram mais controlados, o que acaba por influenciar na firmeza dos preços no mercado doméstico.

Com informações da Scot Consultoria

NOTICIAS DA PECUARIA


,28/09/2015 às 07:50

Porto Murtinho (MS) recebe curso de doma racional

Acontece entre os dias 29 de setembro e 02 de outubro, na Fazenda Tereré em Porto Murtinho (MS), o curso de doma racional. A qualificação é oferecida pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso do Sul (Senar/MS) em parceria com a Federação dos Trabalhadores na Agricultura (Fetagri).

O curso tem como objetivo ensinar aos participantes as técnicas e manejo correto para domar o animal nas propriedades rurais. Confira alguns temas abordados durante a qualificação:

- técnica de cabresteamento;

- técnica racional para o primeiro contato com o cavalo;

- técnica de aproximação e aceitação;

- técnica racional para encilhamento e monta;

- desenvolvimento de andaduras do animal;

A qualificação tem carga horária de 40 horas e as inscrições podem ser feitas no site: www.senarms.org.br.

NOTICIAS DA PECUARIA


,25/09/2015 às 07:49

Mercado do boi gordo segue sem muitas negociações

A exemplo de como a semana começou, a movimentação para o mercado do boi gordo continua com poucas negociações. Esse panorama pode ser explicado por conta do período de fim de mês e pelas expectativas em relação à atual situação econômica do Brasil.

Outro ponto que também contribui para esse cenário é o fato das indústrias não estarem com programações apertadas, de maneira geral, por conta das reduções nos abates das boiadas. Com isso, na última quarta-feira (23) os comparadores tiveram uma demanda menor de volume de animais e por isso evitaram pagar maiores preços pela arroba, o que contribuiu para os fracos negócios.

Já a oferta de animais terminados mantém o mercado firme, já que os animais de pasto estão escassos e o volume de boiadas de confinamento não está suficiente para gerar uma pressão baixista.

NOTICIAS DA PECUARIA


,24/09/2015 às 08:10

Circuito Expocorte tem início nesta 5ª feira em Uberaba (MG)

Tem início nesta quinta-feira (24), no Parque de Exposições Fernando Costa em Uberaba (MG), a etapa local do Circuito Expocorte. Depois de passar por Campo Grande (MS) nos dias 29 e 30 de julho, o evento que acontecerá até sexta-feira (25) irá contar com diversas palestras que terão como foco a pecuária e a produção do boi no conceito 7.7.7.

O conceito 7.7.7 foi desenvolvido por pesquisadores da Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA), da Secretaria de Agricultura e Abastecimento (SAA) de São Paulo, que trabalhou para produzir um bovino que atingisse sete arrobas na desmama, sete na recria e mais sete na engorda ou terminação, estando pronto para o abate com 21 arrobas, aos 24 meses.

As palestras do Circuito Expocorte terão como temas: cenário da carne bovina no próximo triênio, o que as fazenda mais lucrativas tem em comum?, apresentação do boi conceito 7.7.7, nutrição fetal, genética, como melhorar o peso ao desmame, eficiência de pastejo, suplementação, produção a pasto, terminação, sistema ILPF e vários outros temas que os participantes do evento poderão debater com os palestrantes.

Vale a pena lembrar que após a passagem do evento por Uberaba, o Circuito Expocorte seguirá rumo a Araguaína (TO), cidade que sediará o evento nos dias 29 e 30 de outubro.

Para mais informações sobre a etapa de Uberaba (MG) do Circuito Expocorte basta acessar o site: http://www.circuitoexpocorte.com.br/

NOTICIAS DA PECUARIA


,21/09/2015 às 07:50

Alta nos preços de reposição limita abate de fêmeas no mercado do boi



Uma pesquisa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostra que o número de machos abatidos no Brasil do primeiro para o segundo trimestre deste ano, cresceu 2,3%, o que totaliza 4,4 milhões de cabeças. No entanto, a valorização do bezerro fez com que a venda de fêmeas para frigoríficos registrasse queda de 6,2%, totalizando 3,2 milhões de cabeças.

Neste panorama, pesquisadores do Cepea afirmam que essa redução no abate das fêmeas está em linhas com os atuais preços de mercado. Já que dados do Cepea mostram que desde outubro do ano passado, o preço do bezerro vem apresentando forte reação.


A média do animal nelore de 8 a 12 meses de abril a junho de 2015 em Mato Grosso do Sul (Indicador ESALQ/BM&FBovespa) foi de R$ 1.405,61 significativa alta de 36% em relação ao mesmo período do ano passado (R$ 1.032,00), em termos nominais.

Com informações do Cepea


,18/09/2015 às 07:50

JBS reabre mais de 200 postos de trabalho em Nova Andradina (MS)

O Grupo JBS reativou na última quarta-feira (16) o setor de desossa da unidade frigorífica de Nova Andradina (MS). Uma solenidade realizada na empresa oficializou a retomada das operações deste setor.

Com isso, mais de 200 vagas de emprego foram abertas de imediato pelo Grupo JBS. A abertura de vagas nesta empresa vai contra a crise no setor frigorífico que se estabeleceu em todo o país e que provocou várias demissões e o fechamento de algumas unidades frigoríficas, principalmente em Mato Grosso do Sul.

A unidade da JBS de Nova Andradina inclusive recentemente deu férias coletivas a seus cerca de 430 funcionários e retomou os trabalhos 30 dias depois, com algumas demissões.

Com informações do Correio do Estado

NOTICIAS DA PECUARIA


,17/09/2015 às 07:43

Leilão Virtual Touros e Matrizes Cachoeira 2C acontece nesta 4ª feira

Acontece logo mais às 21h (horário local), o Leilão Virtual Touros e Matrizes Cachoeira 2C que irá ofertar 110 matrizes paridas e/ou prenhas e 72 reprodutores Nelore PO. O remate contará com transmissão ao vivo do Canal Rural e com frete facilitado para aqueles que arrematarem alguns dos animais do leilão.

Confira alguns dos lotes que serão oferecidos no remate de logo mais:

Lote 05 – Elegance DC TE
Filha de Big Ben da SN X Quintessencia DBM TE

Lote 08 – Uriah FIV Kito
Filha de Bitelo da SS X Vogue QG Arataú

Lote 50 – Sambo DC TE
Filho de Rambo da MN X Halana FIV Mura

Lote 53 – Ivo FIV da 3 Barras
Filho de Donato De Naviraí X Nandara I FIV da 3 Barras

Os animais arrematados no leilão deverão ser pagos em 24 parcelas, sendo 2+2+2+18.

Para conferir o catálogo completo do Leilão Virtual Touros e Matrizes 2C basta acessar o link abaixo:

http://programaleiloes.com.br/common/uploads/anexos/2035134952L_4.pdf

NOTICIAS DA PECUÁRIA


,15/09/2015 às 06:43

Frango vivo: maior cotação do ano é registrada

Dando sequência ao movimento de seguidas altas no mercado do frango vivo, a Scot Consultoria divulgou um levantamento que aponta que na última semana foram registrados os maiores preços do ano para o produto. Com isso, o frango vivo acabou cotado, em média, em R$ 2,90 o quilo, alta de 5,5% nos últimos sete dias.

Por conta da demanda ativa, as ofertas vêm atendendo aos pedidos de maneira ajustada. Por conta da menor disponibilidade de aves para abate, pode-se afirmar que as que estão sendo abatidas estão com peso mais leve.

Já para o frango abatido, as vendas seguem boas e com os preços firmes. No atacado, a carcaça resfriada passou de R$ 3,87/kg para os atuais R$ 4,23, alta de 9,3% no período de uma semana. A consultoria ainda não descartou novas altas de preços para os próximos dias.

Com informações da Scot Consultoria

NOTICIAS DA PECUARIA


,12/09/2015 às 07:53

Exportações de carne suína crescem 4,4% em 2015

As exportações brasileiras de carne suína (considerando todos os produtos, in natura e processados) totalizaram, entre janeiro e agosto deste ano, 340,8 mil toneladas. O número, segundo levantamentos da Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) é 4,4% superior ao registrado no mesmo período de 2014, quando foram embarcadas 326,5 mil toneladas.

Com este desempenho, os exportadores brasileiros de carne suína obtiveram receita de US$ 826,6 milhões de dólares, número 16,6% inferior ao registrado no mesmo período comparativo do ano passado. “O saldo positivo acumulado no ano foi impulsionado pelo bom ritmo dos embarques realizados em agosto. O fluxo deve ser mantido ao longo do segundo semestre, confirmando a nossa previsão para 2015 de alta nos volumes embarcados”, destaca o presidente-executivo da ABPA, Francisco Turra, em nota divulgada pela entidade.

Apenas no mês de agosto foram exportadas 50,1 mil toneladas de carne suína, saldo 16,1% superior ao alcançado em agosto de 2014. Em receita, houve retração de 19,7%, com total de US$ 115,5 milhões.

A Rússia segue como principal importadora da carne suína brasileira. Entre janeiro e agosto, foi destino de 153,8 mil toneladas, volume 36,8% superior ao total alcançado nos oito primeiros meses do ano passado. Somente em agosto, foram embarcadas para lá 22,6 mil toneladas.

Associação Brasileira de Proteína Animal - ABPA

NOTICIAS DA PECUARIA


,11/09/2015 às 06:40

Vendas de máquinas agrícolas melhoram em agosto mas, não animam


A Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea) divulgou um levantamento sobre as vendas de máquinas agrícolas durante o mês de agosto. Apesar do crescimento no mercado interno, os números não animam para o restante do ano.

A entidade aponta que no mês passado foram comercializadas 4.237 máquinas contra 4.007 vendidas durante o mês de julho, o que se trata de um aumento de 5,7% para o período. No entanto, se comparado a agosto do ano passado, o movimento das vendas registrou queda de 34,8%.

No acumulado do ano (de janeiro a agosto), a comercialização também foi 28,3% menor do que na comparação com o mesmo período do ano passado. Essas quedas nas vendas podem ser explicadas por conta da dificuldade dos produtores rurais na hora de obter crédito, já que os programas do governo federal tem dificultado a liberação de crédito.

Com informações do Universo Agro

NOTICIAS DA PECUARIA


,08/09/2015 às 07:15

Senar divulga curso de Doma Racional



Começa nesta segunda-feira (7), em Corumbá, o curso de Doma Racional. Com 12 vagas, serão ensinadas as técnicas corretas para a doma do cavalo.

O curso será oferecido pelo Serviço de Aprendizagem Rural de Mato Grosso do Sul (Senar/MS) em parceria com o Sindicato Rural de Corumbá. As aulas serão realizadas na Fazenda Piratininga.

Interessados podem enviar email para o endereço: srcpantanal@ig.com.br ou entrar em contato pelo telefone: Telefone: (67) 3231-6988.


NOTICIAS DA PECUARIA


,07/09/2015 às 09:10

Boi gordo: maior demanda no atacado e firmeza nos preços da arroba

As movimentações do mercado do boi gordo encerraram a última quinta-feira (3) com maior firmeza, isso porque a frequência de negócios em valores mais altos para arroba vem aumentando gradativamente, na maior parte do país.

Ao decorrer da semana foi possível notar certa melhora no consumo, o que fez com que os preços no atacado tivessem ligeira reação. Com isso, o quilo da carcaça de bovinos castrados passou de R$ 9,22 para R$ 9,28 em uma semana, o que ajudou a dar sustentação aos preços da arroba, além da oferta reduzida.

Já a pressão de compra da indústria segue moderada, já que as escalas não estão mais criticamente curtas. Esse panorama fez com que o preço de referência de algumas praças sofresse alteração, sinalizando um mercado mais parado em relação aos últimos dias.

As valorizações da arroba permitiram que as compras avançassem, tomando as programações menos apertadas. Com isso, a oferta e a demanda estão mais ajustadas.

Com informações da Scot Consultoria

NOTICIAS DA PECUARIA


,04/09/2015 às 07:41

Leite: baixo consumo faz com que preços caiam no atacado


A Scot Consultoria divulgou um levantamento que mostra que no mercado atacadista, considerando a média de todos os produtos pesquisados, os preços dos lácteos subiram 0,1% na segunda quinzena de agosto, em relação à primeira metade do mês.

Mesmo assim, o leite longa vida apresentou desvalorização no acumulado do mês de ficou cotado em R$ 2,18, redução de 1,4% em relação ao preço médio vigente na primeira quinzena do mês, quando o preço registrado era de R$ 2,21.

A atual cotação é 5,2% menor do que a registrada há um ano. Já em relação ao mesmo período do ano passado, 68,8% dos laticínios praticam preços menores para o leite longa vida. No entanto, o momento é de consumo fraco.

Com informações da Scot Consultoria

NOTICIAS DA PECUÁRIA


,03/09/2015 às 06:43

Frango: exportações têm o terceiro melhor resultado da história


Apesar de registrar queda nas exportações de carne de frango em relação ao último mês de julho, o mês de agosto registrou o embarque de 344.865 mil toneladas do produto in natura, número este que corresponde ao terceiro maior volume da história do setor, sendo superado apenas pelo que foi embarcado nos meses de junho e julho deste ano.

A redução para este mês já era esperada porque agosto, em número de dias úteis, foi mais curto que julho: 21 contra 23, ou seja, 8,7% a menos. No entanto, a queda no mês foi mais sensível, de 15,85% por conta da queda dos embarques diários do produto. Com isso, a média de 17.818 toneladas embarcadas por dia de julho, caiu para 16.422 toneladas exportadas por dia, queda próxima a 8%.

Esse aumento, porém, não alcançou o preço médio do produto exportado, que recuou tanto em relação em mesmo mês do ano passado, quanto ao mês anterior – uma situação parcialmente explicada pela valorização do dólar, o que afetou a receita cambial do produto, que ficou 2,19% e 17,09% abaixo do que foi alcançado em, respectivamente, agosto de 2014 e julho de 2015.

Com este último embarque, o total exportado no ano chega aos 2,550 milhões de toneladas, 7,3% a mais que o registrado nos mesmos oito meses de 2014. Mantida a média atual no quadrimestre final de 2015 o total de carne de frango in natura exportado irá ultrapassar os 3,8 milhões de toneladas, resultado cerca de 5% superior ao de 2014. Mas a tendência é de que esse volume seja ultrapassado.

Com informações do Avisite


,01/09/2015 às 08:23

Mercado do boi gordo segue com preços firmes



A Scot Consultoria apontou mais uma vez alterações de preços do boi gordo em treze praças pecuárias no fechamento do mercado na última quinta-feira (27). Destas variações, dez foram de alta nas cotações, sendo que em Araçatuba (SP), a arroba do boi gordo foi reajustada para R$ 142,50, à vista.

Essa alta pode ser justificada pela escassez de boiadas, o que faz com que o volume de boiadas abatidas por dia pelas indústrias frigoríficas não alcancem a plena capacidade instalada. Além do aumento no preço no mercado paulista, as cotações também apresentaram alta em Minas Gerais, Mato Grosso do Sul e Goiás.

Por fim, os preços caíram no atacado de carne com osso em São Paulo. Esse fator pode atuar como limitante das altas para o boi gordoem curto prazo. Além de São Paulo, os preços do produto também subiram nos Estados vizinhos, como Minas Gerais, Mato Grosso do Sul e Goiás.

Com informações da Scot Consultoria

NOTICIAS DA PECUARIA


,27/08/2015 às 06:30

Mercado do boi gordo firme apesar do consumo fraco



As ofertas de compra estão bastante alinhadas à referência em praticamente todo o país. O cenário está "brigado". A oferta curta mantém o mercado firme e impulsiona preços maiores para a arroba, enquanto a falta de reação da demanda controla as valorizações e "acalma" o mercado.

O Índice de Confiança do Consumidor (ICC), calculado pela FGV, caiu em agosto pelo quarto mês seguido, atingido o menor valor da série. Ou seja, melhora nas vendas de carne nos próximos meses não é um cenário a ser considerado.

Apesar dessa dificuldade para altas, imposta pela situação da economia, em algumas praças os preços seguem em alta, deixando clara a situação da oferta, que segue curta. Mesmo sem ajuda do consumo a referência tem aumentado.

Foram três as praças com valorizações para a arroba do boi gordo.

Numericamente, as indústrias têm conseguido manter suas margens próximas às de um ano atrás. Nos últimos doze meses a carne bovina sem osso no atacado subiu 18,3%, enquanto o boi gordo em São Paulo teve alta menor, de 12,5%.

Com a proximidade do início de mês pode haver alguma melhora no escoamento nos próximos dias.
Scot Consultoria

NOTICIAS DA PECUARIA


,26/08/2015 às 06:20

Venda de carne bovina brasileira aos EUA deve ficar para 2016



Depois de muita expectativa para que o início das vendas de carne bovina brasileira aos Estados Unidos começasse ainda neste ano, isso pode acabar acontecendo apenas em 2016. Essa mudança se deve por conta de questões burocráticas que precisam ser resolvidas antes que os embarques se iniciem.

Assim que o mercado americano abrir as suas portas para o produto brasileiro, a estimativa é que sejam exportadas 100 mil toneladas anuais em cinco anos. A proteína brasileira deverá servir como ingrediente magro na receita do hambúrguer, fast food mais consumidos pelos norte-americanos.

Estão autorizados a exportar carne bovina para os Estados Unidos, os seguintes estados: Mato Grosso do Sul, Tocantins, Bahia, Distrito Federal, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso, Minas Gerais, Paraná, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro, Rondônia, São Paulo e Sergipe.

Com informações da Gazeta do Povo

FONTE:NOTICIAS DA PECUARIA


,24/08/2015 às 08:15

China é o principal importador do agronegócio brasileiro em julho


O Sistema de Estatísticas de Comércio Exterior do Agronegócio Brasileiro (AgroStat) apontou que a China foi o principal comprador de produtos agrícolas brasileiros no mês de julho, quando foram somados US$ 2,92 bilhões em importações.

Em relação a julho do ano passado, houve crescimento de 19,4% no valor faturado, que foi de US$ 2,45 bilhões. Esse aumento foi causado pela expansão das vendas de soja em grãos e carne bovina, fazendo com que as exportações do agronegócio brasileiro passassem de 25,5% para 32,1%, sendo que o complexo soja foi o principal setor exportador, com US$ 2,47 bilhões.

No primeiro semestre deste ano, a China também ficou na primeira posição no ranking de compradores de produtos agrícolas brasileiros, com US$ 14,67 bilhões, em seguida vem os Estados Unidos, com US$ 3,72 bilhões e os Países Baixos, com US$ 2,94 bilhões.

NOTICIAS DA PECUÁRIA


,21/08/2015 às 08:45

Vacinação contra aftosa atinge 98% do rebanho brasileiro na 1ª etapa


O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) divulgou na última quarta-feira (19) os resultados da primeira etapa da campanha nacional de vacinação contra a aftosa, realizada no primeiro semestre deste ano. De acordo com o relatório, o índice de cobertura foi de 98,04%, ou seja, foram vacinados cerca de 164,7 milhões de bovinos e bubalinos, de um total previsto de 168 milhões de cabeças.

A marca atingida com a primeira etapa da campanha deste ano superaram os números registrados no mesmo período do ano passado, ocasião em que foram imunizadas 164 milhões de cabeças, com índice de vacinação de 97,63%.

O melhor índice de vacinação foi registrado por Rondônia, com 99,96% dos bovídeos imunizados (5 milhões de cabeças), seguido de Mato Grosso, com 99,82% (12 milhões de cabeças), e de Goiás, com 99,72% (21 milhões de cabeças).

Com esse resultado, a cobertura vacinal alcançada no país é considerada satisfatória, o que reflete os esforços conjuntos dos governos federal e estadual e da iniciativa privada, que executa a vacinação.

A segunda etapa de imunização contra a febre aftosa já teve início no mês de julho deste ano em algumas regiões do Amazonas, Pará e de Tocantins. Sendo que a maior parte desta fase será realizada em novembro e a previsão é que seja concluída no dia 15 de dezembro, no Pantanal.

Com informações do Mapa

NOTICIAS DA PECUARIA


,20/08/2015 às 06:15

Fazendeiro é multado por construir loteamento ilegal em MS

A Polícia Militar Ambiental de Bataguassu (MS) multou na manhã da última segunda-feira (17), um fazendeiro que abriu em sua propriedade rural um loteamento sem autorização ambiental. A atividade estava sendo realizada nas proximidades do Rio Paraná, porém, fora da área de preservação ambiental e abrangia uma área de oito hectares.

Ao constatar a infração, os policiais envolvidos na operação interditaram as atividades e autuaram e multaram em R$ 6.000,00 o proprietário rural que é residente de Presidente Epitácio (SP).

O fazendeiro irá responder por crime ambiental de construir atividade potencialmente poluidora sem autorização ambiental. Caso seja condenado, poderá pegar pena de três a seis meses de reclusão. Além disso, o infrator foi orientado a apresentar um projeto junto ao órgão ambiental para a possível legalização das atividades.

Com informações da PMA


NOTICIAS DA PECUARIA


,19/08/2015 às 07:50

4º Leilão Virtual PADS Senepol será realizado no dia 10 de setembro



Acontece no próximo dia 10 de setembro, o 4º Leilão Virtual de Touros Senepol avaliados pelo PADS (Prova de Avaliação e Desempenho a Pasto do Senepol). No remate serão ofertados 45 touros de 24 meses que foram selecionados na quarta edição da prova que é chancelada pelo Programa Geneplus da Embrapa.

Os animais ofertados no leilão estão prontos para o trabalho e estarão disponíveis em condições especiais de pagamento. O remate será transmitido pelo Canal do Boi, a partir das 20h30 (horário de Brasília) e poderá ser acompanhado pelo site www.canaldoboi.com.br.

Para mais informações sobre o 4º Leilão Virtual de Touros PADS Senepol, basta ligar no telefone (67) 8121-9034 ou mandar um e-mail para lnszoo@hotmail.com.

Com informações da Assessoria

NOTICIAS DA PECUARIA


,18/08/2015 às 07:29

JBS tem crescimento de 28,9% no abate de animais no 2º trimestre


A JBS divulgou um levantamento que mostra que a empresa frigorífica teve um aumento de 28,9% no total de abates feitos no segundo trimestre de 2015. Com 336,468 milhões de abates, a marca supera em 75,392 milhões os 261,016 milhões de animais processados no mesmo período do ano passado.

Vale a pena ressaltar que neste levantamento não estão inclusos os abates realizados pela Pilgrim’s Pride Corporation (PPC), divisão das operações de frangos da JBS nos Estados Unidos, mas consideram todas as proteínas produzidas pela empresa, ou seja, carne bovina, suína e de frango.

O destaque desse estudo foi a subsidiária JBS Foods, que liderou os abates da companhia. A empresa que atua no segmento de aves, aumentou a capacidade instalada nos últimos 12 meses, com isso foram abatidas 327,357 milhões de aves, alta de 29,3% em relação aos 253,086 milhões de abates realizados no segundo trimestre de 2014.

Com informações do Estadão Conteúdo

NOTICIAS DA PECUARIA


,14/08/2015 às 07:53

Fiscalização de vazio sanitário atinge quase 50% em MS



A fiscalização de vazio sanitário em Mato Grosso do Sul, que teve início no dia 15 de junho e segue até o dia 15 de setembro já atingiu mais de 2.960 propriedades, o que representa pouco mais de 47% do total de 6.200 fazendas a serem fiscalizadas. As fazendas que apresentarem irregularidades podem ter que arcar com multas de até R$ 21 mil.

Mato Grosso do Sul tem uma lei estadual sobre o vazio sanitário, que proíbe a semeadura da soja no Estado por 90 dias, com o objetivo de prevenir, controlar e auxiliar na erradicação de pragas como a ferrugem asiática, que é causada pelo fungo Phakopsora pacgyrhizi Sydow e é uma das doenças que mais afetam as lavouras da oleaginosa.

De acordo com a Iagro, até o momento, 64 produtores foram autuados por falta de cadastro e 26 por não destruírem plantas voluntárias. Estes casos somados representam 3% do total esperado pela entidade.

As 6.200 fazendas de soja de Mato Grosso do Sul, somam 1,4 milhões de hectares.

Com informações do Campo Grande News

NOTICIAS DA PECUARIA


,13/08/2015 às 07:54

Famasul lança oficialmente a Bienal da Agricultura



A Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul (Famasul) lançou oficialmente durante a manhã desta quarta-feira (12), a Bienal da Agricultura, evento que será realizado em no Centro de Convenções Rubens Gil de Camillo em Campo Grande (MS) nos dias 31 de agosto e 1º de setembro.

Durante o evento, foi anunciado que a Bienal trará ações inovadoras que irão acompanhar o perfil sustentável da agricultura da região de Mato Grosso do Sul. Entre elas estão o fato de os kits da Bienal que contarão com crachá, voucher do almoço, bolso interno da pasta e até mesmo a capa do bloco de anotações serão produzidos em papel semente, que poderá inclusive ser plantado.

Além disso, durante a Bienal da Agricultura serão distribuídas canetas biodegradáveis, copos totalmente fabricados com fibras virgens, evitando assim o uso de copos descartáveis, e a sinalização do evento será feita em telas de led, diminuindo assim a quantidade de material gráfico produzida para o evento.

O superintendente do Senar/MS, Rogério Beretta, ainda apresentou o lançamento do aplicativo da Bienal da Agricultura, que já está disponível tanto na AppStore quanto na Play Store. Nele, os participantes poderão encontrar todas as informações sobre o evento, desde a biografia dos palestrantes até notícias relacionadas.

Beretta disse que a organização do evento espera receber de 1500 a 1600 participantes nos dois dias do evento e que a expectativa é que a Bienal seja um complemento do sucesso que o segmento da agricultura vem tendo em Mato Grosso do Sul.

“Gostaria de convidar toda a sociedade para conhecer o trabalho da agricultura que vem sendo feito em Mato Grosso do Sul. Hoje é importante entender o reflexo e o desenvolvimento do setor que nos dias atuais são uma realidade de todos”, afirmou o superintendente do Senar/MS.

A Bienal da Agricultura é realizada pelas federações de agricultura e pecuária dos estados de Mato Grosso do Sul (Famasul), Mato Grosso (Famato), Goiás (FAEG) e Distrito Federal (Fape-DF), de maneira rotativa, sendo que a primeira edição deste evento aconteceu em Goiânia (GO) e a segunda em Cuiabá (MT).

Para mais informações sobre a Bienal da Agricultura basta acessar o site: www.bienaldaagricultura.com.br.


NOTICIAS DA PECUARIA


,12/08/2015 às 07:39

Concurso público do IFMT tem vagas para veterinário e agrônomo

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso (IFMT) está com inscrições abertos para o concurso público que oferece ao todo 157 vagas para compor o quadro de funcionários da entidade. Sendo que dessas vagas, 103 são destinadas para professores de carreira e 54 para carreira de técnico administrativo em educação.

Os salários oferecidos para os docentes podem chegar até R$ 9.012,50, observados os títulos e até R$ 4.039,54 para os candidatos da carreira técnico administrativo, com jornadas de até 40 horas semanais.

Para se inscrever no concurso público do IFMT basta acessar o site www.ufmt.br/concursos até o dia 16 de agosto e pagar as taxas de inscrição que variam de R$ 70,00 a R$ 150,00 e devem ser pagas via boleto bancário.

Confira as vagas oferecidas para professores de carreira:

Artes Cênicas (1), Contabilidade (2), Educação Física (3), Direito (1), Geografia (3), História (2), Informática (8), Matemática (9), Português/ Inglês (5), Português/ Espanhol (7), Português/ Literatura (2), Sociologia (8), Filosofia (7), Química (6), Agronomia (3), Agronomia/ Fitotecnia (3), Agronomia/ Fitopatologia (1), Educação Física (3), Língua Brasileira de Sinais - Libras (5), Artes/ Música (5), Engenharia Agrícola (2), Física (6), Engenharia da Computação (1), Engenharia de Controle e Automação (2), Administração (2), Informática/ Redes de Computadores (2), Engenharia Eletrônica (1), Engenharia Mecânica (1) e Topografia (1).

Confira as vagas oferecidas para a carreira de técnico administrativo em educação:

Nível Fundamental: Auxiliar em Administração (12), Operador de Máquinas Agrícolas (2), Assistente de Laboratório (9)
Nível Médio/ Técnico: Técnico em Alimentos e Laticínios (1), Agropecuária (1), Laboratório/ Informática (3), Laboratório/ Química (5), Agropecuária (1), Laboratório/ Eletrotécnica (1), Audiovisual (1), Laboratório/ Construção Civil (1), Diagramador (1)
Nível Superior: Engenheiro Agrônomo (2), Zootecnista (2), Médico-veterinário (2), Arquivista (5), Secretário Executivo (2), Programador Visual (1), Publicitário (1), Relações Públicas (1)

NOTICIAS DA PECUARIA


,10/08/2015 às 06:43

Boi gordo: carne exportada atinge cotação recorde



Enquanto as cotações no mercado do boi gordo seguem oscilando de acordo com as características dos animais e do tamanho dos lotes negociados, as exportações de carne bovina seguem conseguindo bons resultados, com quebra de recorde no mês de julho em relação ao valor do produto.

O preço em reais da carne bovina exportada quebrou recorde neste mês de julho e encerrou o mês sendo cotada a R$ 14.811,36 a tonelada. Esse valor supera em 8,3% o que foi registrado em junho e em 37,3% em relação ao mesmo período do ano passado. As receitas geradas com os embarques do produto in natura foram de R$ 1,34 bilhão no último mês, ficando atrás apenas do faturamento dos meses de outubro e dezembro do ano passado.

Já no mercado interno, os preços da carne bovina com osso no atacado paulista voltaram a esboçar nova reação no início do mês de agosto. Essa leve alta pode ser explicada por conta da oferta pequena de boiadas e também pelo aquecimento da demanda no início do mês em virtude de grande parte da população receber seus pagamentos.

Com informações do Cepea

NOTICIAS DA PECUARIA


,08/08/2015 às 06:36

Curso Técnico em Agronegócio do Senar está com matrículas abertas

O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) divulgou na última quinta-feira (6) a lista final dos aprovados no processo seletivo para o Curso Técnico em Agronegócio da Rede e-Tec Brasil. Com isso, as matrículas para o curso estão abertas e podem ser feitas até o dia 15 deste mês nos polos de apoio presencial da rede, onde os candidatos fizeram as provas.

Para concluir a matrícula, os aprovados precisam apresentar todos os documentos e cópias estabelecidos no edital da seleção como: certificado de conclusão do Ensino Médio; histórico escolar; carteira de identidade; CPF; título de eleitor com os devidos comprovantes de votação no último pleito; certificado de reservista para homens com mais de 18 anos; foto 3x4 recente e comprovante de residência.

Ao se matricular, o aluno recebe a senha o login de acesso ao ambiente virtual de aprendizagem do curso, sendo que as aulas online já começam na próxima segunda-feira, dia 10, e o primeiro encontro presencial nos polos de apoio está marcado para o dia 22.

Para conferir a lista de aprovados no Curso Técnico em Agronegócio da Rede e-Tec Brasil no Senar basta acessar o portal: http://etec.senar.org.br/processoseletivo.

Com informações do Senar Central

NOTICIAS DA PECUARIA


,07/08/2015 às 07:22

Iagro registra aumento de 26% na emissão de GTA

KELY VENTORIM
Em 2014, com parte dos produtores habilitados, foram emitidas cerca de 38 mil guias. Em 2015, com a ampliação do alcance do sistema, somente nos últimos 45 dias, foram emitidas mais de 52 mil guias, pela internet

Para ter um controle do trânsito de animais mais ágil e eficiente, em Mato Grosso do Sul, o Governo do Estado, através da Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal (Iagro) implantou um sistema que permite ao produtor emitir a guia de transporte animal (GTA), pela internet.

Sem a burocracia de ter que ir a uma Unidade de atendimento da Iagro para emitir a Guia, mais de 80% dos pecuaristas já podem, desde Junho passado, emitir a guia a qualquer hora, de qualquer computador, tablet ou smartphone, desde que tenha acesso à internet.

As informações inseridas pelo produtor no momento em que emite a e-GTA são integradas automaticamente na plataforma do Governo Federal, denominada PGA (Plataforma de Gestão Agropecuária) o que permite o trânsito interestadual.

Tal facilidade e agilidade fizeram com que o número emissões de GTA’s eletrônicas aumentasse em 26% no ultimo mês, no Estado. Em 2014, com parte dos produtores habilitados, foram emitidas cerca de 38 mil guias. Em 2015, com a ampliação do alcance do sistema, somente nos últimos 45 dias, foram emitidas mais de 52 mil guias, pela internet. A meta da Iagro era atingir esses números somente daqui um ano.

Acessada através do sistema SANIAGRO WEB (um dos mais modernos do País) a guia eletrônica, está disponível ao pecuarista que estiver devidamente cadastrado na Iagro e com as informações atualizadas, principalmente com relação aos dados sobre a área da propriedade, tipo de exploração pecuária e rebanho. Esse sistema que já oferecia, dentre outros serviços, a consulta de saldo de animais, extrato de produtos, registros de vacinação e consulta de guias emitidas, permite ainda que o pecuarista realize transações de compra, venda, abate, transferência e leilão de bovinos e tire vários relatórios.

Atualmente, o pecuarista com cadastro desatualizado não é penalizado, tão pouco tem qualquer documento bloqueado. Para este, a emissão de GTA continua sendo feita nos escritórios da IAGRO. Vale lembrar que a obrigação do produtor em manter o cadastro atualizado está fundamentada em Lei e as informações, analisadas com base em critérios técnicos, permitem que a Iagro possa prestar seus serviços com mais segurança e eficiência.

Desde abril, todo trânsito de animais destinados ao abate em estabelecimentos registrados no Serviço de Inspeção Federal (SIF) somente é aceito mediante a emissão da e-GTA. Em Mato Grosso do Sul a mudança resultou de imediato, numa economia aos cofres públicos de mais de 150 mil reais ao ano, já que a impressão agora não precisa ser feita em formulários de segurança.

e-GTA
A guia de trânsito animal eletrônica (e-GTA), instituída oficialmente no Estado através de decreto em junho deste ano, não dispensa a apresentação dos atestados sanitários e exames exigidos para cada espécie animal, conforme preconizado pelos respectivos programas sanitários.

A vacinação do rebanho em dia – contra febre aftosa e brucelose – e a inexistência de pendências sanitárias em nome da propriedade também são exigências para que a guia seja emitida.

Dentro do sistema há ainda observações quanto à exigência de exames e atestados sanitários, para cada espécie animal, conforme a finalidade do trânsito, e a ressalva de casos como os que observarem risco sanitário ou que forem averbados com restrições administrativas ou judiciais.

Com o fim da exigência da anuência do destinatário no ato da emissão da e-GTA e o crédito dos animais na propriedade, passou a ser obrigatória a confirmação eletrônica de recebimento pelo produtor destinatário.
TAGS: iternet GTA Iagro Guia de Trânsito Animal

Fonte: Sulnews


,04/08/2015 às 08:25

Leilão do Tonicão Reprodutores acontece dia 15 de agosto em MS

Será realizado no dia 15 de agosto, a partir das 12h (horário local) no Terra Nova Centro de Eventos em Campo Grande (MS), o Leilão do Tonicão Reprodutores. O remate irá ofertar 50 reprodutores Nelore PO e 400 animais de corte e contará com a participação dos touros dos convidados, André Dodero, Irmãos Almirão, Família Nakamura, Maurílio Barbosa e Reinaldo Azambuja.

Entre os animais de destaque do leilão estão:

Lote 01 – Praus FIV da FLO
Filho de Jathadu Arroio X Makaia FIV da FLO

Lote 09 – Palacio FIV da FLO
Filho de Donato de Naviraí X Canção FIV Alia

Lote 31 – Rei FIV IIF
Filho de Big Ben da Santa Nice X Lisboa Contin

Lote 34 – Piedade FIV IIF
Filho de Bitelo da SS X Jumana da RIB

Os animais comercializados no Leilão do Tonicão Reprodutores poderão ser pagos das seguintes formas: 24 parcelas (2+2+20) ou 14 parcelas (2+2+10) com 5% de desconto ou à vista com 12% de desconto.

O remate contará com transmissão ao vivo no site www.correadacosta.com.br.

Noticias da Pecuária


,01/08/2015 às 07:25

Preços da carne bovina caem e juros sobem

Pela terceira semana seguida o mercado atacadista da carne bovina sem osso de São Paulo apresentou queda nos preços. No entanto, pela primeira vez nesse período, as margens encurtaram, já que o preço da arroba do boi gordo não apresentou mais retrações nas cotações.

A receita dos frigoríficos em relação a venda de carne sem osso em um ano apresentou alta de 22%, quase três vezes acima da inflação do período, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (IPCA). Mesmo com o fraco consumo neste ano de 2015, as indústrias frigoríficas têm conseguido manter a margem de comercialização.

E o arroxo para as vendas de carne deve seguir firme, já que nesta semana o Comitê de Política Monetária (Copom), elevou a taxa básica de juros, para 14,25%, a maior desde 2006, no intuito de tentar conter a inflação, que já está projetada em 9,23% para este ano.

Com informações da Scot Consultoria

NOTICIAS DA PECUARIA


,31/07/2015 às 07:53

Cotação média do suíno vivo continua em baixa

Segue em baixa a cotação média do suíno vivo no mês de julho. Quando comparada ao mesmo período do ano passado, a queda chega a 19% em algumas regiões do país.

Segundo o Centro de Estudos Avançados em economia Aplicada (Cepea), ainda que o volume abatido esteja mais baixo e as exportações continuem estáveis, as indústrias reclamam das dificuldades em repassar os custos da matéria-prima para a carne negociada no mercado doméstico.

O desempenho abaixo do esperado nas vendas internas pressiona as cotações nas granjas da maior parte das regiões pesquisadas pelo Cepea. Os estoques elevados de suínos nas indústrias também pressionam a cotação do animal vivo.
Com informações do Cepea

NOTICIAS DA PECUARIA


,30/07/2015 às 07:50

Abertura do Circuito Expocorte tem como destaque boi conceito 7.7.7

Teve início na manhã desta quarta-feira (29) no Centro de Convenções Rubens Gil de Camillo em Campo Grande (MS), a etapa local do Circuito Expocorte. O evento foi lançado em solenidade de abertura que contou com a participação do governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja, do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, do presidente da Famasul, Nilton Pickler e de várias outras autoridades.

No discurso de abertura, um dos organizadores do evento lembrou o principal tema de discussão do evento, o boi conceito 7.7.7 que preconiza animais com 7 arrobas na desmama, 7 na recria e 7 na fase de terminação, o que garante animais abatidos com 21 arrobas em 24 meses. Este projeto foi desenvolvido pela Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA) e pela Secretaria de Agricultura e Abastecimento (SAA) de São Paulo e começa a ganhar força em várias regiões do Brasil.

Para o governador do estado de São Paulo, Geraldo Alckmin, o conceito do boi 7.7.7 é muito eficiente para a pecuária de corte no Brasil, já que é capaz de garantir uma maior valorização do produto para o criador em menor tempo. Além disso, Alckmin destacou a importância do evento já que o setor agropecuário é o principal responsável em segurar e economia do país no atual cenário de crise que o Brasil vem passando.

O governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja, compactuou da afirmação de Alckmin e aproveitou para afirmar que “se tirar a agropecuária, o desastre econômico no país seria ainda maior”. Reinaldo também disse que o Circuito Expocorte vem para mostrar o Brasil real, que se trata do Brasil da produção, resultado e eficiência.

“O agronegócio cria mais empregos, tem tido bons aumentos nas exportações e a tendência é crescer ainda mais. O único fato que pode impedir o crescimento do setor do agronegócio é a sanidade e por isso nossa preocupação com isso vem aumentando cada dia mais, já que com o país livre de doenças, a abertura do nosso mercado para o exterior fica facilitada”, afirma Azambuja.

Para encerrar o seu discurso, o governador de Mato Grosso do Sul lembrou uma fala do economista Delfim Neto, que dizia que o Brasil já passou por 33 crises e de acordo com Reinaldo, “não será esta crise que irá derrubar o Brasil”.

A organização do evento afirmou que a etapa do Circuito Expocorte de Campo Grande (MS) registrou recorde de inscrições, com mais de 1.500 participantes, o que mostra o interesse do produtor em buscar informações e tecnologias ligadas à cadeia produtiva da carne. O evento será realizado até esta quinta-feira (29) e depois segue para Uberaba (MG) que recebe o Circuito Expocorte entre os dias 24 e 25 de setembro.

NOTICIAS DA PECUARIA


,28/07/2015 às 07:50

Arábia Saudita está prestes a abrir seu mercado para carne brasileira

Executivos do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) afirmaram nesta segunda-feira (27) que o Brasil está na fase final do processo de abertura do mercado da Arábia Saudita para a carne bovina in natura.

De acordo com a ministra do Mapa, Kátia Abreu, uma missão do ministério deverá visitar a Arábia Saudita em agosto e a Ásia em setembro. Com isso, o Brasil intensifica a abertura de novos mercados para a carne bovina brasileira, já que nos últimos meses o país reabriu as portas dos mercados chinês e americano.

Além da Arábia Saudita, o Ministério da Agricultura também segue trabalhando para abrir o mercado do Canadá para o mesmo tipo de produto.

Com informações da Reuters

NOTICIAS DA PECUARIA


,27/07/2015 às 10:38

Circuito Expocorte tem início nesta 4ª feira em Campo Grande (MS)


Tem início na próxima quarta-feira (29), no Centro de Convenções Rubens Gil de Camilo a etapa do Circuito Expocorte de Campo Grande (MS). O evento chega a Mato Grosso do Sul depois de ter passado por Cuiabá nos dias 11 e 12 de março deste ano. A programação do Circuito Expocorte vai até dia 30 e irá discutir a produção do boi no conceito 7.7.7.

O conceito 7.7.7 foi desenvolvido por pesquisadores da Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA), da Secretaria de Agricultura e Abastecimento (SAA) de São Paulo, que trabalhou para produzir um bovino que atingisse sete arrobas na desmama, sete na recria e mais sete na engorda ou terminação, estando pronto para o abate com 21 arrobas, aos 24 meses.

O evento contará com várias palestras que abordarão temas como: cenário da carne bovina no próximo triênio, genética, nutrição fetal, performance reprodutiva, produção a pasto, suplementação, pecuária sustentável, terminação e vários outros pontos ligados ao conceito 7.7.7.

Para mais informações sobre a etapa de Campo Grande (MS) do Circuito Expocorte basta acessar o site: http://www.circuitoexpocorte.com.br/

NOTICIAS DA PECUARIA


Campo Grande - MS, 21/07/2015 às 15:12

Quatro homens são presos por furtar 20 cabeças de gado em MS

Caso estava sendo investigado pela equipe do Posto de Atendimento da Seção de Repreensão a Crimes de Abigeato de Campo Grande (MS).

A Polícia Civil prendeu na noite da última segunda-feira (20) quatro homens por furtar e vender, sem nota fiscal ou Guia de Trânsito Animal (GTA), vinte cabeças de gado da Fazenda Aliança em Campo Grande.

De acordo com o site Campo Grande News, o peão da fazenda furtou as 20 cabeças de gado junto com dois cúmplices e teria vendido os animais, sem qualquer documento de origem para um dos homens que também foi preso.

Após comprar o gado, o homem acabou revendendo os animais para uma pessoa que não estaria envolvida no esquema, só que desta vez os animais já dispunham de notas fiscais e da GTA, documentos estes que foram vendidos por um integrante da quadrilha que era funcionário da Agência Fazendária de Mato Grosso do Sul (Agenfa).

Os homens foram presos em flagrante pelo crime de associação criminosa e o funcionário da Agenfa também foi acusado de inserir dados falsos em sistema de informações, já que havia utilizado de seu cargo para emitir as notas falsas.

Com informações do Campo Grande News


,20/07/2015 às 08:40

PMA autua fazendeiro por extração ilegal de madeira em MS



A Polícia Militar Ambiental de Rio Negro (MS) autuou na tarde da última terça-feira (14) uma fazenda por exploração ilegal de madeira. A propriedade rural, localizada no município de Corguinho (MS) a 40 km da região do Taboco, explorava a madeira sem autorização ambiental.

No local, os policiais militares ambientais apreenderam 2m³ de madeira em toras e esticadores das espécies ipê e cumbaru.

O fazendeiro, dono da propriedade rural, foi autuado administrativamente e multado em R$ 600,00. Além disso, o infrator irá responder por crime ambiental de extração ilegal de madeira e caso seja condenado, poderá pegar pena de seis meses a um ano de prisão.

Com informações da PMA


,17/07/2015 às 07:78

Negócios lentos e pequena queda nos preços no mercado do boi gordo

A semana para o mercado do boi gordo segue com negócios abaixo da média e em ritmo lento no mercado nacional. A necessidade imediata de compra ou venda é o principal fator que tem feito com que as médias diárias sigam oscilando dessa maneira.

Na última quarta-feira (15), o Indicador ESALQ/BM&FBovespa encerrou o dia cotado a R$ 140,87, valor este que apresenta um recuou de 1,56% em relação à quarta-feira da semana passada.

Essa queda impactou o atacado da Grande São Paulo, que apresentou queda de preços na maioria dos cortes na última semana. O preço da carcaça casada de boi, por exemplo, caiu 1,46% neste período e no momento está com o quilo cotado a R$ 9,46.

Com informações do Cepea

NOTICIASDAPECUARIA


,16/07/2015 às 06:45

Frigorífico da JBS fecha as portas em Matupá (MT)

O Grupo JBS anunciou na última terça-feira (14) mais um fechamento de uma unidade de abate em Mato Grosso. Desta vez, a planta frigorífica de Matupá fechou as portas e acabou demitindo 200 funcionários. Esta é a sétima unidade frigorífica que encerra as suas atividades no ano de 2015 no Estado.

De acordo com o G1 MT, o frigorífico amanheceu na última terça-feira fechado e segundo o presidente do Sindicato dos Trabalhadores na Indústria de Carnes e Laticínios do Portal da Amazônia (Sintracal), que representa os trabalhadores de empresas em Alta Floresta, Colíder e Matupá, o advogado do sindicato pediu junto a empresa um acordo para que cestas básicas fossem fornecidas para os funcionários demitidos por três meses.

A JBS, por meio de nota, informou que suspendeu temporariamente as atividades da unidade de Matupá por conta da “baixa disponibilidade de matéria-prima em algumas regiões do país, que tem provocado um sistemático aumento na ociosidade na indústria nacional”.

No mês de maio deste ano, a JBS encerrou as atividades da planta frigorífica localizada em São José dos Quatro Marcos, ocasião em que foram demitidos 650 funcionários. Naquela oportunidade a empresa também creditou o encerramento das atividades à falta de matéria-prima.

A JBS ainda matem em operação 11 unidades frigoríficas no Estado de Mato Grosso.

Com informações do G1 - MT


,14/07/2015 às 06:42

Cavalo Crioulo é tema de reportagem do Globo Rural

Foi exibida na manhã do último domingo (12) pelo Globo Rural, uma reportagem especial sobre a raça Crioula no Rio Grande do Sul e em todo o Brasil. A matéria trás informações que variam desde o tamanho dos exemplares de machos e fêmeas da raça, até mesmo quantos empregos são gerados no Brasil pela raça Crioula.

Em um dos trechos da reportagem, o repórter Nelson Araújo, descreve o cavalo Crioulo como um animal que é fruto de seleção natural, rústico e multifuncional. Sendo que a sua rusticidade se deve ao fato de encarar todo o tipo de terreno, enfrentando qualquer extremo das condições climáticas.

Confira a reportagem completas nos links abaixo:

http://globotv.globo.com/rede-globo/globo-rural/t/edicoes/v/cavalo-crioulo-e-um-simbolo-no-rio-grande-do-sul/4314379/

http://globotv.globo.com/rede-globo/globo-rural/t/edicoes/v/cavalo-crioulo-gera-mais-de-200-mil-empregos-no-brasil/4314373/

Noticias da Pecuaria


,13/07/2015 às 08:40

Doma racional é tema de curso em Inocência (MS)

Acontece entre os dias 13 e 17 de julho, na Fazenda Franca em Inocência (MS), o curso de doma racional. A qualificação é oferecida pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso do Sul (Senar/MS) em parceria com o sindicato rural do município.

O curso tem como objetivo ensinar aos participantes as técnicas e manejo correto para domar o animal nas propriedades rurais. Confira alguns temas abordados durante a qualificação:

- técnica de cabresteamento;

- técnica racional para o primeiro contato com o cavalo;

- técnica de aproximação e aceitação;

- técnica racional para encilhamento e monta;

Noticias da Pecuarira

- desenvolvimento de andaduras do animal;

A qualificação tem carga horária de 40 horas e as inscrições podem ser feitas no site: www.senarms.org.br.


,10/07/2015 às 07:50

Baixo consumo da carne reduz necessidade de compra de boiadas

O mercado do boi gordo manteve os preços estáveis na última quarta-feira (8). No mercado paulista, os preços para o boi gordo e para a vaca gorda seguiram estáveis e terminaram o dia cotados em R$ 145,00 a arroba e R$ 135,00, à vista, respectivamente.

Com as programações de abate das indústrias atendendo, em média, cinco dias, existiram algumas ofertas de compras em até R$ 4,00/@ abaixo da referência. Com isso, a medida que os frigoríficos de São Paulo seguem avançando nas escalas, mesmo que em um dia, a pressão baixista aumenta.

E o resultado disso é que a necessidade de compra de animais se torna menor, por conta do consumo da carne que segue em baixa. Já o mercado atacadista de carne com osso, os preços também se mantiveram estáveis.

Com informações da Scot Consultoria

Noticias da Pecuária


,09/07/2015 às 07:53

Funcionários de frigorífico são presos após roubar 200 kg de carne

A Polícia Civil de Pontes e Lacerda (MT) prendeu na última segunda-feira (6) dois suspeitos de furtar mais de 200 kg de picanha do frigorífico em que trabalhavam no município. As investigações apontam que o furto acontecia há quase um ano e pode ter causado um prejuízo que ultrapassa R$ 200 mil.

De acordo com o site G1, as investigações da operação “Boi na brasa” começaram após um representante da empresa ir até a delegacia e comunicar que o frigorífico havia sido furtado e que o crime poderia ter sido praticado por um funcionário. Então, os policiais por meio do horário de plantão dos funcionários, identificou um rapaz de 25 anos como suspeito do crime.

A partir daí, uma equipe de investigadores resolveu monitorar a casa do funcionário no dia 18 de junho, ocasião em que notaram que na madrugada do dia 19, um carro estacionou na frente da casa do suspeito e o motorista descarregou várias caixas nos fundos da residência.

Quando a polícia revistou a residência, encontrou 15 caixas de picanha na dispensa, momento este que o suspeito confessou o crime e informou aos policiais que o motorista do carro que havia descarregado as caixas na residência era outro funcionário do frigorífico.

A investigação ainda apontou que a carne furtada do frigorífico era revendida na cidade para amigos dos funcionários acusados de terem cometido o crime. A Polícia segue com as investigações para identificar outros integrantes do esquema e confirmar para quem a carne era vendida.

Os dois suspeitos foram levados para a Cadeia Pública de Pontes e Lacerda e devem responder pelo crime de furto qualificado.

Com informações do G1 - MT

Noticias da Pecuaria


,08/07/2015 às 07:46

2ª edição da Feira do Agronegócio de Coxim tem início nesta quinta (9)

Acontece entre os dias 9 e 11 de julho, no Parque de Exposições Carlos Simão Introvini em Coxim (MS), a 2ª edição da Feira do Agronegócio. O evento que é promovido pelo Sindicato Rural de Coxim tem como objetivo estimular a produção e integrar os produtores da região.

O evento contará com palestras, giro tecnológico, leilões, etapa do circuito Aprosoja, Dia de Campo, apresentações de máquinas e várias outras atividades para o público que comparecer ao Parque de Exposições Carlos Simão Introvini.

Entre os temas abordados durante a 2ª edição da Feira do Agronegócio de Coxim aparecem dicas sobre cerca elétrica, qualidade do leite, instalações e equipamentos de ordenha, apresentação da rede e-Tec e manejo nutricional dos animais.

O evento conta com o apoio do Sistema Famasul – Federação de Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul, da Prefeitura Municipal de Coxim e do Serviço Nacional de Apoio às Micro e Pequenas Empresas em Mato Grosso do Sul – Sebrae.
Com informações da Famasul

Noticias da Pecuária


,06/07/2015 às 08:37

Indústria Eldorado Brasil leiloa máquinas agrícolas na internet

Acontece até às 13h desta quarta-feira (8), o leilão de máquinas agrícolas da indústria de celulose Eldorado Brasil de Três Lagoas (MS). O remate é online e é realizado pela Superbid.

Serão 35 lotes disponíveis e entre os itens a serem leiloados estão tratores, transportadores de adubo, roçadeiras hidráulicas, pulverizadores, entre outras máquinas agrícolas. Os lances iniciais variam de R$ 400 a R$ 36 mil.

Para participar do leilão, pessoas físicas e jurídicas devem se cadastrar no site www.superbid.net e solicitar a habilitação.

Para mais informações basta ligar no telefone (11) 4950-9400.

Noticias da Pecuária


,04/07/2015 às 08:24

Mês de junho quebra recordes históricos nas exportações de frango

A Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) divulgou na última quarta-feira (1º de julho) um levantamento sobre as exportações de carne de frango do Brasil no mês de junho. E com 395,7 mil toneladas do produto embarcado, o país bateu um recorde nesse ponto, esse volume de exportações superou em 30% a quantidade de carne de frango embarca no mesmo período do ano passado.

Nesta estatística estão incluídos produtos inteiros, cortes, salgados, processados e embutidos. Além de bater o recorde de volume exportado, as receitas obtidas com o embarque dos produtos também registrou novo recorde histórico. Com receita de R$ 2,1 bilhões, o faturamento supera em 52,3% a receita recebida em junho de 2014.

Ainda de acordo com a ABPA, o resultado das exportações do mês de junho fez com que a situação do acumulado no ano, que apresentava baixa, fosse revertida. Com isso, os exportadores de carne de frango fecharam o primeiro semestre com embarques de 1,99 milhão de toneladas, alta de 2% em relação ao mesmo período de 2014.

Com informações da ABPA

NOTICIAS DA PECUARIA


,02/07/2015 às 08:20

Frigorífico da Minerva Foods fecha e demite 780 funcionários em MS

A crise frigorífica em Mato Grosso do Sul continua, nesta quarta-feira (1º de julho), mais um frigorífico do estado fechou as portas, aumentando para 15 o número de empresas deste segmento que encerraram as atividades em 2015. Desta vez, foi a vez de uma indústria da Minerva Foods, localizada em Batayporã, encerrar as suas atividades e acabar demitindo 780 funcionários.

Entre os principais fatores que tem contribuído para esta crise aparecem a falta de animais para abate, a alta nos preços e o monopólio do grupo JBS em Mato Grosso do Sul.

De acordo com o site Campo Grande News, o frigorífico de Batayporã chegou a dar férias coletivas para os funcionários em maio, voltou a operar por um mês, até que nesta terça-feira fechou as portas.

A Minerva Foods disse em nota que o fechamento da unidade no município foi “inevitável” e que as operações da empresa no Brasil estão passando por mudanças visando “obter melhorias de eficiência em rendimento, economia de custos por aumento da otimização da capacidade instalada e incremento de rentabilidade por reequilíbrio geográfico de suas operações”.

Além disso, a empresa ainda afirmou que irá garantir todos os direitos trabalhistas dos funcionários que foram demitidos na manhã desta terça-feira e que não deixará nenhuma pendência financeira com os colaboradores, assim como o município e Estado.

A demissão em massa preocupa a prefeitura local, já que a cidade de 11,1 mil habitantes não tem postos de trabalho suficientes para absorver a mão de obra dispensada pelo frigorífico. Uma das alternativas que surge para tentar amenizar a situação é procurar outras empresas que possam se interessar a continuar as atividades em Batayporã.

Com informações do Campo Grande News

Noticias da Pecuaria


,01/07/2015 às 08:08

Oferta de bezerros aumenta em Mato Grosso do Sul

A constante instabilidade no mercado do boi gordo tem feito com que a procura por garrotes e bois magros seja desfavorecida. Com isso, a melhor oferta de bezerros devido à safra pressiona as cotações para os animais mais jovens.

Considerando todas as categorias de machos para reposição, a desvalorização média em relação aos preços de maio está em 1,2%. Mesmo assim, a queda é pouco expressiva quando comparada às valorizações dos últimos meses.

Os bezerros de Mato Grosso do Sul, estão 32,2% mais caros quando comparados ao mesmo período do ano passado, sendo que neste mesmo período o boi gordo teve valorização de 18,8%.

Atualmente, os produtores conseguem comprar 1,20 boi magro com o valor da venda de um boi gordo (16,5 arrobas) no estado. Em junho de 2014 era possível adquirir 1,34 boi magro com a venda do mesmo boi gordo.

Com informações da Scot Consultoria

Noticias da Pecuária


,29/06/2015 às 08:28

PMA multa fazendeiro por armazenamento ilegal de madeira protegida

A Polícia Militar Ambiental de Bela Vista (MS) autuou na tarde do último sábado (27) um fazendeiro por armazenamento de madeira protegida por lei sem autorização do órgão ambiental. O fato foi constatado em uma propriedade rural localizada às margens da BR-060, a 22 km do município.

No local foram encontrados 16,5 m³ de madeira da espécie “aroeira”, em postes, esticadores e estacas para cerca. O infrator, morador de São Paulo (SP) foi multado em R$ 8.250,00 pelo armazenamento ilegal da madeira e responderá por crime ambiental, caso seja condenado, a pena varia de um a dois anos de reclusão.

A portaria 83-N de 1991 do Ibama proíbe o corte da “aroeira” e algumas outras espécies nobres, sem plano de manejo, que precisa ser aprovado pelos órgãos ambientais. Inclusive, em desmatamentos autorizados, essas espécies não podem ser cortadas.

Com informações da PMA

Noticias da Pecuaria


,27/06/2015 às 06:55

Gado é roubado após acidente com carreta em MS

Um acidente ocorrido no final da tarde da última quarta-feira (24), no KM 214 da BR-158 entre as cidades de Brasilândia e Três Lagoas (MS), que envolveu uma carreta que transportava gado acabou vitimando o condutor do veículo.

Após os procedimentos para a retirada do corpo do motorista, a Polícia Militar foi novamente acionada para retornar ao local, já que alguns populares estavam abatendo e furtando os animais que eram transportados no veículo.

De acordo com o site Rádio Caçula, assim que a polícia chegou ao local, constatou que várias pessoas estavam realizando o abate dos animais e empilhando os mesmos em seus veículos. Então, os policiais realizaram um bloqueio de cerca de 800 metros da rodovia e ordenaram que todos os veículos e pessoas envolvidas aguardassem no acostamento para averiguação.

Dois fatos que chamaram a atenção dos policiais envolvidos na averiguação dos veículos foi que um proprietário de uma caminhonete já havia empilhado quatro corpos na carroceria do veículo e quando a polícia chegou ao local ele ainda tentava colocar uma quinta carcaça em cima dos outros animais. Já outro condutor, desta vez de um Ford Fiesta, chegou a conseguir colocar um animal inteiro no interior de veículo.

A Polícia Militar ordenou que os populares que haviam saqueado a mercadoria se desfizessem de toda a carne e abandonassem no local onde haviam encontrado.

Com informações da Rádio Caçula

Noticias da Pecuaria


,26/06/2015 às 08:29

JBS adquire frigorífico da Marfrig na Europa

A JBS fechou contrato no último domingo (21) com a Marfrig, para a compra da Moy Park, unidade de frango e alimentos processados localizada na Irlanda do Norte, na Europa, por aproximadamente US$ 1,5 bilhão.

De acordo com a Reuters, o valor da compra é composto do pagamento à vista de 1,19 bilhão de dólares à Marfrig e ao fato da JBS assumir a dívida líquida da Moy Park, avaliada em 200 milhões de libras. No entanto, para que o negócio seja concluído, os órgãos de defesa da competição da União Europeia ainda precisam aprovar a transação.

A Marfrig informou que com essa operação poderá focar os seus negócios em áreas prioritárias como a exportação de carne bovina a partir do Brasil para o mercado asiático e para o mercado americano.

Já para a JBS a compra da Moy Park intensifica a estratégia da empresa de crescer em alimentos processados, tendo assim, maior atuação na Europa. No primeiro trimestre de 2015, a receita líquida da Moy Park atingiu R$ 1,543 bilhão, o que representa 26% da receita total da Marfrig.

Com informações da Reuters

Noticias da Pecuaria


,25/06/2015 às 08:30

Fazendeiro é multado por destruir matas ciliares em Bonito (MS)



A Polícia Militar Ambiental de Bonito (MS) durante fiscalização realizada no último domingo (21) autuou um fazendeiro por desmatamento de área de preservação permanente (APP) da margem de um córrego em uma fazenda localizada na área rural do município.

Ao chegar ao local, os policiais constataram que o proprietário rural tinha autorização cedida pelo órgão ambiental para realizar um desmatamento na fazenda. No entanto, foi verificado que o infrator desmatou dois quilômetros de matas ciliares de um curso d’água, que é uma área protegida e não poderia ser desmatada. No total, 10,2 hectares de matas ciliares foram degradados.

A PMA interditou o desmatamento e multou o infrator em R$ 50.100,00. Além disso, o fazendeiro também irá responder por crime ambiental e caso seja condenado poderá pegar pena de uma a três anos de detenção.

O autuado também foi notificado a apresentar junto ao órgão ambiental Estadual um plano de recuperação da área degradada – PRAD.

Com informações da PMA

Noticias da Pecuaria


,23/06/2015 às 08:23

Altas no preço do frango vivo continuam na 2ª quinzena de junho

Na última semana, o preço do quilo do frango sofreu novo reajuste nos preços em São Paulo e em Minas Gerais. Em ambos os mercados, o produto sofreu alta de cinco centavos, passando para R$ 2,60/kg e R$ 2,70/kg respectivamente.

Com as últimas valorizações, a segunda quinzena de junho apresenta alta de 21% em relação ao primeiro dia do mês em São Paulo e uma elevação ainda maior em Minas Gerais, chegando a 42% de aumento. O que chama a atenção para esses aumentos é o período em que os mesmos ocorreram, já que tradicionalmente a segunda quinzena do mês é mercada pela desaceleração do mercado.

De acordo com o Avisite, nos últimos 21 anos (entre 1994 e 2014), no mercado paulista, o preço alcançado pelo frango vivo no mês de junho só não foi superior ao de maio em apenas quatro ocasiões, sendo que no momento, o preço encontrasse pouco mais de 10% acima do que o registrado no mês anterior.

Com informações do Avisite

Noticias da Pecuaria


,20/06/2015 às 08:43

Congresso Brasileiro de Soja acontece este mês em Florianópolis (SC)

Acontece entre os dias 22 e 25 de julho, no Centro de Convenções Centro Sul em Florianópolis (SC), a 7ª edição do Congresso Brasileiro de Soja (VII CBSoja). O congresso é considerado o principal evento no Cone Sul envolvendo todo o complexo de soja brasileiro e tem, entre seus objetivos, discutir com todos os participantes da cadeia produtiva os problemas, as possíveis soluções e as tendências do agronegócio da soja no Brasil e no mundo.

O evento tem como público alvo produtores de soja, pesquisadores, empresários, professores, profissionais da área de assistência técnica e planejamento agrícola, industriais, exportadores e acadêmicos. Além disso, o Congresso Brasileiro de Soja se destaca por reunir no mesmo local pessoas com alto grau de interesse em inovação e conhecimento, composto por lideranças e formadores de opinião.

Entre as atrações do CBSoja estão as mais de 70 palestras sobre a oleaginosa, painéis de discussão sobre os temas das palestras e a presença de importantes nomes da cultura da soja brasileira e mundial.

A 7ª edição do Congresso Brasileiro de Soja será realizada em conjunto com o Mercosoja 2015, evento que reúne públicos estratégicos da Argentina, Paraguai, Uruguai, Bolívia e países associados ao Mercosul.

Para mais informações sobre o Congresso Brasileiro de Soja e o Mercosoja 2015, basta acessar o site: www.cbsoja.com.br.

Noticias da Pecuaria


,19/06/2015 às 08:24

Argentina retira embargo a carne brasileira que já durava três anos

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) anunciou na última quarta-feira (17), a retirada do embargo argentino à carne brasileira. O embargo que já durava três anos, teve início em 2012 quando Mato Grosso teve um caso do mal da vaca louca confirmado no estado.

O Mapa ainda disse que a retirada do embargo aconteceu por conta do pedido do governo brasileiro ao Serviço de Sanidade e Qualidade Agroalimentar (Senasa) da Argentina, em reavaliar o caso.

Após reavaliar o episódio, o órgão argentino reconheceu que casos atípicos do mal da vaca louca, como o registrado no Brasil, podem acontecer em qualquer parte do mundo, sem acarretar risco de epidemia. Nesses casos, a doença se manifesta de forma esporádica e espontânea e não está relacionada à ingestão de alimentos contaminados.

Apesar do Brasil não exportar carne para a Argentina, o Ministério da Agricultura acreditava que o embargo era prejudicial a imagem da carne brasileira no exterior, o que comprometia oportunidades de negócios com outros países.

Com informações da Agência Brasil

MSN


,18/06/2015 às 08:22

Em uma década, casos de ferrugem asiática caem 92% em MS

Mato Grosso do Sul conseguiu reduzir nos últimos dez anos a incidência de casos de ferrugem asiática nas lavouras de soja do estado. De acordo com a Associação de Produtores de Soja e Milho de MS (Aprosoja/MS), entre 2005 e 2015, o número de registros do fungo foi reduzido em 92%.

E para a entidade, o bom resultado é fruto do comportamento dos mais de 10 mil produtores de soja do estado, que desde 2009 adotam o vazio sanitário como forma de proteção. Essa prática consiste em erradicar todas as plantas de soja existentes nas lavouras entre os dias 15 de junho a 15 de setembro, por meio de produtos químicos e equipamentos, para evitar a incidência da doença na entressafra.

A lei estadual sobre o vazio sanitário, que proíbe a semeadura da soja em Mato Grosso do Sul por 90 dias, tem como objetivo prevenir, controlar e auxiliar na erradicação da ferrugem, que é causada pelo fungo Phakopsora pachyrhizi Sydow e é uma das doenças que mais afetam as lavouras da oleaginosa.

Em 2005, foram registrados 246 casos de ferrugem asiática nas lavouras de MS, já na safra 2014/2015, esse número foi reduzido para apenas 19 casos da doença. O produtor que consegue evitar a entrada do fungo em suas lavouras garante maior produtividade, menor custo com o manejo e por consequência, mais lucro com o grão.

Com informações da Aprosoja/MS

Noticias da Pecuária


,17/06/2016 às 08:30

Brasil será livre da aftosa sem vacinação até 2025, diz Kátia Abreu

A ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Kátia Abreu, disse nesta terça-feira (16) que até 2025 o Brasil será reconhecido internacionalmente por parte da Organização Mundial de Saúde Animal (OIE) como área livre da aftosa sem vacinação. No entanto, para que isso se torne realidade, alguns pontos precisam ser melhorados.

Entre esses pontos está ser considerado totalmente livre da doença com vacinação em 2015, fazendo com que os estados de Amapá, Amazonas e Roraima tenha essa condição. A partir daí, em 2016 a meta é o país ser reconhecido mundialmente como livre da aftosa, com vacinação.

A ministra ainda acredita que ter esse reconhecimento internacional irá ajudar o Brasil a conquistar novos mercados para a carne bovina in natura brasileira. Atualmente, o país aguarda a abertura dos mercados dos Estados Unidos, Japão e Rússia nos próximos meses.

Com informações da Revista Globo Rural

Notcias da Pecuaria


,16/06/2015 às 08:38

Fazendas de cana em Costa Rica (MS) são atingidas por incêndio

O Corpo de Bombeiros de Costa Rica (MS) registrou no último domingo (14) oito focos de incêndio simultâneos atingiram fazendas de cana-de-açúcar que fornecem o produto para a usina Costa Rica, da Odebrech Agroindustrial. A brigada de incêndio da usina, equipes de empresas da região e o Corpo de Bombeiros fizeram o trabalho de controle do fogo que foi até à noite.

De acordo com o site Agrodebate, a empresa suspeita que os incêndios tenha sido criminosos, já que a região não sofreu com nenhum tipo de fenômeno climático que poderia provocar o fogo e por conta dos incêndios terem começado quase que todos ao mesmo tempo em vários locais diferentes. A Polícia Civil do município investiga o caso.

A Odebrecht Agroindustrial ainda não informou a área afetada pelos incêndios, porém relatou que a fumaça provocada pelo ocorrido podia ser vista de locais distantes 12 quilômetros da usina e que o trabalho de combate ao fogo mobilizou cerca de 100 pessoas.

A assessoria de imprensa da indústria ressaltou que todas as unidades da Odebretch Agroindustrial operam de maneira 100% mecanizada, quando não ocorre queima de cana em seus canaviais.

noticias da pecuaria


,15/06/2015 às 08:14

Dia de Campo do Projeto Biomas no Cerrado atrai bom público

Aconteceu no dia 29 de maio, na fazenda Entre Rios, localizada na região do Programa de Assentamento Dirigido do Distrito Federal (PAD-DF), o primeiro Dia de Campo do Projeto Biomas no Cerrado. O evento que tinha como tema “Plantio de árvores em propriedades rurais”, reuniu aproximadamente 200 pessoas, entre produtores rurais, técnicos e profissionais da área.

O Dia de Campo tinha como objetivo apresentar alternativas de uso das árvores para diversificar ganhos econômicos e ambientais nas propriedades rurais do Bioma Cerrado e contou com a apresentação de pesquisas da Embrapa, da Universidade de Brasília (UnB), da Universidade Federal de Goiás (UFG) e do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio).

Estas entidades desenvolvem experimentos em Área de Preservação Permanente (APP), Área de Reserva Legal e Área de Uso Alternativo do Solo (AUA). Ao todo, são 22 estudos com mais de 10,6 mil árvores de 87 espécies diferentes plantadas na natureza, e foi com base nesses trabalhos que foram realizados os debates no evento.

Um dos pontos altos do Dia de Campo foi o destaque dado para importância de o produtor recuperar a área nativa da propriedade com rentabilidade, sem abrir mão da sustentabilidade. Com isso, os produtores podem ganhar com a produção sustentável e preservar sua propriedade de maneira correta.

Com informações da Embrapa

Noticias da Pecuária


,13/06/2015 às 08:25

Gado de traficante arrecada R$ 3,3 milhões em leilão no MT

Aconteceu na última quarta-feira (10) em Cuiabá (MT), um leilão que vendeu mais de 1.600 cabeças de gado que pertenciam a um traficante. No total, foram arrecadados R$ 3,3 milhões com a venda dos animais, valor este que será revertido à Segurança Pública de Mato Grosso.

O gado leiloado foi encontrado na fazenda Asa Branca, localizada no distrito de Caramujo, em Cáceres (MT), local em que durante uma operação da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e do Grupo Especial de Fronteira (Gefron) realizado em novembro de 2014, foram encontrados 1.603 cabeças de gado e vários quilos de cocaína distribuídos em 152 pacotes.

Com isso, foi constatado que a fazenda, avaliada em R$ 9 milhões, e os bens ali encontrados eram fruto do tráfico de drogas. Após a avaliação e a prisão do traficante, a Justiça determinou em abril deste ano que todos os bens do preso fossem destinados ao Estado.

De acordo com o secretário do Estado de Segurança, Mauro Zaque, o valor arrecadado no remate será investido em armamentos, coletes, novas viaturas e equipamentos de inteligência para a polícia de Mato Grosso.

Com informações do Diário de Corumbá

Noticias da Pecuária


,11/06/2015 às 07:34

Terminação de boi a pasto é tema de ciclo de palestras em MS

Acontece no próximo dia 19, no auditório da Famasul em Campo Grande (MS), um ciclo de palestras com o tema “Terminação de boi a pasto”, realizado pela Phibro e pela Casale. O evento terá início a partir das 13h30 e também será marcado pelo lançamento do desafio “Na prática e dentro da minha fazenda”.

O ciclo de palestras conta com o apoio da Novilho Precoce MS e tem o número de vagas limitadas para quem quiser participar das palestras. Após a abertura oficial, o evento irá contar com a seguinte programação:

14h00 às 14h50 – Palestra “Remuneração por Qualidade”
A palestra será ministrada pelo médico veterinário e diretor técnico da Novilho Precoce MS, Antonio João de Almeida.

15h00 às 15h50 – Palestra “Tecnologia na Terminação do Boi a Pasto”
A atividade terá como palestrante o representante da Apta Colina, Flávio Resende.

16h00 às 16h30 – Beef Break

16h30 às 17h20 – Palestra “Custos operacionais e logísticas na suplementação”
Quem apresenta a palestra é Rogério Coan, fundador da Coan Consultoria.

17h30 às 18h20 – Palestra “Resultados econômicos”
A apresentação será feita pelo representante da Carta Agropecuária, Rogério Goulart.

18h30 – Coquetel e lançamento do desafio “Na prática e dentro da minha fazenda”.

Para mais informações basta entrar em contato com a Novilho Precoce MS pelo telefone: (67) 3324-7082.

Noticias da Pecuária


,10/06/2015 às 07:54

Fundems destinará R$ 744,8 mil para execução do Programa Soja Plus

O Programa Soja Plus da Associação dos Produtores de Soja de Mato Grosso do Sul (Aprosoja/MS), que existe desde 2013 e oferece ao produtor rural capacitação gratuita, irá receber R$ 744,8 mil em recursos do Fundo de Desenvolvimento das Culturas do Milho e da Soja do estado (Fundems) para que o programa seja desenvolvido na safra 2015/2016.

O Soja Plus oferece cursos sobre o novo Código Florestal, saúde e segurança no trabalho, visitas técnicas, dias de campo em fazendas modelo com o objetivo de melhorar a qualidade de vida e fazer com que os negócios dos pequenos produtores rurais tenham viabilidade econômica e responsabilidade social.

A aprovação da verba destinada ao Soja Plus foi publica na edição da última segunda-feira (8) do Diário Oficial do Estado, que determina que os recursos do Fundems sejam repassados a secretaria de Produção e Agricultura Familiar (Sepaf), que será a responsável por colocar a execução do programa em prática.

O Fundems é administrado por um comitê gestor formado por Aprosoja/MS, Famasul, Organização das Cooperativas Brasileiras em Mato Grosso do Sul (OCB/MS), da Sepf e da Secretaria estadual de Fazenda.

Com informações do Agrodebate

Noticias da Pecuaria


,09/06/2015 às 07:57

Arábia Saudita deve voltar a importar carne bovina brasileira

Na última semana, uma delegação de autoridades sanitárias da Arábia Saudita estiveram no Brasil em visita oficial para avaliar a reabertura do mercado daquele país à carne bovina “in natura” e enlatados brasileiros, inclusive seus derivados.

A Missão Veterinária da Saudi Food and Drug Authority (SFDA) visitou os estados do Pará, Mato Grosso e Pernambuco para analisar as atuais condições de estabelecimentos de carne bovina. O roteiro da delegação saudita contou com visitas a duas fazendas, um laboratório e seis frigoríficos.

As autoridades da Arábia Saudita ainda visitaram seis estabelecimentos de produção de aves, um laboratório e uma grana, com o intuito de coletar informações e avaliar o controle oficial brasileiro em relação à exportação de carne de aves para aquele país. A expectativa é que o país asiático amplie a importação desse produto.

No fim dessa semana, a delegação saudita irá se reunir com técnicos do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) para tratar da reabertura do mercado da Arábia Saudita ao Brasil.

Com informações do Mapa


,08/06/2015 às

Produção brasileira de soja deve atingir 95,5 mi de ton em 2014/15

A Safras & Mercado divulgou nesta terça-feira (2), uma estimativa para a produção brasileira de soja na safra 2014/2015. De acordo com a previsão, o Brasil deverá produzir 95,496 milhões de toneladas, o que representa um aumento de 10,2% em relação a safra anterior, que ficou em 86,623 milhões de toneladas.

A estimativa ainda aponta um crescimento de 6% na área plantada da oleaginosa, que ficaria em 31,728 milhões de hectares, frente a 29,917 milhões de hectares plantados na safra 2013/2014. Outro ponto que deve registrar aumento foi a produtividade média, que deve passar de 2.898 quilos por hectare para 3.025 quilos, elevação de 4,4%.

Entre os estados produtores, Mato Grosso do Sul deve registrar um aumento de 6% na colheita sobre a temporada anterior, com 27,851 milhões de toneladas a serem colhidas. Já o estado do Paraná, deve apresentar um crescimento de 16% frente a produção obtida em 2013/2014, com safra estimada em 17,206 milhões de toneladas.

Com informações da Safra&Mercado

Noticias da pecuaria


,05/06/2015 às 08:07

Planejamento pode ser o grande diferencial da safra 2015/2016

O próximo ciclo de plantio e colheita terá que enfrentar desafios como o crédito escasso, juros altos e preços no mercado internacional em queda. Por isso, um bom planejamento aliado ao comportamento do produtor diante do mercado irá definir se o mesmo terá como resultado da safra lucro ou prejuízo.

Pensando nisso, a Aprosoja/MS realiza no Parque de Exposições de Chapadão do Sul, mais uma etapa do Circuito Aprosoja que leva ao produtor rural diferentes temas com especialistas que oferecem orientações técnicas, agrônomas e financeiras, além de apresentar uma contextualização do mercado em âmbito nacional e internacional.

Um desses especialistas que participará do evento é o analista financeiro, Miguel Daoud que apresentará a palestra “Perspectiva para o agronegócio”, que irá mostrar ao produtor como realizar o planejamento e como utilizar a fórmula preço de venda x custo de produção.

O Circuito Aprosoja/MS faz parte da programação da 23ª Exposul – Exposição Agropecuária de Chapadão do Sul, que acontece entre os dias 3 e 7 de junho e é organizada pelo sindicato rural do município em parceria com a Federação de Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul (Famasul).

Com informações da Famasul

Noticias da Pecuária


,03/06/2015 às 11:35

Produção brasileira de soja deve atingir 95,5 mi de ton em 2014/15

A Safras & Mercado divulgou nesta terça-feira (2), uma estimativa para a produção brasileira de soja na safra 2014/2015. De acordo com a previsão, o Brasil deverá produzir 95,496 milhões de toneladas, o que representa um aumento de 10,2% em relação a safra anterior, que ficou em 86,623 milhões de toneladas.

A estimativa ainda aponta um crescimento de 6% na área plantada da oleaginosa, que ficaria em 31,728 milhões de hectares, frente a 29,917 milhões de hectares plantados na safra 2013/2014. Outro ponto que deve registrar aumento foi a produtividade média, que deve passar de 2.898 quilos por hectare para 3.025 quilos, elevação de 4,4%.

Entre os estados produtores, Mato Grosso do Sul deve registrar um aumento de 6% na colheita sobre a temporada anterior, com 27,851 milhões de toneladas a serem colhidas. Já o estado do Paraná, deve apresentar um crescimento de 16% frente a produção obtida em 2013/2014, com safra estimada em 17,206 milhões de toneladas.

Com informações da Safra&Mercado


,01/06/2015 às 08:10

Apresentação de Resultados da safra 2014/2015 continuam em junho

Dando sequência ao trabalho da apresentação de resultados das pesquisas sobre a safra de soja 2014/2015, a Fundação MS em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso do Sul (Senar/MS), irá passar por quatro cidades do estado com o intuito de esclarecer dúvidas dos produtores rurais sobre o manejo do nitrogênio, fertilidade do solo e controle de doenças nas plantas, por meio de estudos realizados ao longo do ano pela instituição.

Para chegar a esses dados, a Fundação MS tem utilizado o Sistema de Informações Geográficas do Agronegócio (Siga) que permite acompanhar o andamento do plantio e colheita de culturas como soja, milho, cana e algodão, além de obter previsões climáticas e viabilidade logística de grãos, pontos determinantes para uma boa safra.

Além da apresentação dos resultados da safra 2014/2015, o evento contará com palestras que abordarão temas como: manejo de pragas e doenças, uso de bioestimulantes na cultura da soja e recomendações para a próxima safra.

Confira abaixo a data e o local das próximas apresentações de resultados:

08 de junho – Sidrolândia
Local: Sede do Sindicato Rural do município às 8 horas.

10 de junho – Rio Brilhante
Local: Sede do Sindicato Rural do município às 9h.

11 de junho – Bonito
Local: Sede do Sindicato Rural do município às 8h.

19 de junho – Figueirão
Local: ExpoFig às 19h.

Para mais informações sobre os eventos basta acessar o site www.fundacaoms.org.br ou ligar no telefone (67) 3454-2631.

Com informações da Assessoria

Noticias da Pecuária


,30/05/2015 às 08:13

Mato Grosso do Sul confirma mais três casos de mormo em equinos

A Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal de Mato Grosso do Sul (Iagro/MS) confirmou na última quinta-feira (28) a ocorrência de mais três casos de mormo equino no estado. Os três novos casos foram registrados na mesma propriedade rural em que o primeiro caso da doença foi notificado, em Bela Vista (MS).

Os três animais foram sacrificados e incinerados e a propriedade permanecerá interditada até que haja confirmação da eliminação da doença no local. A confirmação dos novos casos veio após os resultados dos exames laboratoriais para detecção da doença realizados nos outros 57 animais da fazenda. Com isso, agora são quatro casos registrados de mormo em Mato Grosso do Sul.

Mais testes serão realizados nos animais da propriedade no intervalo de 45 a 90 dias.

Com informações do Agrodebate

Noticias da Pecuaria


,27/05/2015 às 07:46

9º Dia de Campo da Fazenda São Judas Tadeu acontece em junho

Acontece no dia 6 de junho, a partir das 8h30, na Fazenda São Judas Tadeu, localizada no KM 258 da BR-419 em Anastácio (MS), o 9º Dia de Campo da Fazenda São Judas Tadeu. O evento contará com duas palestras, apresentação de animais e o lançamento da parceria entre a propriedade rural e a Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul – Campus Aquidauana.

As palestras apresentadas aos participantes terão serão: “Nutrição – Importância Econômica” que será ministrada pelo zootecnista Antonio Lucio Gomes e “Como aumentar o rendimento do rebanho” apresentada pelo médico veterinário e diretor técnico da Genética Aditiva, Argeu Silveira.

De acordo com o sócio-proprietário da fazenda e organizador do evento, Claudio Zotesso, o 9º Dia de Campo da Fazenda São Judas Tadeu tem como objetivo difundir tecnologias ligadas à pecuária de fácil acesso para todos e promover a interação entre os participantes e os palestrantes.

“A expectativa é que de 180 a 200 pessoas participem do evento. Além disso, esperamos que um evento como esses possa ser responsável pela troca de experiências entre os participantes, fazendo com que os mesmos somem forças para driblar um pouco a crise que o país vem passando”, afirma Zotesso.

O sócio-proprietário ainda revelou que paralelo aos eventos voltados para o segmento da pecuária, será realizado mais uma vez um trabalho de distribuição de mudas de árvores nativas. Segundo ele, essa ação já é marca registrada do Dia de Campo e já foram dadas entre 2.500 a 3.000 mudas para quem prestigiou o evento.

Noticias da Pecuaria


,26/05/2015 às 08:38

Mês de maio terá exportação recorde de soja no Brasil

O mês de maio promete ser muito bom para as exportações brasileiras de soja. Existe a estimativa de que o país exporte o maior volume mensal da oleaginosa de sua história neste mês por conta da demanda externa aquecida e também em razão da colheita que bateu recordes na última safra.

Até o momento, a primeira quinzena de maio contou com um ritmo diário de embarques 13% superior ao de abril de 2014 (mês com maiores exportações), ocasião em que acontecia o auge do escoamento da última safra. Já em comparação ao mês de maio do ano passado, a alta é ainda maior, chegando a 29%.

Caso o ritmo da primeira quinzena seja mantido, existe a possibilidade do Brasil exportar 9,1 milhões de toneladas neste mês. Por conta dos atrasos no começo do ano, relacionados a greve dos caminhoneiros, o plantio atrasado por conta da seca e outros fatores, o mercado para exportação está agitado, é o que informou o analista de grão da Informa Economics FNP, Aedson Pereira.

A previsão é que até o fim do mês sejam embarcadas 3,15 milhões de toneladas de soja nos portos brasileiros, volume 32% maior do que o registrado no mesmo período do ano passado.

Com informações da Reuters

Noticias da Pecuaria


,04/05/2015 às 06:54

Empresa de melhoramento genético promove leilão de Gir e Girolando

Acontece na próxima segunda-feira (4), no Parque de Exposições Laucídio Coelho em Campo Grande (MS) o Leilão Virtual da Genética Aditiva Gir Leiteiro e Girolando. O remate irá oferecer 120 animais divididos em 73 lotes.

O leilão contará com transmissão do AgroCanal e os animais arrematados poderão ser pagos em até 24 vezes (2+2+2+2+2+14).

Entre os animais de destaque que serão oferecidos no Leilão Virtual da Genética Aditiva Gir Leiteiro e Girolando estão:

Lote 02 – REM 2, filha de Planet x Gueixa FIV de Brasília

Lote 05 – REM 5, filha de Planet x Gueixa FIV de Brasília

Lote 12 – REM 8, filha de Planet x Gueixa FIV de Brasília

Noticias da Pecuária


,02/05/2015 às 08:10

China deve reabrir seu mercado para carne bovina brasileira

A China deve reabrir o seu mercado à exportação de carne bovina do Brasil depois de quase dois anos e meio de embargo por questões sanitárias. A retomada das exportações deve ser anunciada no dia 19 de maio, ocasião em que o premiê chinês, Li Kegiang, visitará o Brasil.

O Brasil teve sua carne embargada pelo mercado chinês, que é o segundo maior mercado consumidor de carne bovina do mundo, em dezembro de 2012, quando um caso do mal da vaca louca (encefalopatia espongiforme bovina) foi detectado no Paraná.

Para que a reabertura do mercado chinês fosse concluída, o Brasil se comprometeu a tornar mais rígido o sistema de rastreabilidade dos animais abatidos para exportação e também que só bovinos com menos de 30 meses poderão ser exportados.

Atualmente, apenas oito frigoríficos brasileiros estão habilitados a exportar carne para a China. O Ministério da Agricultura divulgou em julho do ano passado um levantamento que mostra que com a reabertura deste mercado, as exportações brasileiras poderiam chegar a US$ 1,2 bilhão em 2015.

Com informações da Folha de São Paulo

Noticias da Pecuária


,29/04/2015 às 08:03

Famasul e Aprosoja/MS pedem prorrogação de prazo para o CAR

O Sitema Famasul – Federação de Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul e a Aprosoja/MS – Associação dos Produtores de Soja de Mao Grosso do Sul, seguindo os passos da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) encaminharam um ofício a Ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, solicitando a prorrogação do prazo para cadastramento no Cadastro Ambiental Rural que termina no próximo dia 7 de maio.

O Cadastro Ambiental Rural (CAR) é um instrumento fundamental para auxiliar no processo de regularização ambiental de propriedades e pessoas rurais e tem o objetivo de integrar as informações ambientais referentes à situação das APPs – Áreas de Preservação Permanente, das áreas de Reserva Legal, das florestas e dos remanescentes de vegetação nativa, das áreas de uso restrito e das áreas consolidadas das propriedades e posses rurais do país.

Apenas 10% das mais de 62 mil propriedades rurais localizadas em Mato Grosso do Sul formalizaram o cadastramento no CAR, por isso as entidades do estado entraram com o pedido de prorrogação. Entre os motivos alegados para tal adiamento, estão a incompatibilidade do sistema regional (Seriema) com o oferecido pelo governo federal (SICAR), a falta de conhecimento para realizar a declaração e o período de transição da administração estadual.

Caso o produtor rural não efetue o CAR, ele poderá sofrer sanções como impedimento de crédito rural, ficando assim irregular perante a legislação ambiental, o que é passível de multa.

Para realizar o cadastro, que é totalmente informatizado, basta acessar o site www.imasul.ms.gov.br.
Com informações da Famasul

Notícias da Pecuária


,27/04/2015 às 08:00

Safra 15/16 de soja deve ter alta de 30% no custo de produção em MS

Durante a realização do “Encontro de avaliação da safra da soja 2014/2015 e perspectivas para 2015/2016, em Mato Grosso do Sul”, realizado em Dourados na semana passada, a Embrapa Agropecuária Oeste alertou os produtores de soja para um possível aumento de até 30% no custo da produção de soja para a safra 2015/2016.

Em números reais, esse aumento faria com que o custo por hectare da produção passasse de R$ 43 para R$ 55,75. Entre as principais causas desse aumento estão a alta do dólar, o aumento do valor dos combustíveis e dos insumos.

Por conta desses aumentos, a Embrapa Agropecuária Oeste orienta que os produtores de soja deverão fazer o planejamento da safra com muito cuidado, pois somente dessa maneira será possível calcular corretamente o custo de produção. Além disso, o sojicultor também deve fazer um levantamento prévio dos preços dos insumos que serão utilizados na safra.

Outra medida cautelar que o produtor deve adotar é começar a acompanhar os preços da soja no mercado de futuro. Já que essas informações poderão possibilitar ao agricultor fazer um planejamento completo da safra.

Com informações do Agrodebate

Notícias da Pecuária


,25/04/2015 às 06:48

Show da Carcaça apresenta o que há de melhor na pecuária de MS

Foi realizada nesta quinta-feira (23), em uma unidade do frigorífico JBS em Campo Grande (MS), a 6ª edição do Show da Carcaça.


O evento deste ano teve como novidade a inclusão da raça Angus no abate técnico, atendendo a exigência do mercado que hoje pede uma carne especial, com mais maciez, sabor e suculência.

Esta edição do evento contou com a quebra de recordes de participação dos produtores e de animais inscritos. De acordo com a realizadora do Show da Carcaça, a Associação Sul-mato-grossense de Produtores de Novilho Precoce, participaram 50 produtores, com mais de 2 mil animais, divididos em 68 lotes.

Outro ponto que chama à atenção para esta edição é a renovação da parceria entre a JBS e a Novilho Precoce MS que fará com que parte do volume abatido no Show da Carcaça seja destinado a 77ª edição da Exposição Agropecuária de Campo Grande, fazendo com que a carne Friboi seja a carne oficial da Expogrande.

O Diretor Regional de Originação da JBS, Eduardo Pedroso, revelou que “O Show da Carcaça é a grande mostra da qualidade da carne de Mato Grosso do Sul e esse tipo de evento se torna cada vez mais necessário para atender as exigências do consumidor. E é essa carne de qualidade que nós iremos oferecer para o nosso consumidor”, afirma o diretor regional.

Pedroso ainda falou da importância da parceria entre a JBS e a Expogrande que destinará a carne obtida no abate das novilhas para a feira agropecuária. “Vemos em várias regiões do Brasil festas para comemorar o resultado da colheita. Temos a festa do milho, do morango, da uva e várias outras. Porque não fazer da Expogrande uma festa da boa carne? E é por isso que toda a carne do evento, desde o recheio dos pastéis até os espetinhos, terá a qualidade JBS”, assegura.

Para avaliar os lotes no abate técnico, o Show da Carcaça trouxe aquele que é considerado um dos melhores avaliadores de gado do Brasil, o médico-veterinário e professor da Unicamp, Dr. Pedro de Felício. Os animais foram avaliados em três critérios: acabamento, idade e peso.

O professor revelou que esta é a terceira vez que ele vem a Campo Grande para participar do Show da Carcaça e se surpreendeu com os animais inscritos. “Das três vezes que estive aqui, este é o melhor gado que já avaliei. Todos os lotes apresentaram animais novos, pesados e castrados, o que é ótimo. Os produtores fizeram com que estes animais se tornassem uma meta a ser atingida no futuro, tendo em vista que este gado é extraordinário”, exaltou o professor.

Para o presidente da Novilho Precoce MS, Carlos Furlan, o Show da Carcaça acontece para expor a qualidade da pecuária do estado para todo o Brasil. “Esta edição nos surpreendeu porque estamos vendo animais de extrema qualidade cada vez mais novos indo para o abate e com isso os produtores associados que estão participando do evento trouxeram o que há de melhor em suas propriedades. A avaliação dos julgadores irá servir para que os pecuaristas saibam como está o sistema de produção de cada um, caso haja uma ótima avaliação ele saberá que está no caminho certo. Já se tiver uma avaliação mediana, ele saberá quais pontos deverão ser aprimorados para as próximas edições”, explica o Furlan.

Falando em produção, o zootecnista Márcio Alves Ribeiro, que realizou a consultoria nutricional para o lote do pecuarista Waldir Daros, mostrou confiança em uma possível boa avaliação do gado por parte dos julgadores. “Sabemos que todo mundo traz o que tem de melhor e foi isso que nós buscamos ao trazer este lote. A preparação para os animais da fazenda começa desde as matrizes, quando utilizamos insumos para que elas produzam mais leite para os bezerros. O grande diferencial deste lote foi a imunocastração utilizando Bopriva e o uso da gordura nos animais para buscar o melhor acabamento possível dos animais. Se esse lote não ganhar, vai chegar perto”, conta Márcio.

Premiação

O resultado do abate técnico e a premiação dos melhores produtores serão anunciados no dia 4 de maio, a partir das 19h30, no auditório da Famasul. Os cinco melhores da cada categoria (macho e fêmea), além do produtor destaque na imunocastração, ganharão uma viagem para os Estados Unidos no segundo semestre deste ano com roteiro técnico desenvolvido pela Novilho Precoce MS e o Frigorífico JBS.

Notícias da Pecuária


, às


, às


,18/04/2015 às 08:48

Exposição em MS terá dia de campo voltado a pecuária natural

A Exposição Agropecuária de Campo Grande, a Expogrande, terá um dia de campo voltado a pecuária natural. O evento será realizado no dia 25 de abril, na fazenda Baía do Roseiro, no Pantanal de Rio Verde. A propriedade é do criador Renê Nogueira Ávila.
Segundo a Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul (Acrissul), a fazenda escolhida trabalha com um conceito de pecuária natural, criando extensivamente no meio ambiente rústico pantaneiro, utilizando animais da raça nelore a pasto, e desmamando bezerros na faixa de 300 quilos.

O dia de campo começará as 7h30 com um café da manhã para os participantes, seguido do credenciamento e palestra do doutor em zootecnia pela Universidade Federal de Viçosa e diretor técnico da Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA), Flávio Dutra de Resende.
Após a palestra será a visita técnica. Nesta etapa, vão conhecer o sistema de produção que elimina a recria, onde o bezerro sai diretamente da desmama para a engorda. Na desmama de 2014 os animais pesavam em média 298 kg, e tiveram ganho diário, de maio a dezembro, de cerca de 0,612 kg e, de dezembro a fevereiro de 0,872 kg.
Na avaliação do presidente da Acrissul, Francisco Maia, o trabalho na fazenda Baía do Roseiro prova que se aliando sanidade, nutrição e genética é possível melhorar a produtividade, ter lucro na pecuária e ainda desenvolver um atividade de forma totalmente sustentável.

G1


,14/04/2015 às 17:30

Frentes frias podem causar prejuízo para o milho safrinha

Com 30% da área de milho safrinha plantada em Mato Grosso do Sul fora do prazo recomendado pelo Zoneamento Agroecológico do Estado, os riscos de agentes naturais causarem prejuízos na lavoura cresceu significativamente.

O prazo dado pelo Zoneamento Agroecológico de Mato Grosso do Sul é estipulado para que os produtores possam evitar a falta de chuva, frio mais intenso e as geadas. De acordo com o Centro de Monitoramento do Clima e dos Recursos Hídricos do Estado, durante o mês de maio fortes frentes frias irão entrar no Brasil, sendo que três delas poderão chegar a Mato Grosso do Sul.

Já em relação às chuvas, a previsão é que fiquem abaixo da média histórica na região sul, sudeste e sudoeste. Isso indica que pode acontecer maior ou menor estresse hídrico nas regiões. Ainda não é possível afirmar em que grau esse estresse hídrico poderá ou não prejudicar as plantas do milho nas lavouras.

De acordo com uma estimativa da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), Mato Grosso do Sul deve colher 8,368 milhões de toneladas de milho neste ciclo.

A matéria completa você encontra no Jornal Correio do Estado, no caderno Correio Rural do dia 13 de abril.

Com informações do Correio do Estado


,14/04/2015 às 17:30

Frentes frias podem causar prejuízo para o milho safrinha

Com 30% da área de milho safrinha plantada em Mato Grosso do Sul fora do prazo recomendado pelo Zoneamento Agroecológico do Estado, os riscos de agentes naturais causarem prejuízos na lavoura cresceu significativamente.

O prazo dado pelo Zoneamento Agroecológico de Mato Grosso do Sul é estipulado para que os produtores possam evitar a falta de chuva, frio mais intenso e as geadas. De acordo com o Centro de Monitoramento do Clima e dos Recursos Hídricos do Estado, durante o mês de maio fortes frentes frias irão entrar no Brasil, sendo que três delas poderão chegar a Mato Grosso do Sul.

Já em relação às chuvas, a previsão é que fiquem abaixo da média histórica na região sul, sudeste e sudoeste. Isso indica que pode acontecer maior ou menor estresse hídrico nas regiões. Ainda não é possível afirmar em que grau esse estresse hídrico poderá ou não prejudicar as plantas do milho nas lavouras.

De acordo com uma estimativa da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), Mato Grosso do Sul deve colher 8,368 milhões de toneladas de milho neste ciclo.

A matéria completa você encontra no Jornal Correio do Estado, no caderno Correio Rural do dia 13 de abril.

Com informações do Correio do Estado


,09/04/2015 às 08:25

Programa Geneplus Embrapa apresentará resultados em MS

Serão apresentados entre os dias 13 e 17 de abril, durante o 3º Circuito Geneplus Embrapa, que passará por propriedades rurais nos municípios de Terenos, Dois Irmãos do Buriti, Miranda e Corumbá, os resultados do Programa Embrapa de Melhoramento de Gado de Corte – Geneplus.

Criadores da Bahia, Mato Grosso, Pará, Paraná, Rio de Janeiro, São Paulo e Tocantins já cofirmaram presença no Circuito e poderão ver de perto a assessoria oferecida pelo Programa Geneplus nestas fazendas.

O objetivo do Programa Geneplus da Embrapa é auxiliar o criador de gado de corte em suas tomadas de decisão na execução da seleção, na elaboração de planos de acasalamento e no suporte de atividades de comercialização. Para isto, disponibiliza as avaliações genéticas de reprodutores, matrizes e produtos.

Assim, o programa presta um serviço especializado e único de melhoramento genético animal para cada produtor. Atualmente o Geneplus atende associações e criadores das raças zebuínas (nelore e sua variedade mocha, guzerá e brahman), taurinas (caracu, hereford, limousin e senepol) e compostas (brangus, braford, canchim e santa gertrudis) em vários estados brasileiros, na Bolívia e no Paraguai.

Com informações da Rica Comunica


,08/04/2015 às 07:59

MS encerra nesta semana colheita da safra 2014/2015 de soja


As informações são do Siga – Sistema de Informação Geográfica do Agronegócio, ferramenta de monitoramento da Aprosoja/MS.


Até o final da semana Mato Grosso do Sul deve concluir a colheita da safra 2014/2015 de soja. De acordo com o Siga – Sistema de Informação Geográfica do Agronegócio, ferramenta de monitoramento da Aprosoja/MS, a estimativa é que 6,6 milhões de toneladas do grão sejam colhidas, número esse que garante safra recorde no Estado e a posição de quinto maior produtor de soja do país.

Apesar da safra recorde, o número fica atrás da estimativa inicial de grãos colhidos feita no início do ciclo, quando a previsão era de 6,8 milhões de toneladas. O levantamento foi realizado após a Aprosoja/MS ter acompanhado lavouras de soja em 27 municípios, levantando dados quantitativos e qualitativos da safra.

Para o presidente da instituição, Mauricio Saito, o crescimento desta safra comparada com a do ano passado ficará em torno de 10%, já que a volume do último ciclo foi de 6 milhões de toneladas.

Mato Grosso do Sul tem uma área total de plantio de soja de 2,3 milhões de hectares, distribuída em 64 municípios que cultivam a oleaginosa. Além do volume total, a Aprosoja também prevê, de acordo com o seu levantamento, uma produtividade média de 49 sacas por hectare, também superior aos números do ano passado.

Com informações da Famasul


,07/04/2015 às 08:14

Acrissul acelera preparativos para a Expogrande 2015

Investimentos de pelo menos R$ 500 mil foram feitos para dar maior comodidade aos visitantes, expositores e produtores rurais que forem participar da Expogrande.



A Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul), promotora da Expogrande 2015, feira que acontece entre os dias 23 de abril a 3 de maio no parque de exposições Laucídio Coelho em Campo Grande está realizando uma série de reformas e melhorias no local do evento para atender com mais comodidade visitantes, expositores e produtores rurais que forem participar do evento.

Entre as reformas estão a demolição de construções antigas que ficavam às margens da pista de julgamentos, obras para atender ao Plano de Segurança Contra Incêndio e Pânico do Corpo de Bombeiros (PCSIP).

Com a derrubada das construções antigas, o espaço para o público que irá a Expogrande para acompanhar os shows irá aumentar, fazendo com que as pessoas possam transitar com mais conforto e em também em maior segurança.

Já para atender as exigências do Corpo de Bombeiros, a Acrissul calcula um investimento de pelo menos R$ 500 mil que se deu na instalação de 10 novos hidrantes, 69 extintores de água, 23 extintores de pó químico e 60 luminárias de emergência, além de duas caixas d’água de 12 mil litros para atender apenas os hidrantes. Além disso, novas placas indicativas de matéria fotoluminescente também foram adquiridos.

Os novos equipamentos foram distribuídos em todo o parque de exposições, incluindo todos os pavilhões e baias dos animais e os dois tatersais de leilão, além dos prédios da administração do Iagro (Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal) e Agenfa (Agência Fazendária de Mato Grosso do Sul) que operam no local.

Notícias da Pecuária


,06/04/2015 às 07:46

Programa Senai Carne Vermelha chega a Aquidauana (MS)

Com 32 atendimentos e a adesão de mais 48 empresas de 12 cidades em 2014, programa se consolida em Mato Grosso do Sul.


Com foco na valorização da carne vermelha, valorizando e fortalecendo os elos da cadeia produtiva da carne em Mato Grosso do Sul, o Programa Senai Carne Vermelha, chegou a Aquidauana (MS) oferecendo cursos de qualificação profissional básica, aperfeiçoamento profissional e palestras de sensibilização do consumidor final. A Casa de Carnes São Francisco foi a empresa que recebeu os orientações da equipe do programa.

Além da consultoria, a equipe do Senai irá participar de uma clínica tecnológica para divulgar as ações do programa Carne Vermelha no próxima dia 13 de abril, na Associação Comercial de Aquidauana. Depois disso, a equipe permanece no município ente os dias 14 e 18 de abril realizando visitas técnicas em pelo menos 10 casas de carnes locais.

De acordo com a assessoria de relacionamento com o mercado do Senai do Estado, o Programa Senai Carne Vermelha tem alcançado seu objetivo, sendo perceptível logo após as consultorias mudanças nos estabelecimentos comerciais como por exemplo, melhora na disposição dos produtos no balcão, ofertas de cortes diferenciados e embalagens mais adequadas.

O Programa Senai Carne Vermelha atingiu em 2014 todos os segmentos da cadeia produtiva da carne, indo de frigoríficos até restaurantes especializados em carnes. O programa ofereceu consultorias, treinamentos e palestras indicando os melhores cortes, forma correta de manipulação e higiene.

No ano passado foram 32 atendimentos concluídos em empresas do Estado e mais 48 empresas de Campo Grande, Corumbá, Coxim, Bonito, Dourados, Jardim, Paranaíba, Maracaju, Rio Verde, Ribas do Rio Pardo, Sidrolândia e Naviraí aderiram ao Programa.

Serviço – Para mais informações sobre o Programa Senai Carne Vermelha basta ligar no telefone (67) 3389-9077.

Com informações da Assessoria

Notícias da Pecuária


,02/02/2015 às 08:08

PMA inicia Operação Semana Santa

A Operação Semana Santa teve início nesta quarta-feira (1º) e irá continuar até as 8h da próxima segunda-feira (6).



A Polícia Militar Ambiental deu início as 14h desta quarta-feira (1º) à “Operação Semana Santa”, que contará com um efetivo de 280 homens. A operação que vai até as 8h da próxima segunda-feira (6) visa intensificar a fiscalização contra a pesca predatória durante o feriado da Semana Santa, por conta da tradição religiosa de se consumir peixe durante esse período.

Por conta do feriado, o número de turistas de fora do estado e de outras regiões de Mato Grosso do Sul aumenta significativamente nos rios e para isso a fiscalização precisa estar ainda mais presente no intuito de se prevenir não só a pesca predatória, mas também crimes contra a fauna, extração e transporte de madeira e carvão ilegais e outros crimes ambientais.

Os comandantes das 25 subunidades da PMA estarão intensificando a fiscalização em suas respectivas áreas, realizando visitas às propriedades rurais. Além disso, três equipes de Campo Grande estarão itinerantes, em áreas mais críticas, fiscalizando todos os tipos de crimes e infrações ambientais.

Durante a “Operação Semana Santa” do ano passado, foram apreendidos 239 kg de pescado, 18 pessoas autuadas, sendo 14 por pesca ilegal. As multas chegaram a R$ 165.000,00. Para obter mais informações sobre pesca e outras informações ambientais basta acessar o site da PMA, www.pma.ms.gov.br.

Com informações da PMA

Notícias da Pecuária


,31/03/2015 às 08:15

Tecnoshow acontece em Rio Verde (GO) entre os dias 13 e 17 de abril

Acontece entre os dias 13 e 17 de abril, no Centro Tecnológico da Cooperativa Agroindustrial dos Produtores Rurais do Sudoeste Goiano - COMIGO em Rio Verde (GO), a 14ª edição da Tecnoshow Comigo. O evento que tem como marca registrada a diversidade e ser uma grande vitrine de tecnologias para o homem do campo, espera superar todas as marcas da feira do ano passado.

Com atividades como plots agrícolas, comercialização de máquinas e equipamentos agropecuários, palestras técnicas e econômicas, educação ambiental e dinâmicas de máquinas, a Tecnoshow espera ultrapassar a marca de R$1,4 bilhão em comercialização atingida no ano passado.

Outra atração da 14ª edição da Tecnoshow é o Dia do Meio Ambiente, onde acontecerão diversas ações como a entrega do Prêmio Gestão Ambiental, distribuição de mudas de espécies nativas, circuito ambiental e durante os cinco dias de feira, a área de assessoria ambiental do evento realizará a coleta seletiva dos resíduos sólidos e materiais recicláveis.

Serviço

A 14ª edição da Tecnoshow Comigo acontece entre os dias 13 e 17 de abril, no Centro Tecnológico da Cooperativa Agroindustrial dos Produtores Rurais do Sudoeste Goiano - COMIGO em Rio Verde (GO).

Para mais informações é só acessar o site www.tecnoshowcomigo.com.br.





,30/03/2015 às 08:00

Beef Nobre pode ser arrendado pelo grupo JBS

Depois de demitir 400 funcionários alegando dificuldades financeiras, o frigorífico pode acabar sendo arrendado pelo grupo JBS.




Depois da notícia de que o frigorífico Beef Nobre demitiu 400 funcionários e deixaria de funcionar a partir do dia 14 de abril, existe a informação de que o grupo JBS estaria negociando o arrendamento do frigorífico de Campo Grande.

De acordo com o site MS Notícias, a JBS pretende arrendar o frigorífico para mantê-lo fechado, prática conhecida no mercado que tem como objetivo diminuir a concorrência, o que gera indiretamente, monopólio.

A Beef Nobre enfrentou uma investigação da Polícia Federal que descobriu um esquema de fraude tributária que causou um rombo de R$ 200 milhões de reais aos cofres públicos, a investigação ficou conhecida como Operação Labirinto de Creta, que desarticulou um dos maiores esquemas de lavagem de dinheiro e sonegação fiscal de Mato Grosso do Sul.

Com informações do MS Notícias

Noticias da Pecuaria


,26/03/2015 às 08:10

MS está na reta final da colheita da safra 2014/2015 de soja

A expectativa é que a colheita seja terminada em sua totalidade em até dez dias.



Com 95% da colheita da safra 2014/2015 de soja já concluída, Mato Grosso do Sul, atual quinto maior produtor da oleaginosa do país, se aproxima de concluir a colheita. De acordo com a ferramenta da Aprosoja/MS, o Siga – Sistema de Informação Geográfica do Agronegócio, se o clima for favorável, em dez dias a safra deverá ser colhida em sua totalidade.

Atualmente, foram colhidos 2,1 milhões de hectares do total da área plantada de 2,3 milhões de hectares em Mato Grosso do Sul. De todo o estado, a região Sul é a mais adiantada na colheita. Vicentina, Laguna Caarapã, Juti, Itaporã, Dourados e Douradina já concluíram o processo, enquanto Aral Moreira e Amambai registram 99% e Caarapó com 98%.

Já na região Norte, Costa Rica e Chapadão do Sul tem 97% de área colhida e Nova Alvorada do Sul está com 96%. Esses números são explicados pelo clima, a altitude e outras características da região Norte, que fizeram com que houvesse um atraso no início da colheita.

De acordo com o analista técnico da Aprosoja/MS, Leonardo Carlotto, enquanto no dia 26 de setembro, cinco municípios da região Sul iniciaram a semeadura, no Norte do Estado apenas três plantavam. “No dia 3 de outubro, o Sul registrava 2,5% e o Norte não atingia 0,5% da área plantada”, explica.

Com informações da Famasul

Notícias da Pecuária


,24/03/2015 às 08:18

37º Leilão Nelorão do MS acontece neste sábado em Campo Grande

Acontece neste sábado, às 12h, na Estância Orsi em Campo Grande, a 37ª edição do Leilão do Nelorão. Durante o evento que leiloará reprodutores Nelore PO padrão da mais alta qualidade também acontecerá o 20º Leião Nelorão de Matrizes.

O pagamento dos animais adquiridos durante os leilões poderão ser feitos à vista com 15% de desconto, em 14 parcelas (2+2+2+8) com 7% de desconto ou em 24 parcelas (2+2+18+2).

A transmissão dos leilões será feita pela Correa da Costa, podendo ser acompanhada pelo site www.correadacosta.com.br.

Para mais informações e reservas de mesa, basta ligar nos telefones (67) 3325-7777 ou (67) 3384-2108.

Notícias da Pecuária


,23/03/2015 às 08:00

Confira a programação musical da Expogrande 2015

As atrações musicais da Expogrande 2015 já estão definidas. E este ano grandes nomes da música brasileira e nos mais variados estilos musicais estarão presentes, indo do sertanejo as musicas infantis.

A Expogrande 2015 acontece entre os dias 23 de abril e 03 de maio no parque de exposições Laucídio Coelho em Campo Grande. Os ingressos para as atrações musicais já estão à venda no Gugu Lanches e no Shopping Norte Sul.

Confira a agenda das atrações musicais da Expogrande 2015:

24 de abril – Banda Malta e Bella Xu

25 de abril – Thiaguinho e Vini Barreto

27 de abril – Patrícia e Adriana, Gilson e Junior, João Haroldo e Betinho (entrada franca)

30 de abril – Gusttavo Lima

1º de maio – Bruninho e Davi e Matheus e Kauan

2 de maio – Zezé Di Camargo e Luciano e Almir Sater (ingressos diferenciados)

3 de maio – Patati Patatá

Para mais informações basta ligar no (67) 3025.4006

Notícias da Pecuária


,20/03/2014 às 08:10

Doma racional é tema de curso em Corumbá

A qualificação acontece entre os dias 24 e 28 de março na fazenda Nazaré.


Acontece entre os dias 24 e 28 de março, na fazenda Nazaré em Corumbá (MS), o curso de doma racional. A qualificação que é oferecida pelo Senar/MS (Serviço Nacional de Aprendizagem Rural) em parceria com a Fetagri (Federação dos Trabalhadores na Agricultura) tem como objetivo ensinar as técnicas corretas de como domar equinos.

O curso também pretende mostrar ao participante locais adequados para a doma, técnicas de como utilizar o cabresto, medidas de segurança, desenvolvimento da andadura do animal entre outras técnicas.

A qualificação é gratuita e as inscrições podem ser feitas no site www.senarms.org.br.

Notícias da Pecuária


,17/03/2015 às 07:40

PMA autua empresa em R$ 8 mil por transporte ilegal de agrotóxico

Policiais Militares Ambientais de Costa Rica (MS) foram chamados no último sábado (14) pela Polícia Civil da cidade para averiguar uma carga de agrotóxicos, que estava sendo transportada sem autorização ambiental.
De acordo com a assessoria de comunicação da Polícia Militar Ambiental, um caminhão baú Mercedes Benz estava transportando 4.000 litros de agrotóxicos, sendo 2.000 litros da marca SIPTRAN 500 SC e 2.000 litros de marca CONNECT SC 112,5, conforme nota fiscal de saída da empresa de São Gabriel do Oeste (MS), com destino a filial na cidade de Alto Taquari (MT).
No entanto, apesar dos produtos serem autorizados no Brasil, não havia licença ambiental para o transporte destes agrotóxicos, embora apresentasse alto risco ao meio ambiente. Além disso, o veículo não apresentava as identificações com relação a todos os símbolos para transporte de produtos perigosos conforme as normas técnicas e a legislação ambiental.
A PMA lavrou um auto de infração administrativo contra a empresa infratora com uma multa estipulada em R$ 8 mil e o material e o veículo foram apreendidos e permanecem na delegacia de Polícia Civil de Costa Rica. Os responsáveis pela empresa irão responder por crime ambiental, podendo pegar de um a quatro anos de reclusão.
Com informações da PMA

Notícias da Pecuária


,16/03/2015 às 07:53

Leilão vende égua da raça Crioula por R$ 185 mil

A Cabanha Charqueada promoveu na última quinta-feira (12) remate no qual foram comercializados 43 lotes de cavalos da raça Crioula.




O faturamento do evento atingiu R$ 957 mil.

Destaque para a égua Chilena da Charqueada, vendida por R$ 185 mil para a Cabanha Villa Matarazzo, de Amparo (SP).

Premiada com o Bocal de Bronze, Chilena foi comercializada com um potro ao pé de Índio do Boeiro e com prenhez de JLS Hermoso, dois dos garanhões mais importantes da raça Crioula na atualidade.

O leilão foi realizado no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio (RS).
Com informações assessoria de imprensa

Notícias da Pecuária


,13/03/2015 às 08:00

Vendas da JBS atingiram R$ 120 bilhões em 2014, revela site

O site Exame.com divulgou nesta quinta-feira (12) dados sobre o crescimento da JBS no ano passado.

Segundo a reportagem as vendas tiveram um crescimento de 30%, totalizando R$ 120 bilhões de reais.

O ebitda (lucros antes de juros, impostos, depreciação e amortização) foi de 11,1 bilhões de reais, alta de 81% na comparação com 2013. O lucro da JBS cresceu 120% para 2 bilhões de reais no período.



Com informações Exame

Notícias da Pecuária


,11/03/2015 às 08:34

Complexo frigorífico de MS registra queda nas exportações

Um dos motivos da queda foi a redução de compra de carne produzida no estado por importantes mercados como a Rússia.



Os dois primeiros meses do ano não foram satisfatórios para a comercialização de produtos industrializados. A receita que era de US$ 507,3 milhões no mesmo período do ano passado obteve uma queda de 11,2%, passando para US$ 450,3 milhões.

As informações são do Radar Industrial da Federação das Indústrias do Estado de Mato Grosso do Sul - Fiems.

O "Complexo Frigorífico" foi um dos principais responsáveis pela queda no montante. A exportações reduziram 27,1%. No mesmo período em 2014 a receita da exportação foi de US$ 190,8 milhões. Neste ano o valor atingido foi de US$ 139 milhões.

Segundo o Radar Industrial, uum dos motivos seria a redução de compra por importantes mercados como a Rússia, Irã, Arábia Saudita e Chile.

Saiba como ficou a exportação de outros produtos industrializados produzidos no MS:

Papel Celulose: Queda de 4,6%. Receita passou de US$ 172,5 milhões para US$ 164,5 milhões.

Óleos Vegetais: Queda de 52%. No mesmo período em 2014 a receita obtida foi de US$ 34,3 milhões. Em 2015 o valor registrado foi de US$ 16,5 milhões.

Couros e Peles: Queda de 17,1%. Receita registrada de US$ 29,7 milhões contra US$ 24,6 milhões neste ano.
Com informações Fiems


,09/03/2015 às

Novilho MS divulga programação de seminário em Bonito (MS)

Entre os dias 20 a 22 de março, o Zagaia Eco Resort, em Bonito, sediará o encontro entre associados e representantes da Novilho Precoce MS.



Durante o evento serão realizadas palestras técnicas de atualização, troca de experiências entre pecuaristas, além da premiação dos melhores do ano de 2014.

Confira a programação:

20 de março (sexta-feira)

14h00 - Check-in;
17h30 - Coquetel de Boas Vindas;
21h00 - Jantar.

21 de março (sábado)

8h00 - Abertura; Com Carlos Furlan - Presidente da Novilho MS
Tema: Balanço 2014 e projetos para 2015

08h30 - Palestra com Danilo Grandini, Zootecnista e Diretor Unidade de Negócios - Bovinos | Phibro Animal Health
Tema: Fatores que Interferem no rendimento de carcaças e a importância do rendimento de ganho

09h15: Palestra com João Ernani Barboza Duarte, Engenheiro Agrônomo, consultor do Sebrae e instrutor do Senar
Tema: A importância do manejo racional e bem estar animal.

10h00: Palestra com Antonio Camardelli, médico veterinário e Presidente da ABIEC
Tema: Mercado exportador e seus desafios - lista trace e cota hilton

10h45: Perguntas

11h00: Palestra com Eduardo Riedel, Secretário de Governo e Gestão Estratégica do MS
Tema: Palestra Governo Federal

11h30: Almoço

13h30: Entrega do Prêmio Produtor Qualidade 2014

14h00: Palestra com Mauricio Palma Nogueira, Engenheiro Agrônomo, Coordenador da divisão de pecuária da Agroconsult
Tema: Cenário da pecuária no Brasil e no MS

14h45: Perguntas

15h00: Palestra com Luis Tejon, Jornalista e Publicitário
Tema: Motivação

16h30 Encerramento

21h00: Jantar

22 de março (domingo)

Dia livre
14h Check-out.

Mais informações e inscrições: (67) 3324-7082.

Noticias da Pecuaria


,05/03/2015 às

Macal promove palestra sobre produtividade em Camapuã (MS)

A Macal, empresa de nutrição animal, realiza no dia 19 de março em Camapuã (MS) a palestra "A construção do boi que o mercado quer - Produtividade x Rentabilidade".

Ministrada pela equipe de consultores da Macal, a palestra é direcionada para pecuaristas que buscam ter melhores resultados dentro de suas propriedades.

"Iremos abordar o que o mercado espera em relação à produção de carne bovina, no sentido do animal que o pecuarista entrega para a indústria frigorífica, qual é melhor remunerado? Por que? Quais os programas de incentivo? Como "construir" esse boi que o mercado remunera melhor? Falaremos do uso da suplementação como ferramenta estratégica na "construção" de boi, relação benefício x custo, etc", revela o gestor do PEC da Macal, Renan Forti.

Serviço:

Palestra Macal
Data: 19 de março
Horário: 15h00
Local: Câmara Municipal de Camapuã

As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelos telefones: (67) 9998-0402 (c/ Renan Sartori) ou (67) 9870-3821 (c/ Renan Forti).

Participe!

Noticias da Pecuária


,04/03/2015 às

Mapa divulga ações para beneficiar produtores de leite no país

O Minstério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) realizou reunião na última semana para discutir ações para beneficiar os produtores de leite dos estados de Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Goiás, Minas Gerais e Paraná.



Um novo programa irá contemplar tanto os pequenos produtores quanto os grandes dos cinco estados citados acima.

Na reunião foram apresentados os seguintes pontos do programa:

1) Medidas para a erradicação da brucelose e da tuberculose no rebanho leiteiro.

2) Criação de um fundo indenizatório para eventuais abates decorridos da tuberculose bovina, doença incurável e transmitida pelo ar. A única forma de controle é o abate.

3) Melhoramento genético do rebanho por meio de inseminação artificial e fertilização in vitro a fim de aumentar a produtividade.

4) Fornecer assistência técnica e colocar à disposição dos agricultores pacotes tecnológicos capazes de atender a diferentes volumes de produção.

5) Criação de novos laboratórios de análise da qualidade do leite.

6) Melhores condições na aquisição de crédito para custeio e investimento.

7) Marco regulatório para o setor.
Com informações Mapa

Notícias da Pecuária


,02/03/2015 às 07:46

África do Sul retoma exportações de carnes bovina e suína do Brasil

A África do Sul havia embargado a entrada desses produtos em 2005, pela ocorrência de febre aftosa e em 2012, pelo caso atípico de encefalopatia espongiforme bovina (EEB) no Brasil.



O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) divulgou na última quinta-feira (26) a decisão das autoridades sanitárias da África do Sul e abrir mercado para as exportações de carnes bovina e suína produzida no país.

O trabalho de reabertura de mercado é vitória dos esforços conjuntos do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e do Ministério das Relações Exteriores (MRE).

Com a abertura do mercado sul-africano para esses produtos, o Mapa espera que o Brasil consiga exportar US$ 7 milhões anuais em carne suína e US$ 12 milhões em carne bovina.
Com informações Mapa

Notícias da Pecuária


, às


, às


,26/02/2015 às

Aumenta o piso salarial do trabalhador rural em MS

Entra em vigor a partir do dia 1º de março o reajuste de 8,92% no piso salarial do trabalhador rural de Mato Grosso do Sul.



O valor passará a ser R$ 855, substituindo o atual de R$ 785.

O reajuste foi acordado em reunião realizada na última terça-feira (24), na sede da Famasul - Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de MS, conduzida pelo diretor secretário da Famasul, Ruy Fachini, e pelo presidente da Fettar-MS - Federação dos Trabalhadores e Trabalhadoras Assalariados Rurais do Estado de MS, Valdinir Nobre de Oliveira.

Para os trabalhadores rurais que recebem acima do mínimo rural vigente, o reajuste fixado será de 6,5%, desde que o valor final não fique abaixo do piso estabelecido.

Com informações Famasul

Noticias da Pecuaria


,25/02/2015 às

Casas de carne em Maracaju (MS) recebem consultoria do Senai

O trabalho, realizado em parceria com o Sebrae/MS e a Prefeitura de Maracaju, foi iniciado no fim do ano passado e concluído neste ano, envolvendo a equipe de consultores da área de alimentos e bebidas.



Cinco empresas localizadas no município de Maracaju (MS), que atuam no ramo de casas de carne e açougues receberam consultoria do Instituto Senai de Tecnologia – Alimentos (IST Alimentos).

Segundo a supervisora de tecnologia e inovação do IST Alimentos, Maria Eugênia Petenuci, o trabalho buscou contribuir para garantia da qualidade higiênico-sanitária das empresas de Maracaju.

De acordo com consultor responsável pela implantação da consultoria, Vitor Matheus Bordin, quando o programa de qualidade é implantado com eficácia representa vantagem competitiva.

Ainda como parte da consultoria, os técnicos do IST Alimentos ministraram uma palestra sobre boas práticas de fabricação, higiene e manipulação de alimentos direcionada aos manipuladores para mostrar as consequências graves por conta da ingestão de alimentos com algum tipo de contaminação, representando um importante problema de saúde pública além de denegrir a imagem da empresa em caso de algum surto alimentar.

As empresas que aderiram ao serviço foram Casa de Carne Beef Nobre, Casa de Carne Karlonga, Casa de Carne Novilha de Ouro, Açougue do Nego e Açougue e Conveniência Ribeiro Silva.
Informações assessoria de imprensa Senai

Notícias da Pecuária


,23/02/2015 às 08:22

Expo Umuarama 2015; Lucas Lucco é uma das atrações do evento

A cidade de Umuarama (PR) recebe nos dias 5 a 15 de março a edição 2015 da Exposição Agropecuária Umuarama - Expo Umuarama.



Leilões, julgamentos, exposição de maquinários e serviços são algumas das atrações da feira, bem como os shows com artistas nacionais.

O cantor sertanejo Lucas Lucco é uma das apresentações confirmadas.

Confira a programação oficial de shows:

06 de março: Loubet + Conrado & Aleksandro

07 de março: Jads & Jadson

11 de março: Henrique & Juliano

13 de março: Lucas Lucco

14 de março: Teodoro & Sampaio.

Os ingressos já estão à venda.

Informações: http://expoumuarama.com.br/

Notícias da Pecuária


,20/02/2015 às 08:12

Cuidados da desmama será discutido no Circuito ExpoCorte em Cuiabá

O Médico Veterinário Diede Loureiro ministrará a palestra "Cuidados na desmama e recebimento de animais" no Circuito ExpoCorte - Etapa Cuiabá (MT).



O encontro acontece entre os dias 11 e 12 de março no Centro de Eventos do Pantanal.

Interessados em participar podem realizar suas inscrições no site: www.circuitoexpocorte.com.br

Sobre o palestrante:

Diede Loureiro

Médico Veterinário e Gerente de Contas Especiais - Pecuária da Phibro Animal Health. Formado pela Universidade do Oeste Paulista, possui especialização em reprodução animal no Canada, sob supervisão da University of Saskatchewan, foi juiz internacional de gado de pista da raça Angus, no Canadá, no ano de 2001. Atuou como consultor em diferentes projetos de grande porte em vários estados do Brasil. Comandou operações agropecuárias de larga escala nos estados de GO e MT.

Notícias da Pecuária


,20/02/2015 às 07:58

Pecuarista é multado em R$ 19 mil por desmatamento ilegal

Durante fiscalização realizada no período de Carnaval, Policiais Militares Ambientais de Coxim (MS) autuaram um pecuarista por desmatar área protegida por lei.


Foram derrubadas matas ciliares do Rio Jauru, em quase um hectare em construção de abertura até o rio para a dessedentação do gado, totalizando 19 hectares de desmatamento sem autorização ambiental.

As atividades foram paralisadas.

O proprietário da fazenda foi multado em R$ 19 mil, responderá por crime ambiental e deverá apresentar Plano de Recuperação da Área Degradada (PRAD), junto ao órgão ambiental.


Com informações PMA MS


,19/02/2015 às 09:15

Como obter lucros com produção de novilhos precoces será tema de curso

A Associação Sul-mato-grossense dos Produtores de Novilho Precoce realiza no dia 27 de fevereiro, treinamento gratuito sobre como ganhar dinheiro com a produção de novilhos precoces.


O evento, destinado aos produtores associados à Novilho MS, será ministrado pelo diretor de produção Antônio João de Almeida.

“Muitos produtores ainda não estão obtendo o máximo por seus animais. Fazer um dia de trabalho onde serão detalhados modelos de produção visando produzir o melhor animal e obter o máximo de ganho financeiro é a meta desta primeira edição da Novilho Precoce MS em Ação”, convida o diretor.

Veja a programação do treinamento:

Período da manhã

Tema 1 - O boi que a novilho produz e o que o mercado quer

Tema 2 - A fêmea que a Novilho produz e o que o mercado quer

Tema 3 - Como escalar melhor seus animais


Período da tarde

Tema 4 - Como produzir o boi de 18 @ em 24 meses ou menos

Tema 5 - Como produzir a novilha de 13 @ em 24 meses ou menos.

Tema 6 - Como a Novilho Precoce MS poderá auxiliar o associado a ter uma melhor remuneração pelo seu animal.

Serviço:

Treinamento "como ganhar dinheiro com a produção de novilhos precoces"
Data: 27 de fevereiro
Horário: 8 às 17h
Local: CAMDA – Avenida Consul Assaf Trad n.º 2171 em Campo Grande/MS.

Mais informações podem ser obtidas na Associação, pelo telefone: (67) 3324-7082.
Com informações Assessoria de Imprensa

Notícias da Pecuária


,18/02/2015 às 09:22

Famato promove palestra sobre destino da carne

O evento terá início às 14 horas com a palestra "O que o mercado exige", ministrada por Daniel Abreu, Engenheiro Agrônomo e professor da Universidade Federal de Mato Grosso Campus Sinop MT.

Já às 15 horas será realizada a palestra "Mercado Mundial da Carne: Tendências e perspectivas", com Ryan Murphy, Coordenador Comercial e Gerente de Suporte para a Unidade de Negócios de suíno da Big Dutchman, na China.

As inscrições devem ser confirmados diretamente na Famato pelo telefone (65) 3928-4421 ou pelo e-mail eventos@famato.org.br

Participe!


Noticias da Pecuaria


,16/02/2015 às 09:17

Caminhão é apreendido com carga ilegal de agrotóxicos

Policiais Militares Ambientais de Miranda (MS) apreenderam na última semana um caminhão a BR 262, sentido Miranda/Corumbá, por estar transportando ilegalmente galões e caixas de agrotóxicos.

Além de não possuir licença ambiental os produtos eram transportados sem qualquer tipo de cobertura/proteção, identificações em relação a símbolos para transporte de produtos perigosos, ou sinalizações, contrariando as normas técnicas e a legislação ambiental.

O veículo e o agrotóxico foram aprendidos.

Os responsáveis pelo produto responderão por crime ambiental. Se condenado, poderá pegar pena de um a quatro anos de reclusão.

A empresa responsável pela carga, situada no município de Maracaju (MS), foi multada em R$ 22 mil.



Informações PM MS

Noticias da Pecuaria


,14/02/2015 às 08:25

Aumenta a exportação de carne brasileira no início de 2015

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) divulgou nesta semana a expansão de novos mercados para a exportação da carne produzida no Brasil.

O Paquistão habilitou no dia 19 de janeiro estabelecimentos de carne de aves a exportarem para aquele país.

Já no dia 29 de janeiro, o Serviço Federal de Vigilância Sanitária e Fitossanitária (Rosselkhoznadzor) da Rússia autorizou novos estabelecimentos brasileiros a exportarem carne de aves e produtos lácteos para o mercado russo.

No caso de carne de aves, oito estabelecimentos foram habilitados, totalizando 52 autorizados a exportarem para a Rússia. Já de produtos lácteos e derivados, três novos estabelecimentos foram autorizados.


Outra novidade é com relação à Venezuela. O Ministério da Agricultura e Terras do país informou que, como fruto da missão do Mapa, realizada em janeiro deste ano, haverá prorrogação, até 15 de maio 2015, da habilitação dos estabelecimentos para exportação de carne de aves, suínos e bovinos ao país.
Com informações Mapa

Noticias da Pecuária


,13/02/2015 às

68 cabeças de gado morrem após queda de raio

Morte foi registrada no início da semana em uma fazenda localizada em Três Lagoas, interior de Mato Grosso do Sul.



Um raio atingiu 68 cabeças de gado no distrito de Arapuá, próximo a Três Lagoas (MS).

De acordo com informações do site Arapuá MS, o raio atingiu a fazenda Três Meninas na última terça-feira (10).

O Estado de Mato Grosso do Sul é considerado um dos maiores em incidência de raios.

Notícias da Pecuária


,11/02/2015 às

Carne de peixes do Pantanal se transformam em novos produtos

Pesquisa desenvolvida entre a Embrapa Pantanal, a Universidade Federal de Mato Grosso e a Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul encontraram outras maneiras para aproveitar a carne de peixe do Pantanal.



Os pesquisadores estudam o uso de espécies nativas da região como curimbatá, piavuçu, palmito e barbado, como ingredientes para a fabricação de quibes e patês.

Segundo o pesquisador da Embrapa Pantanal, Jorge Lara, coordenador do projeto, as carnes diferenciadas desses animais podem atrair um público interessado em experimentar o sabor de peixes considerados exóticos em diversas regiões do país.


Com informações Globo Rural


,10/02/2015 às

Boi no conceito 7.7.7 será apresentado no Circuito ExpoCorte 2015

“Para produzir o Boi 7.7.7, deve-se ter atenção especial aos animais sempre, desde uma boa performance reprodutiva até planejar o desenvolvimento de cada fase do animal", revela Carla Tuccilio, organizadora do evento.



Animais com 7@ na desmama, 7@ na recria e 7@ na engorda e terminação, sendo abatidos com 21@ aos 24 anos. Estes são os parâmetros de produção pecuária que definem o Boi 7.7.7, conceito desenvolvido pelo Polo Regional da Alta Mogiana, da Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA), da Secretaria de Agricultura e Abastecimento (SAA) de São Paulo e que norteará a edição de 2015 do Circuito ExpoCorte, evento que percorre alguns dos principais polos pecuários do Brasil para levar informação e tecnologia aos produtores.

Organizado pela Verum Eventos, o Circuito ExpoCorte 2015 terá início em Cuiabá (MT), nos dias 11 e 12 de março.

Em dois dias de workshop com palestras e debates, o Circuito ExpoCorte mostrará como fazer o Boi 7.7.7 com a contribuição de grandes especialistas em cada tema necessário para atingir esses índices de produção. Além das discussões, os participantes terão acesso às tecnologias disponíveis no mercado, trazidas por empresas de referência no setor que participam da feira de negócios que compõe o evento.

“Para produzir o Boi 7.7.7, deve-se ter atenção especial aos animais sempre, desde uma boa performance reprodutiva até planejar o desenvolvimento de cada fase do animal, com protocolos eficientes de nutrição, sanidade, além de uma mão de obra qualificada e motivada. As condições de pastagens, junto a uma infraestrutura bem instalada e operacional também são vitais para o sucesso e para o desempenho positivo em todas as fases do bovino na fazenda. O Circuito ExpoCorte de 2015 tratará cada aspecto necessário para se buscar o Boi 7.7.7, conceito ideal para quem quer ter rentabilidade na pecuária de corte de agora em diante”, destaca a diretora da Verum Eventos, Carla Tuccilio, que organiza o Circuito.

“Atingindo os índices 7.7.7, é possível obter melhor padronização de produção dos animais e consequentemente uma carne com mais qualidade, já que se trata de um animal jovem e com uma carcaça bem acabada. O conceito 7.7.7 faz com que a produção de arrobas por hectare aumente sensivelmente e os resultados de lucratividade da propriedade avancem muito. Para continuarmos a evoluir na pecuária de corte e ter alta rentabilidade, precisamos nos encaixar no parâmetro 7.7.7 nas três fases de produção (cria, recria e engorda), logicamente com a preparação e os cuidados inerentes ao processo”, completa o médico veterinário Diede Loureiro, que compõe o comitê coordenador de conteúdo do Circuito ExpoCorte.

Palestras confirmadas

Para a etapa de Cuiabá, promovida em parceria com a Acrimat - Associação dos Criadores de MT, já estão confirmadas palestras com os pesquisadores do Polo Regional da Alta Mogiana, da Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA), da Secretaria de Agricultura e Abastecimento (SAA), Flavio Dutra de Resende e Gustavo Siqueira, com os consultores Wagner Pires e Antônio Chaker, Diede Loureiro, da Phibro e Leonardo Alencar, do Minerva Foods, além da apresentação de casos de sucesso de produtores de Mato Grosso.

Os patrocinadores Master desta edição do Circuito ExpoCorte são Minerva Foods, Zoetis, Philbro, Dow AgroScienses e DSM-Tortuga.

As inscrições para a etapa de Cuiabá estão abertas e podem ser feitas pelo site www.circuitoexpocorte.com.br.
Informações Assessoria de

Noticias da Pecuária


,09/02/2015 às

Abertas inscrições para pós-graduação em Gestão de Agronegócio

O Centro Universitário Anhanguera de Campo Grande – Unidade 1 - lança o novo curso de pós-graduação Lato Sensu em “Gestão de Agronegócio”.

As aulas iniciam no dia 2 de março, com a duração de 14 meses e carga horária de 360 horas.

Segundo a coordenadora dos cursos de pós-graduação do Centro Universitário Anhanguera de Campo Grande, Grazihely Paulon, o curso conta com disciplinas dinâmicas, que permitem aos alunos contato na prática com as principais cadeias produtivas do Agronegócio no Estado do Mato Grosso do Sul, como a pecuária, silvicultura; sistemas integrados (ILPF) e agricultura.

Com aulas presenciais, a especialização terá a duração de 14 meses; inscrições podem ser feitas pela internet

As inscrições podem ser feitas pela internet, por meio do link https://www.portalpos.com.br/.

Noticias da Pecuária


,07/02/2015 às 09:01

Preço do leite continua em queda, alerta Cepea

O mês de janeiro não foi nada favorável para os produtores de leite. Segundo o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada, da Esalq/USP - Cepea, a queda do preço atingiu 17%.



Confira o que diz o Cepea:

"O movimento de queda persiste desde junho/14 e já diminuiu a “média Brasil” (GO, MG, PR, RS, SC, SP e BA) líquida (valor recebido pelos produtores) em 17% – esta média é ponderada pelo volume captado no respectivo mês nos estados que a compõem.

Em janeiro, a “média Brasil” líquida (não inclui frete nem impostos) foi de R$ 0,8446/litro, redução de 5,8% ou de 5,2 centavos de Real por litro na comparação com dezembro/14 e de 10,8% em relação a janeiro/14, em termos reais (deflacionados pelo IPCA de dez/14). O preço bruto médio (inclui frete e impostos - pago ao produtor) foi de R$ 0,9292/litro, queda de 5,3% ou também 5,2 centavos frente ao mês anterior".

Informações Cepea


,06/02/2015 às 08:50

Senar MS realiza Encontro de Instrutores 2015 neste mês

O Senar/MS – Serviço Nacional de Aprendizagem Rural realiza nos dias 23 a 25 de fevereiro o "Encontro de Instrutores 2015".



O intuito do evento é reunir os 190 profissionais da área que atuam na instituição e que são responsáveis por ministrar os 166 diferentes cursos oferecidos atualmente pelo Senar/MS.

O Encontro faz parte das atividades de qualificação interna realizadas pelo Senar/MS desde o início de ano, por meio de atualização para os instrutores, mobilizadores e supervisores da instituição.

O encontro será realizado em Campo Grande, no Âncora Hotel.
Com informações Senar MS

Notícias da Pecuária


,05/02/2015 às

Indea MT disponibiliza Guia de Trânsito Animal Eletrônica

O sistema encontra-se disponível no site do Instituto de Defesa Agropecuária de Mato Grosso - Indea-MT (http://migre.me/ot4cp).

O analista de Pecuária da Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso (Famato), Rafael Linhares, disse que "os serviços vão diminuir a burocracia e facilitar a vida do produtor, que poderá consultar o saldo animal em suas respectivas fichas e emitir a e-GTA para abate de qualquer local e horário, por meio de internet, sem precisar se deslocar aos escritórios do Indea," informa.

De acordo com informações da Famato, os produtores rurais poderão acessar, no Módulo do Produtor, as taxas do Fundo Emergencial de Saúde Animal do Estado de Mato Grosso (Fesa-MT), Fundo Estadual de Transporte e Habitação (Fethab), Fundo de Apoio à Bovinocultura de Corte (Fabov) e do Indea para recolhimento conforme a faixa etária e a quantidade de animais multiplicados ao fator multiplicador da Unidade de Padrão Fiscal (UPF).

Com informações Famato

Notícias da Agrícultura


,03/02/2015 às 08:55

Pecuária de corte e leite serão temas de cursos do Senar MS

Instituição realizará 122 cursos gratuitos durante este mês direcionados para áreas do agronegócio.

O Senar/MS - Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso do Sul oferece em fevereiro capacitações nas áreas de pecuária, agricultura, silvicultura, aquicultura, agroindústria, artesanato, prestação de serviço, atividades agrossilvipastoris e apoio às comunidades rurais.

Confira:

Agricultura:

Por meio da aplicação de técnicas corretas de adubação, plantio, tratos culturais, colheita e comercialização, a entidade realiza na área de agricultura os cursos de Cultivo de Mandioca em Figueirão, Plantio e Manejo Básico de Pomar em Bela Vista e Ribas do Rio Pardo e Cultivo e Manejo Básico de Horta em Rio Brilhante, Porto Murtinho e também em Bela Vista.

Pecuária:

Os segmentos da pecuária de corte e leite também contam com capacitações para Doma Racional em Naviraí, Alcinópolis, Nova Andradina, Batayporã e Miranda; Aplicação de Medicamentos em Bovinos em Naviraí; Manejo Nutricional de Bovinos; Como Produzir Leite com Qualidade em Inocência e Manejo de Pastagens em Camapuã.

Agroindústria:

Com foco no aproveitamento da matéria-prima, o Senar/MS capacita para Fabricação Caseira de Derivados do Leite em Campo Grande, Cassilândia, Aparecida do Taboado e Eldorado. Tomate, mandioca, frutas e hortaliças também são tema de cursos da entidade em fevereiro. A partir desses produtos são produzidas receitas com o objetivo de evitar o desperdício, garantir melhor alimentação da família e até contribuir de forma significativa gerando lucros.

Atividades agrossilvipastoris:

Voltadas para a qualificação da mão de obra no campo, os cursos do setor agrossilvipastoril, que envolvem os sistemas de integração, abrangem manutenção, operação e revisão de máquinas agrícolas. Em fevereiro serão oferecidas capacitações para Noções de Colhedeiras de Cana-de-Açúcar, Operação de Trator com Transbordo Canavieira, cada um em oito municípios do Estado.

Mais informações podem ser obtidas no site: www.senarms.org.br.
Informações Senar MS


,31/01/2015 às

Frigoríficos brasileiros serão vistoriados

O intuito é ampliar a lista de plantas autorizadas a exportar o produto para o país.

A visita técnica foi acertada entre representantes da Secretaria de Relações Internacionais do Agronegócio e da Secretaria de Defesa Agropecuária, do Ministério da Agricultura, com os técnicos dos Ministérios da Agricultura e Terras, da Saúde e da Alimentação da Venezuela.

O país é o terceiro maior importador de carne bovina do Brasil.
Com informações Mapa

Notícias da Pecuária


,27/01/2015 às 08:30

Confinamento será tema de encontro em Ribeirão Preto

Acontece etre os dias 3 a 6 de março, em Ribeirão Preto, a 10ª edição do "Encontro Confinamento – Gestão Técnica e Econômica".

O evento terá como tema o caminho certo para a pecuária competitiva.

Veja a programação:

Pré-conferência “18 a 21 arrobas em 24 meses: quanto o confinamento depende do pasto?”:
- Desempenho do nascimento ao abate;
- Nutrição pós desmama;
- Ganho compensatório x ganho de carcaça;
- Planeja para Crescer- demonstração do software Ciclo.

Painel Inovações Tecnológicas:
- AMP Feed, um novo ingrediente para dietas de bovinos de corte e suas aplicações;
- Fatores que influenciam o melhor uso do amido na nutrição de bovinos confinados;
- Impacto das micotoxinas nos resultados zootécnicos e econômicos do confinamento;
- Como recriar bezerros em confinamento.

Painel Economia e Mercado:
- Perspectivas para o mercado de grãos e de boi gordo em 2015;
- Do confinamento ao prato: tendências e desafios da carne bovina;
- Como o mercado futuro pode alavancar os lucros do confinamento;
- Quanto custa a ociosidade no confinamento.

Painel Gestão e Manejo:
- Como transformar o esterco em fertilizante organomineral na propriedade;
- Fibra efetiva e o desafio de formular dietas de alta energia;
- Terminação de fêmeas de descarte;
- Estudo de caso da Fazenda Santa Maria;
- Melhor decisão para dias de cocho.

Haverá também Dia de Campo na Fazenda Santa Helena, em Altinópolis (SP).

Participe!

Mais informações: www.gestaoconfinamento.com.br

Notícias da Pecuária


,24/01/2015 às 08:53

Abate de boi gordo continua lento, revela Cepea

"As negociações de animais para abate continuam lentas no correr deste mês. Do lado comprador, agentes de frigoríficos alegam dificuldade para manter os valores da carne com osso no atacado.

Para o vendedor, o problema estaria na compra de lotes para reposição, já que, além da baixa disponibilidade de animais, os preços permanecem elevados.

Nesse contexto, frigoríficos pressionam as cotações com a abertura de preços menores para compra. A reação de grande parte dos pecuaristas a esse posicionamento da indústria, no entanto, tem sido a de retração, o que limita quedas mais acentuadas da arroba.

Entre 14 e 21 de janeiro, o Indicador do boi gordo ESALQ/BM&FBovespa subiu apenas 0,28%, fechando a R$ 142,66 nessa quarta-feira, 21.

Na parcial do mês, a queda é de 0,76%."
Informações Cepea

Notícias da Pecuária


,22/01/2015 às 08:15

Preço da arroba do boi gordo atinge R$ 143 em MS

A arroba do boi gordo teve um aumento de 27% se comparado com o mesmo período de 2014, atingindo preço recorde de R$ 143.

O motivo da alta seriam as ofertas restritas.

A arroba da vaca gorda também acompanhou a valorização e o preço da arroba atingiu R$ 113.


,21/01/2015 às

Abertas inscrições para MBA em Agronegócio

O Instituto Mato-Grossesense de Economia Agropecuária (Imea) está com inscrições abertas para nova turma de MBA em Agronegócio.

A capacitação, promovida em parceria com a Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq) e certificado pela Universidade de São Paulo (USP), tem como objetivo ampliar o conhecimento dos alunos nos principais assuntos do agronegócio.

Na grade estão os seguintes temas: análise de risco em projetos, comércio internacional, cooperativismo, contabilidade e indicadores de rentabilidade, financiamento agrícola, gestão ambiental e de pessoas, política agrícola brasileira, política tributária, práticas de trading, risco de crédito, visita técnica, entre outros.

Serão 24 meses de capacitação, com aulas presenciais na sede da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Mato Grosso (Famato).

As vagas são limitadas.

Informações e inscrições podem ser vistas no site: www.pecege.org.br.


,20/01/2015 às 09:35

Showtec 2015 começa nesta quarta-feira

A partir desta quarta-feira (21) a cidade de Maracaju (MS) se transformará em um polo de tecnologia para o agronegócio com o início do Showtec 2015.

Destinado aos produtores e empreendedores rurais, técnicos agrícolas, acadêmicos, entre outros, o Showtec é uma feira anual onde são apresentados produtos e serviços ligados ao setor agropecuário, lançamentos, inovações tecnológicas, sistemas de produção, palestras técnicas e resultados de pesquisas que contribuem para a sustentabilidade do agronegócio brasileiro.

O evento, que irá acontecer de 21 a 23 de janeiro de 2015, em Maracaju (MS), é realizado pela Fundação MS e tem como principais apoiadores o Sistema Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária de MS), Sistema OCB/MS e Aprosoja/MS (Associação dos Produtores de Soja de Mato Grosso do Sul) e conta com a participação de outras entidades e instituições de pesquisa.

São esperados amis de 15 mil visitantes.

Participe!

Mais informações podem ser obtidas no site: http://www.portalshowtec.com.br/
Com informações Assessoria de Imprensa

Notícias da Pecuária


,17/01/2015 às 08:15

Pecuária no Pantanal garante sustentabilidade com auxílio da tecnologia

A Embrapa desenvolveu um software - Fazenda Pantaneira Sustentável (FPS)- com o intuito de auxiliar os produtores da região em avaliar os processos produtivos da pecuária de corte local, conhecendo assim o nível de sustentabilidade das propriedades.


Sandra Santos, pesquisadora da Embrapa Pantanal que coordena o projeto revela que "a sustentabilidade de uma fazenda é um equilíbrio entre os aspectos do sistema produtivo que considera as dimensões econômica, social e ambiental".

Ela afirma que essas três áreas são avaliadas igualmente na leitura da FPS através da análise dos chamados "indicadores".

Como funciona?

Para usar o software, o pecuarista precisa de um computador com acesso à internet. O produtor ou o assistente técnico verifica os diferentes aspectos dos registros sobre a fazenda, a partir de medidas como o escore corporal das vacas, por exemplo.

Depois, ele entra no sistema da FPS e dá notas aos indicadores. A partir daí, o software gera uma nota final que integra as informações de todos os índices, produzindo um relatório para dizer se a fazenda está sustentável ou não e mostrando quais aspectos têm que ser melhorados para que ela se aproxime dessa sustentabilidade.

Mais informações estão disponíveis no site da Embrapa Pantanal!
Informaçõe Embrapa Pantanal

Notícias da Pecuária


,16/01/2015 às 08:35

Gado invade área de nascente e proprietário rural recebe multa de R$ 5 mil

Um arrendatário de uma fazenda localizada próxima à cidade de Paranaíba (MS) foi autuado por Policiais Militares Ambientais de Aparecida do Taboado, após ser constatado que gado criados no local circulassem pela Área de Preservação Permanente - APP (nascentes), proibida pela legislação.

Durante a vistoria, os policiais verificaram que a área de nascente do córrego Ramalho não se encontrava cercada, permitindo que o gado tivesse acesso a uma região com vários olhos d’água.

A área de um hectare, localizada a 2 km da cidade de Paranaíba (MS) era utilizada para dessedentação do rebanho e estava toda pisoteada, com a vegetação sendo degradada e os caminhos que o gado utilizava estavam iniciando-se processos erosivos.

O arrendatário da propriedade afirmou que teria dado acesso ao gado recentemente, em razão de ter secado a área não protegida, onde os animais realizavam a dessedentação.

O arredantário foi multado em R$ 5 mil e responderá também por crime ambiental, podendo pegar uma pena de detenção de um a três anos.

As atividades foram interditadas e o proprietário rural foi notificado a retirar o gado e cercar a área de nascente, bem como a corrigir os processos de degradação.
Informações PMA MS

Notícias da Pecuária


,15/01/2015 às

Showtec 2015; Confira a programação do evento

Na última semana a Fundação MS, responsável pela realização do evento, divulgou a programação.

22/Janeiro

8h/Espaço Giro Tecnológico
* Controle Biológico
Eng.Agr.MSc. José Fernando Jurca Grigolli
* Variedade de Soja
Eng.Agr. Carlos Pitol
* Reforma de Pastagem
Eng.Agr.MSc. Alex Marcel Melotto

23/Janeiro

8h/Espaço Giro Tecnológico * Diagnóstico de Compactação do Solo
Eng.Agr.MSc.Douglas Castilho Gitti
* Variedade de Soja
Eng.Agr. Carlos Pitol * Consórcio de Soja
Eng.Agr.MSc. André Luis F. Lourenção* Experiência do Produtor Rural


MAIS FLORESTA

23/Janeiro
08h/Auditório

Benefícios da integração lavoura, pecuária e floresta;
Formação de pastagens em integração com árvores;
Reformas de pastagens em integração com lavoura e floresta;
Casos de sucesso do MS em ILPF.
14h/Dinâmicas de implantação de sistemas de ILPF.
Demonstração, procedimentos, insumos e máquinas.

Plantio do componente florestal;
Implantação de lavoura;
Formação de pastagem.

22/Janeiro
8h/AuditórioBIO SUL


Seminário
Manejo Varietal de Cana-de Açúcar

Palestra:
Programa Melhoramento e Resultados para o MS.

14H/Cases de sucesso

Marcelei Silva (Adecoagro)
Alexandre Sulino (Biosev)
Adriano Silva (Energética Santa Helena)
Adilson Cardeal (Nova América Agrícola)


MÁQUINA DE IDEIAS

21/Janeiro
14h/Auditório SHOWTEC

FERRAMENTAS DE GESTÃO
22/Janeiro
8h/Espaço das Ideias

COWORKING
14h/Espaço das ideias

QUEBRA-CABEÇA
23/Janeiro
8h/Espaço das Ideias

COWORKING
14h/Espaço das ideias

QUEBRA-CABEÇA

EMBRAPA

22/Janeiro

08h/ Auditório Embrapa
Painel: Sistema de Produção Sustentável;
Você pergunta a Embrapa Responde.
Alternativas para redução dos custos de produção;
Integração lavoura-pecuária.
14h/Auditório Embrapa
Demonstração
Inteligência Artificial. Novas Ferramentas para a gestão dos sistemas de produção.

23/Janeiro
08h/Auditório Embrapa
Painel: Sistema de Produção Sustentável;
Você pergunta a Embrapa Responde.
Integração lavoura-pecuária;
Manejo integrado de plantas daninhas.

CIRCUITO PEQUENOS NEGÓCIOS RURAIS

21/Janeiro
14h/Espaço pequenos negócios rurais
Sistema de produção de leite com gado confinado;
Análises da qualidade do leite;
Manejo de pastagens.

22/Janeiro
08h/Espaço pequenos negócios rurais
Projeto PAIS;
Processamento mínimo de alimentos.
14h/Espaço pequenos negócios rurais
Sistema de produção de leite com gado confinado;
Análise da qualidade do leite;
Manejo de pastagens.Confira:

Participe!

Mais informações podem ser obtidas no site:

www.portalshowtec.com.br


,13/01/2015 às

Setor de carnes lidera exportações do agronegócio brasileiro

O montante atingido foi de US$ 6,77 bilhões contra US$ 6,39 bilhões no mesmo período de 2013. Um aumento de 5,9%.

O destaque no ranking das exportações ficou com o setor de carnes: US$ 1,46 bilhão, aumento de 3,8% no valor exportado.

A carne de frango foi o item mais exportado, com US$ 653 milhões, crescimento de 5,9%. Em segundo lugar está a carne bovina, com exportações que somaram US$ 636 milhões, aumento de 2,9%.

Já a carne suína foi o terceiro item do setor e teve crescimento de 5,3%, com receita de US$ 105 milhões.

Na sequência vem o complexo sucroalcooleiro com US$ 821 milhões.

Em terceiro lugar estão os produtos florestais com receita de US$ 873 milhões.
Com informações Mapa

Noticias da Pecuaria


, às

Fazenda em Ponta Porã sediará Dia de Campo

Acontece na próxima terça-feira (13), na Fazenda Bocajá, localizada à 25 km de Ponta Porã (MS), Dia de Campo para apresentar as tecnologias nas áreas de cultivo agrícola.

Pesquisadores da MS Integração mostrarão aos participantes um incremento de 7 a 8 sacos por hectare em variedades transgênicas e chegando a até 10 sacos por hectare quando comparada com a convencional, o que representa uma rentabilidade média/líquida de R$ 1.500,00 entre as safras.

A pesquisa vem sendo desenvolvida na Fazenda Bocajá nas últimas três safras em uma área aproximada de três hectares em diferentes épocas de semeaduras, onde nesta safra 2014/2015 pelo menos 34 variedades resistentes a lagartas e de alta produtividade (Intacta RR2) serão apresentadas pelo engenheiro agrônomo da MS Integração, Ricardo Barros, e pelas empresas parceiras do evento.

O evento será realizados das 15h00 às 17h00. Veja a programação:

15h00 às 15h20 - Abertura do Dia de Campo

15h20 às 16h50 - Visita à Área de Pesquisa de Variedades de Soja RR e Intacta RR2
Ricardo Barros. Eng. Agr. Dr. MS Integração
1ª Época de Semeadura – 22/09/2014 – 13 Variedades RR e 30 Variedades Intacta RR2
2ª Época de Semeadura – 04/10/2014 – 17 Variedades RR e 32 Variedades Intacta RR2
3ª Época de Semeadura – 18/10/2014 – 20 Variedades RR e 34 Variedades Intacta RR2

16h50 às 17h30 - Correção de Perfil do Solo e Ajustes Tecnológicos para o Equilíbrio Nutricional do Sistema Solo/Planta através do Mapeamento por Agricultura de Precisão
Dirceu Luiz Broch. Eng. Agr. M. Sc. MS Integração
Roney Simões Pedroso. Eng. Agr. MS Integração

17h30 - Encerramento

O evento conta com o apoio das empresas Brasmax, Coodetec, Dow AgroSciences, Monsoy, Nidera, Riber KWS, Syngenta e TMG.

Mais informações sobre o Dia de Campo podem ser obtidas pelos telefones (67) 3454-6567/9973-0588 ou pelo site www.msintegracao.com.br
Informações Assessoria de Imprensa

Noticias da Pecuária


,10/01/2015 às

Preço do boi gordo segue firme em diversos estados brasileiros

Segundo o analista Hyberville Neto o motivo seria a oferta curta de boiadas.

Porém houve valorização em nove, das trinta te uma praças pesquisadas pela Scot Consultoria.

O maior valor registrado foi no Sul e Oeste da Bahia e também no Oeste de Santa Catarina: R$144,00/@, à vista.

O menor valor registrado foi em Redenção, no interior do Pará: R$123,00/@, à vista.

Noticias da Pecuária


,08/01/2015 às 08:22

Rio Grande do Sul regulamenta produção do queijo artesanal serrano

A medida aprova o regulamento técnico de identidade e qualidade do queijo serrano, que leva em consideração as características físico-químicas e o modo tradicional de preparo do queijo.

Conforme o gerente técnico adjunto da Emater/RS-Ascar, Renato Cougo dos Santos, a normativa descata a manutenção do processamento artesanal, respeitando as condições de produção a partir do leite cru, sem a necessidade de pasteurização”.

O Queijo Artesanal Serrano, ou simplesmente Queijo Serrano, é um produto típico e exclusivo dos Campos de Cima da Serra e de Santa Catarina. É produzido nessas regiões há cerca de 200 anos, através da adaptação de receita de origem portuguesa, passada de geração para geração.

É produzido em pequena escala, com leite cru, nas próprias fazendas, na sua maioria por pecuaristas familiares que desenvolvem sua atividade de forma extensiva, com pequeno uso de insumos externos à propriedade. O sistema de produção é baseado nos campos nativos, preservando o ambiente, a beleza das paisagens e a cultura do homem serrano.

Apenas no Rio Grande do Sul, estima-se em 1.500 o número de famílias produtoras desse queijo. Apesar de sua importância, a produção ocorre geralmente na informalidade, colocando tanto os produtores quanto os consumidores em situação de insegurança.

Canal Rural


,07/01/2015 às 08:40

Brasil teve alta na produção de suínos em 2014

O ano de 2014 deve entrar para a história de quem trabalha com suínos. A recuperação dos preços e mercado aquecido foram os fatores que contribuiram para o cenário positivo.

Segundo a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), o Brasil produziu em 2014 cerca de 3,470 milhões de toneladas de carne suína, alta de 1,75%. Já as exportações, até novembro, somaram 455,8 mil toneladas. A Rússia foi o país que mais comprou carne suína brasileira, com participação de quase 38%. O novos mercados podem ser abertos a curto prazo.

O diretor executivo da Associação Brasileira dos Criadores de Suínos (ABCS), Nilo de Sá, diz que 2014 teve bons queda nos custos de produção, principalmente pela queda nos preços das soja e do milho.

– Além disso, a safra americana de grãos foi excepcional, havia perspectiva de se tornar a melhor safra da história. Não se concretizou dessa maneira, mas foi uma das melhores da história e isso é muito importante para o mercado brasileiro. A gente precisa lembrar que a safra americana é cinco vezes maior que a nossa. Isso influencia positivamente o nosso negócio. A alimentação representa 80%, 85% do custo de produção de suínos, para o suinocultor foi muito bom. Do outro lado a gente teve uma demanda muito aquecida – explica.

– O Brasil está começando a pensar que pode melhorar muito a sua performance nas exportações e tem muito espaço pra isso. Estamos nos prepando para acessar mercados como Córea do Sul, México, Canadá, Austrália, Nova Zelândia , Taiwan e a reabertura da África do Sul – salienta o vice-presidente da ABPA, Rui Vargas.

Para 2015 a expectativa é que novos desafios sejam superados.

–2015 deve ser ano de recessão econômica e estamos firmes de que o consumo de alimentos seja a última opção do consumidor, em termos de redução. Vamos enfrentar outros desafios, mas acho que a cadeia ja demonstrou que é possível enfrentar. A cadeia se superou em três grandes crises nos últimos 10 anos. Estamos aí, cresceindo exportando.

– Os preços devem seguir o mesmo patamar em 2015. Permanecendo assim, o produtor vai conseguir trabalhar, ter lucratividade, além de reinvestir no negócio para ser cada vez mais eficiente – conclui Sá.

Canal Rural


O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player


(67) 9823-5388